Uma "estrelinha": Márcio Almeida


Há muito tempo que ando para escrever sobre um miúdo do Académico de Viseu e hoje chegou o momento. O nome dele é Márcio Almeida tem 13 anos e sagrou-se este ano campeão distrital pelos infantis do nosso clube e para o ano tem a oportunidade de mostrar todo o seu valor no futebol de 11 actuando nos iniciados – no campeonato nacional. Apenas lhe vi fazer este ano um jogo e meio, mais precisamente a segunda parte com o Repesenses e o jogo do título contra o Resende, mas fiquei fã do seu jogo e da sua postura no terreno. Com a braçadeira de capitão no braço esquerdo actua a médio e é de uma entrega ao jogo estonteante jogando com garra – muita garra – e com um pulmão que parece inesgotável. Em entrevista ao blogue das camadas jovens do Académico de Viseu diz que o seu sonho é ser mais vezes campeão pelo Académico e espera um dia poder jogar num clube “maior”. Dizem-me que o Sporting o segue atentamente: é normal. Na próxima época levante-se da cama mais cedo, aos domingos, e confirme a sua qualidade. E já agora a dos outros também!
Ler Texto Completo

Imagens academistas

A notícia aqui reproduzida, Record, é sobre o Sporting da Covilhã. Mas antes de me atirarem pedras reparem na foto. É relativa o jogo desta época em que os covilhanenses nos venceram no Fontelo (1-3) para a Taça de Portugal. Em primeiro plano vê-se Marcos, lá atrás um bocado desfocado está Negrete. E qual o academista por trás de Fabrício?
Ler Texto Completo

O destino de Feliciano

Feliciano, ex Académico de Viseu, assinou pelo Messinense (notícia Record), ou seja, regressa à casa de partida. Boa sorte é o desejo.
Ler Texto Completo

A entrevista de João Miguel

Nome: João Miguel Campos Henriques
Data de nascimento: 24 de Novembro de 1976
Naturalidade: S. Paulo (Brasil)
Posição: Defesa/médio
Clubes representados: Oliveira do Conde (iniciados), Fiais da Telha (juvenil), CAF (juvenil/junior), Fornos de Algodres, Nelas (10 épocas) e AVFC
Morada: Nelas
Profissão: Engenheiro Agro-Alimentar

Como surgiu o convite para ingressares no Académico de Viseu?
Através do contacto de um colega e de conversas com o José Monteiro e o Sr. Albino.

Defesa direito, defesa esquerdo, médio. Passaram-se duas épocas e a dúvida ficou: qual o local onde preferes jogar?
O meu lugar preferido é o de médio/extremo esquerdo, mas também sei que tenho grande rendimento actuando como lateral direito.

Falando da época 2006/2007. O Académico começou muito mal mas acabou como campeão. Em tua opinião o que é que foi determinante em tão boa recuperação?
O título de campeão deve-se, fundamentalmente, a um grupo de trabalho fenomenal. A nossa crença e abnegação foram fundamentais para a recuperação efectuada. Sem um grupo de jogadores como aquele seria impossível.

Como classificas a tua época (2007/2008) a nível individual?
A nível individual tenho pena de ter sido colocado fora das opções demasiadas vezes durante a época, até porque tenho a consciência de que sempre cumpri e justifiquei o direito a um lugar na equipa, mas quem toma as opções e decide é a equipa técnica.

Chegaram a acreditar que era possível consegui a subida à II Divisão?
Desde o início da época sempre pensei que iríamos subir de divisão, assim como quase todos os meus colegas.

Depois de dois anos no Académico de Viseu qual o balanço que fazes? Quais os momentos mais positivos e os mais negativos?
Momentos Positivos: Grupo de trabalho espectacular (jogadores); O título conseguido. Momentos Negativos: 2.º fase do último campeonato; Menor utilização esta época; Condições e organização do trabalho da equipa; Falta de algum apoio a nível directivo (os meios não são totalmente suficientes) e da cidade.

Se pudesses voltar atrás no tempo voltavas a tomar a decisão de ingressares no Académico de Viseu? Olhando para toda a tua carreira como jogador de futebol há algo de que te arrependas?
Sempre que me for possível ajudarei o Académico de Viseu, pois também participou na minha formação como homem. Em relação à minha carreira não me arrependo de nenhuma decisão que tenha tomado.

Segundo a direcção academista saíste do clube por opção tua. É mesmo assim?
Já o tinha dito no comentário que fiz no blog. Saí do AVFC porque não gosto de entrar num projecto em que não posso garantir empenho total. Se não posso estar a 100% prefiro não participar. A minha profissão não me permite comprometer com os objectivos a que o AVFC se propõe.

Agora o desafio que te lançamos é que escolhas um onze de ex colegas e que escolhas um treinador para os “treinar”.
G. R. – Manuel Fernandes; DEF: - Poças, Coimbra, Sérgio Fonseca, Jorge Costa; MED – Rui Lage, Chalana, Bruno (irmão Neca Ex-Belenenses); AV – Filipe Figueiredo, Fernando Barros (Brasil) e Osvaldo. Peço desculpa a todos os colegas com que convivi durante todas estas épocas, mas estes formariam uma grande equipa, principalmente se estivessem em boa forma simultaneamente. TREINADOR – Rui Manuel

Como deves saber nós em A MAGIA DO FUTEBOL costumamos eleger todos os meses aquele que consideramos o melhor jogador do Académico no período em questão. Tu foste o jogador do mês de Maio. Tem algum sabor essa distinção ou nada te diz?
Todo o jogador gosta de ser reconhecido pelo seu esforço. É pena que essa nomeação não tenha sido acompanhada por sucessos colectivos.

Em todas as entrevistas colocamos este desafio aos nossos entrevistados. Esta é também uma maneira de te poderes vingar de nós. O que pensas do nosso blogue (todas as críticas boas ou más são bem-vindas)?

É um espaço excelente e que eu visito regularmente. Tem bastante informação e permite o diálogo e exposição de opiniões sobre a vida de 2 clubes. É agradável ver a interacção que existe entre os intervenientes/adeptos que é indicativa da importância que o AVFC poderia ocupar na vida de todos os viseenses (e não só).

Uma palavra para os sócios e adeptos:
Todos devem acreditar, apoiar e gritar pela equipa, mas todos têm que saber sofrer e ter paciência. Deve-se dar tempo às pessoas que pegaram neste clube para o ressuscitar e que, devido a alguma inexperiência; não conseguiram fazer tudo da melhor forma. Os erros acontecem a todos e devemos dar força a estas pessoas que acreditam e continuam a trabalhar para vos dar alegrias. Vocês devem tentar colocar-se no nosso lugar (jogadores) e lembrar-se que não há ninguém que sofra mais que nós quando o resultado é negativo.
ACREDITEM / AJUDEM / APOIEM / CRITIQUEM


Perguntas dos leitores:

Quais as motivações que te levaram a trocar o Académico de Viseu pelo Canas de Senhorim, ou seja, a III Divisão pelo distrital?
Saí para o GDR Canas de Senhorim, porque posso cumprir como programa de trabalho e objectivos traçados pelo clube e também por não me ser possível cumprir com o projecto academista. Acho também interessante que este clube queira demonstrar que a época passada não foi fruto da sorte.

Qual a razão para uma quebra tão grande de comportamento na 2ª fase do campeonato onde as exibições foram de muito fraco nível (JRA)?
Não concordo que as exibições tenham sido todas de fraco nível. Devemos também atender que o número de jogadores escolhidos preferencialmente pela equipa técnica durante a época foi reduzido o que levou a algum desgaste físico. No 1.º jogo é verdade que as coisas não correram muito bem, mas o Sr. Pedro Sanhudo expulsou (injustamente) o Mégane e ajudou ao resultado verificado. No 2.º jogo em Milheirós fizemos um jogo espectacular, mas chegámos ao cúmulo quem nem arbitro nem auxiliares viam que a bola saía do rectângulo de jogo acabando por perder 2 pontos. No 3.º jogo conseguimos uma vitória difícil em Vale Cambra, com um empenho espectacular de todos os jogadores contra as adversidades que nos foram colocadas pela arbitragem e pelos adversários (com direito a prémio em caso de empate ou vitória). No 4.º jogo devo confessar que foi o maior roubo que assisti, desde as ameaças do juiz da partida até aos pedidos de desculpa por parte dos jogadores adversários pelo que se estava a passar e mesmo assim conseguimos não perder o jogo. O 5.º jogo foi, para mim, o jogo de viragem. Fizemos um bom jogo, controlámos o adversário na primeira parte ganhando superioridade. O guarda-redes adversário fez uma exibição de grande nível e nós tivemos um erro perto do final. Penso que o grupo sentiu em demasia este jogo, pois até aqui sabíamos contra o que lutávamos e neste jogo a arbitragem foi excelente e nós tivemos o azar de perder. As contrariedades que nos tinham dado força, e raiva, até este jogo deram lugar à frustração e não mais conseguimos reagir contribuindo para isso as dificuldades de trabalhar criadas pelo estágio da selecção em Viseu.

Em primeiro lugar, desejo-te as maiores felicidades nesse teu futuro, e o fica o agradecimento por toda a tua dedicação. Relativamente ao Académico (futuro), na tua opinião, achas que se está a criar uma boa raiz, para o clube voltar a ser o que era (João Monteiro)?
Este clube tem a necessidade de alcançar a II Divisão rapidamente, pois até lá os apoios não serão os ideais e a cidade dificilmente acompanhará o clube. A equipa que está a ser preparada é bastante experiente, mas terá que ser eficaz no alcance dos objectivos de subida. A criação de uma raiz terá que ser trabalhada a partir daí, porque não são muitos, neste momento, os jogadores com margem de progressão e com tempo de carreira pela frente.

Como foi trabalhar com o Prof. Idalino? Os boatos de que havia jogadores que não gostavam dos métodos do treinador tem algum fundamento?
Em nenhuma equipa todos os jogadores estão de acordo com os métodos do treinador. Se os métodos são correctos ou não também não tenho curso de treinador para os ajuizar. Não tenho problemas em afirmar que não foram métodos de trabalho que me agradassem, mas sempre trabalhei no sentido de cumprir as minhas funções e obrigações perante o clube.
João Miguel, nova vida com novo clube, qual é a sua opinião sobre aquilo que o Canas de Senhorim pode vir a fazer na divisão de honra Associação de Futebol de Viseu?
O Canas de Senhorim vai ter a difícil missão de demonstrar que o que fez na época passada não foi uma surpresa e terá também que contar com os maiores cuidados que os adversários iram ter na abordagem dos seus jogos ante o Canas de Senhorim.

Nota: A MAGIA DO FUTEBOL agradece todo o empenho e dedicação demonstrados pelo João Miguel ao nosso clube. Boa sorte e tudo de bom para ti e para o teu novo clube.
Ler Texto Completo

O regresso de Marco Caneira

Nome: Marco António Simões Caneira
Data de nascimento: 09 de Fevereiro de 1979
Naturalidade: Sintra
Posição: Defesa
Estreia: Sporting 5 Farense 0 (10/02/1996)
Jogos: 48
Golos: 2
Títulos: 1 Taça de Portugal
Tinha feito 17 anos, no dia anterior, quando em Fevereiro de 1996 Carlos Queirós o lançou frente ao Sporting Clube Farense. Saiu do Sporting de uma maneira não muito elegante e anos mais tarde até jogou no Benfica – e todos nós sportinguistas sabemos como nos dói ser traído assim. No mercado de Inverno de 2005 regressou ao clube que o formou e conquistou uma Taça de Portugal na época 2006/2007. Conquistou também a admiração de adeptos e adversários e todos nos lembramos do golão (foto) que apontou frente ao Inter de Milão – e eu até estava no estádio. Depois de um ano no Valência aí está de novo. Excelente aquisição do Sporting. Os defensores de Paulo Bento – onde como todos sabem me incluo – este ano, pelo menos até ao momento, não podem dizer que o técnico não tem ovos para fazer as omeletas. A ver vamos o que o futuro deste defeso ainda nos reserva.
Ler Texto Completo

A época de Pontus Farnerud

Pontus Farnerud – o “irmão errado” – não deixará seguramente saudades agora que está de partida do Sporting. Apesar de poucos méritos lhe serem creditados verdade seja dita que foi sempre um profissional exemplar nunca se queixando de nada nem dos assobios que ouvia sem tocar sequer na bola.
Acaba a época com 33 pontos – creditados pela A MAGIA DO FUTEBOL na 19ª posição.


Sporting 07/08:
Total de Jogos:
22
Titular: 07
Titular Substituído: 05
Suplente Utilizado: 15
Suplente não utilizado: 27

Bwin 07/08:
Total de Jogos:
15
Titular: 04
Titular substituído: 03
Suplente utilizado: 11
Suplente não utilizado: 12

Taça da Liga 07/08:
Total de jogos:
02
Titular: 01
Titular substituído: 01
Suplente utilizado. 01
Suplente não utilizado: 04

Taça de Portugal 07/08:
Total de jogos: 02
Titular: 01
Suplente utilizado: 01
Suplente não utilizado: 02

Liga dos Campeões 07/08:
Total de jogos: 02
Titular: 01
Titular substituído: 01
Suplente utilizado. 01
Suplente não utilizado: 01
Suplente não utilizado: 03


Taça UEFA 07/08:
Total de jogos: 01
Suplente utilizado: 01
Suplente não utilizado: 05

Supertaça 07/08:
Total de jogos: 00
Suplente não utilizado: 01
Ler Texto Completo

Palavras dos outros XXIII

FDV: Como analisa o desempenho das restantes equipas do nosso distrito?
JB: Do social de Lamas já me referi, quando ao Académico de Viseu direi que mesmo não tendo feito uma 1ª fase de grande regularidade acabou por, meritoriamente, alcançar uma posição que lhe permitiu lutar pela subida de divisão. A 2ª fase foi, na minha perspectiva e assistindo por fora, má demais para ser verdade. Não tenho dúvidas que, apesar de tudo o que se falou, nomeadamente o peso das 5 equipas da A.F. Aveiro envolvidas, o Académico tinha mais que condições para alcançar um nível exibicional e pontual bem diferente daquele que apresentou nessa fase da promoção.

João Bento, treinador de futebol, em entrevista ao Futebol do Distrito de Viseu
Ler Texto Completo

Jogos de pré época

Segundo o jornal Record na sua edição de hoje, página 34, o Académico de Viseu já tem 3 jogos programados para a pré época. Os trabalhos iniciam-se, tal como sabemos, a 21 de Julho sendo que no dia 30 desse mesmo mês o Esmoriz será adversário do Académico. A 3 de Agosto o Académico defronta o Vila Real e a 9 de Agosto o adversário é a Académica de Coimbra. O que o jornal não informa é onde se disputam os jogos.
Ler Texto Completo

Académico de Viseu na imprensa


Retirado do Jornal A Bola na edição de 21 de Junho de 2008. Clique na imagem para ampliar.


Ler Texto Completo

Entrevista a Rui Lage

Rui Lage um dos históricos jogadores do CAF está de regresso ao Académico de Viseu agora na sua versão AVFC. Na hora de voltar a casa disponibilizou-se para conceder uma entrevista à A MAGIA DO FUTEBOL e aos seus leitores. Para participar deixe as perguntas na caixa de comentários a este post.

Nota: a entrevista a João Miguel segue na segunda-feira, para o agora ex jogador do Académico de Viseu, via mail. Ainda está a tempo de colocar as suas questões.
Ler Texto Completo

Apresentação dos reforços academistas

Nome: Augusto Miguel Rodrigues Cardoso
Data de nascimento: 11/02/1974
Posição: Guarda-redes
Clubes anteriores: CAF, Sporting da Covilhã, Tondela



Nome: Paulo Sérgio Freitas
Data de nascimento: 23/05/1972

Posição: Guarda-redes
Clubes anteriores: CAF, Grandolense, Espinho, Esperança de Lagos, Feirense, União Micaelense, Madalena

Nome: Manuel Alexandre da Silva Oliveira Gomes
Data de nascimento: 27/12/1973
Posição: Defesa
Clubes anteriores: Famalicão, Boavista, Chaves, Rio Ave, Leixões e União da Madeira

Nome: Hélder Ricardo Gomes Leandro
Data de nascimento: 27/01/1987
Posição: Defesa
Clubes anteriores: Penalva do Castelo



Nome: Carlos Sérgio Santos Fonseca
Data de nascimento: 22/07/1972
Posição: Defesa
Clubes anteriores: CAF, Leça, União da Madeira, Nelas, Penalva do Castelo



Nome: Rui Jorge Barreto Lage
Data de nascimento: 20/03/1973
Posição: Médio
Clubes anteriores: CAF, Feirense, Nelas



Nome: Pedro António Ferreira Santos Saraiva
Data de nascimento: 10/12/1974
Posição: defesa/médio
Clubes anteriores: Nelas



Nome: Rui Manuel Pereira dos Santos
Data de nascimento: 22/02/1980
Posição: avançado

Clubes anteriores
: CAF, Portomosense, Nelas



Nome: Tiago Filipe Martins Gonçalves
Data de nascimento: 03/09/1986
Posição: Defesa

Clubes anteriores: CAF, Sporting de Braga, Moreirense, Nelas

Nome: Luís Carlos Mendes Costa
Data de nascimento: 14/07/1986
Posição: Médio
Clubes anteriores: CAF, Sampedrense

Fotos: Saraiva, Rui Lage e Rui Santos são do site do Nelas.
Alexandre Foto do ZeroZero
Ler Texto Completo

O Plantel Academista para a época 2008/09

Na sequência da nossa anterior conferência de imprensa, e tal como o acordado no sentido de evitar especulações sobre aquisições, dispensas ou permanências de jogadores no Clube, a direcção do Académico de Viseu elaborou comunicado:

1. Saídas do Clube antes da época terminar: Feliciano, Alex e Sany.
2. Saídas do Clube por opção dos jogadores: Manuel Fernandes, Eduardo, Negrete, Carlos Santos, João Miguel e Beaud.
3. Saídas do Clube por opção da Direcção/Equipa Técnica: Marcos, Nuno, Barra, Cardoso, Valério e Mégane.
4. Permanências no Clube: Calico, Cabido, Zé Pedro Teixeira, Álvaro, Lopes, Filipe Figueiredo, Márcio e Zé Bastos.
5. Aquisições do Clube: Augusto (ex. Tondela), Paulo Freitas (ex. Madalena), Alexandre (ex. União da Madeira), Carlos Sérgio, Leandro (ex. Penalva do Castelo), Rui Santos, Saraiva, Rui Lage e Tiago Gonçalves (todos ex. S. L. Nelas), Luís Costa (ex. Sampedrense).
6. Juniores que irão efectuar a pré temporada: Rafael, Dani, João Aguiar, Mikcael, Marcelo.
7. Está ainda nas cogitações da direcção a contratação de mais um avançado.

O início da época desportiva 2008/09 será no dia 21 de Julho de 2008 pelas 19.00h no Estádio Municipal do Fontelo. Dentro de alguns dias daremos a conhecer o programa de jogos de preparação a realizar na pré temporada.
Sem mais de momento, agradecendo a vossa presença, despedimo-nos com votos de sucessos desportivos a todos estes atletas que passarão a fazer parte deste grande Clube que se denomina “Académico de Viseu Futebol Clube”.

O nosso muito obrigado.

P´lo Presidente Académico de Viseu Futebol Clube
António da Silva Albino
Ler Texto Completo

Scolari, Humberto Coelho, Ricardo e Deco

Foto: Luca Bruno / AP Photo


Portugal 2 Alemanha 3: Sobre Scolari: ainda bem que vai embora a partir de hoje Portugal voltará a ganhar europeus e quiçá mundiais. Sobre o futuro seleccionador: Humberto Coelho ou outro estrangeiro. Sobre Ricardo: tem a mania de sair a cruzamentos condenados ao insucesso defensivo, ficasse ele quietinho – como Lehman à cabeçada de Postiga – e talvez a culpa fosse de uma defesa de 100 milhões de euros – é fazer as contas -, “depois de mim virá quem de mim bom fará” e Ricardo devia deixar a selecção antes que alguém o transforme num bode expiatório de tudo o que de mau se passou. Sobre Deco: o melhor português do torneio – sim português – que não pode abandonar a selecção pois é demasiado importante para 2010.
Ler Texto Completo

Entrevista a João Miguel

João Miguel que se sagrou campeão distrital pelo Académico de Viseu Futebol Clube na época de 2006/2007 está de saída do nosso clube. Na hora do adeus disponibilizou-se a conceder uma entrevista à A MAGIA DO FUTEBOL. O que propomos aos nosso leitores é que contribuam com perguntas deixando-as no local destinado aos comentários a este post.
Ler Texto Completo

Marcos não continua no Académico


Marcos um dos capitães da equipa do Académico e um dos grandes obreiros da subida do Académico de Viseu, na época passada, à III Divisão não fará parte do plantel 2008/2009. Marcos havia sido convidado a renovar contrato com o clube – e havia aceite de tal forma que até recusou duas propostas interessantes. Com a chegada de José Miguel Borges as coisas alteraram-se e esta semana o novo treinador academista explicou-lhe cara a cara – numa atitude que agradou a Marcos – que não contava com ele dada a sua vida profissional (passa a semana a trabalhar em Madrid). Marcos respeita e aceita a decisão mas mostra-se triste pois estava à espera de continuar no Académico e receia que agora não surja nenhum convite com um projecto interessante.
Sem qualquer tipo de ressentimento Marcos deseja que o Académico consiga construir um plantel competitivo e que conquiste os seus objectivos. Deixa também agradecimentos a toda a anterior equipa técnica por terem acreditado no seu trabalho, à sua família pelo apoio e aos sócios deixa a seguinte mensagem: “agradeço o seu apoio, e aqueles que não gostavam muito de mim quero que saibam que eu sempre tentei de dar o meu melhor, espero que percebam que para mim foi um grande sacrifício estes últimos 7 meses, corresponder às necessidades da equipa, da minha vida profissional e claro a minha vida pessoal.” Marcos deixa ainda uma palavra de apreço para A MAGIA DO FUTEBOL mas essa mensagem, se não se importam, fica apenas para nós.
A MAGIA DO FUTEBOL agradece do fundo do coração toda a dedicação e empenho demonstrados pelo Marcos em prol do "nosso" clube. Faz parte dos “heróis” que ajudaram o Académico de Viseu a subir aos nacionais. Nunca nos esqueceremos. Obrigado Marcos!
Ler Texto Completo

Apresentação equipa

Assunto: Convite para Conferência de Imprensa

Exmo. Sr.:

A direcção do Académico de Viseu Futebol Clube, vem por este meio convidar a comunicação social, sócios e “Amigos do Académico” a comparecerem na sala nº 2 da Bancada do Estádio Municipal do Fontelo, no dia 19 de Junho pelas 18.30h, para a realização de uma conferência de imprensa para a apresentação da equipa do Académico de Viseu 2008/2009.
Sem mais de momento, despedimo-nos com elevada estima e consideração.

P´lo Presidente do Académico de Viseu Futebol Clube

António da Silva Albino
NOTA: A pedido de vários elementos de comunicação social e devido ao facto de Portugal jogar no mesmo dia, a conferência de imprensa, inicialmente marcada para as 19:00 passa para as 18:30. A todos o nosso obrigado desde já pela vossa comparência!
Ler Texto Completo

A época de Adrien Silva

Não foi muito utilizado mas se tivermos em conta que este ano ainda tinha idade de júnior a experiência adquirida pode ter sido muito importante já que o médio leonino apenas não actuou nenhum minuto na Supertaça ganha ao FC Porto e mesmo aí estava sentado no banco à disposição de Paulo Bento. As referências elogiosas feitas por nós nunca chegaram ao pinto de o considerarmos como o melhor do Sporting em algum jogo mas já na pré época o Adrien mostrava credenciais nos jogos particulares com o Lille e Bétis. Depois de uma época de aprendizagem espera-se mais esta época. Aguardemos.
Termina a época na 20ª posição com 33 pontos atribuídos por A MAGIA DO FUTEBOL.


Estreia:
Sporting 4 Académica 1 (Bwin 07/08)

Sporting 07/08:
Total de jogos: 14
Titular: 6
Titular Substituído: 4:
Suplente Utilizado: 8
Suplente não utilizado: 19

Bwin 07/08:
Total de Jogos: 7
Titular: 3
Titular Substituído: 2
Suplente Utilizado: 4
Suplente Não Utilizado: 11

Taça Da Liga 07/08:
Total de Jogos: 1
Suplente Utilizado: 1
Suplente Não Utilizado: 2

Taça de Portugal 07/08
Total de Jogos: 3
Titular: 2
Titular Substituído: 2
Suplente Utilizado: 1
Suplente Não Utilizado: 2

Liga Dos Campeões 07/08:
Total De Jogos: 1
Titular: 1
Suplente Não Utilizado: 2

Taça UEFA 07/08:
Total de Jogos: 2
Suplente Utilizado: 2
Suplente Não Utilizado: 1

Supertaça 07/08:
Total de Jogos: 0
Suplente Não Utilizado: 1
Ler Texto Completo

Siga a caravana

Foto: Vadim Ghirda / AP Photo


Suíça 2 Portugal 0: não foi bonito o que se passou ontem em Basileia, mas se Portugal tem direito a ter um dia mau ainda bem que esse dia chegou num jogo a feijões. Bom a feijões nunca será para os emigrantes que trabalham na Suíça e especialmente por estes que a derrota de ontem foi amarga. A derrota abriu nova caça às bruxas e Scolari pôs-se a jeito ao mudar tanto a equipa. Como se poria a jeito se não mudasse a equipa. É preso por ter cão e preso por não ter. Mas estes – os cães – ladram a caravana passa. O jogo de ontem marca ainda a estreia de Postiga pela selecção enquanto jogador do Sporting. Foi uma exibição “assim-assim” com direito a golo mal invalidado.
Ler Texto Completo

Sporting 1 Benfica 2

Sporting: Rúben Luís, Carlos André, Nuno Reis (c), Ricardo Alves (Renato Santos 70), Pedro Rodrigues, Luís Almeida, Alexandre Zahavi, William Carvalho (Luís Carlos 41), Henrique Gomes, Renato Neto e Luís Oliveira (Sérgio Simões 41). Treinador: Luís Dias

Benfica: Fábio Pereira (Marcel Debellis 70), Tiago Ribeiro, Roderick Miranda, André Campos (c), Pedro Ferreira, Rúben Pinto, Diogo Freitas, Artur Lorenço (Artur Delfino 61), Nélson Oliveira, Lassana Camará, Silvério Camará (Silveiro 61). Treinador: João Couto.

Golos:
Nélson Oliveira 23 (0-1), Luís Carlos 54 (1-1), Rúben Pinto 66 (1-2).

Jogo referente à 6ª jornada de apuramento de campeão no escalão de juvenis.

Classificação final:
1 – Benfica 14
2 – FC Porto 8
3 – Boavista 6
4 – Sporting 5
Ler Texto Completo

Parabéns Sporting da Covilhã!

O Sporting da Covilhã subiu, esta tarde, á Liga Viatlis – ou de Honra – ao bater o Olivais e Moscavide nas grandes penalidades. Quero, em meu nome, felicitar os adeptos do clube de uma cidade que viu nascer o meu filho e que me recebeu como se cá tivesse vivido toda a vida. O triunfo do Sporting da Covilhã vem mostrar que, afinal, não nos devemos render ao fatalismo da interioridade e vem provar que quando se trabalha em prol de um objectivo com seriedade e competência o êxito é possível.
Ridículo é sem dúvida o regulamento, é que se o Sporting da Covilhã mereceu a subida não é menos verdade que o Olivais e Moscavide também a merecia. Não sei a quem interessa este regulamento, aos clubes mais pequenos não é de certeza. Parabéns Sporting da Covilhã!
Ler Texto Completo

Resumindo

Muito se tem dito quanto às movimentações no Académico de Viseu – num defeso que promete ser agitado – e muito ainda se irá dizer se bem que no próximo dia 19 deste mês a direcção já prometeu clarificar várias situações – diz mesmo que apresentará o Académico de Viseu 2008/2009. Mesmo assim vamos tentar “arrumar a casa”:

Permanências: Álvaro, Calico, Filipe Figueiredo, Lopes e Márcio. Bem, deste lote só podemos confirmar mesmo Lopes. Mas dada a inegável categoria de Álvaro, Calico e Filipe Figueiredo se as suas saídas se confirmassem há muito que se falaria deles – são boas apostas. O Márcio tem pela frente uma longa recuperação de uma lesão mas é um jogador da casa, formado em casa e com um talento que ainda pode dar muitas alegrais aos academistas por isso não acredito que saia.

Saídas: Alex, Carlos Santos, Eduardo, Feliciano, João Miguel, Manuel Fernandes, Negrete, Sanny, Zé Teixeira. Destas saídas só não são oficiais Carlos Santos e Zé Teixeira no entanto o capitão faz em Agosto 36 anos – se bem que o Académico ao que tudo indica está interessado em vários veteranos – e o defesa praticamente não foi utilizado este ano. O trio Manuel Fernandes, Negrete e Eduardo vão para Mangualde – três trintões – ajudar o clube local numa hipotética subida. João Miguel foi "perdido" para o Canas de Senhorim. Alex, Feliciano e Sanny chegaram tarde e partiram cedo e penso que não deixam, muitas, saudades.

Dúvidas: André Barra, Beaud, Cabido, Cardoso, Marcos, Megane, Nuno, Valério, Zé Bastos. Beaud e Zé Bastos são jogadores com mercado para poderem jogar em divisões superiores – o camaronês pode estar a caminho do Penalva do Castelo e o ponta de lança fala-se em Arouca – a confirmar-se a sua saída são baixas importantes. André Barra é um jovem a quem foram dadas várias hipóteses neste final de época e Cabido só jogou uma vez. Cardoso e Megane apesar da idade podem ainda fazer jeito – muito jeito. Marcos foi um dos capitães a até há bem pouco tempo ainda não tinha chegado a acordo – ele que continua a trabalhar em Madrid. Valério apesar de um outro bom jogo não conquistou em definitivo os adeptos. Nuno - quando chamado nunca claudicou - com a saída de Manuel Fernandes é o único guarda-redes.

Entradas: Augusto (Tondela), Tiago Gonçalves (Nelas), Rui Santos (Nelas), Rui Lage (Nelas), Sérgio (Penalva do Castelo), Saraiva (Nelas), Xinoca (Social Lamas) e Semedo (Oliveira de Frades). Se as saídas, muitas delas – a maioria – estão confirmadas nenhum dos nomes aqui apresentados como reforços foram confirmados mas como que se costuma dizer onde há fumo há – pode haver – fogo.

Juniores: a equipa júnior do Académico de Viseu desceu de divisão mas é opinião mais ou menos unânime que existe talento. Não se sabe de nenhuma ascensão ao plantel sénior mas talvez fosse de bom-tom incluir um ou dois elementos – sempre seria um estímulo para os imensos jovens que compõe o Académico de Viseu.
Ler Texto Completo

A época de Derlei

Quando Derlei assinou pelo Sporting muitas foram a s expressões de estupefacção – que estava acabado, que o Sporting tinha dado mais um tiro no pé. A verdade é que Derlei começou muito bem a época sendo considerado por nós – editores de A MAGIA DO FUTEBOL – como o melhor do Sporting no jogo com a Académica e por consequência foi o jogador do mês de Agosto. Começou bem a época e também terminou bem e pelo meio esteve lesionado. A sua entrada frente ao Benfica nas meias-finais da Taça de Portugal foi decisiva e na final foi um jogador importante. Jogou pouco mas conquistou o coração dos sportinguistas.
Acabou a época na 21ª posição com 22 pontos atribuídos pel`A MAGIA DO FUTEBOL

Estreia:
Sporting 1 FC Porto 0 (supertaça)

1º Golo:
Sporting 4 Académica 1 (Bwin 07/08)


Sporting 07/08:
Total de jogos: 7
Titular: 5
Titular substituído: 2
Suplente Utilizado: 2
Golos: 2

Bwin 07/08:

Total de Jogos: 4
Titular: 3
Titular Substituído: 1
Suplente Utilizado: 1
Golos: 1

Taça de Portugal 07/08:

Total de Jogos: 2
Titular: 1
Titular Substituído: 1
Suplente Utilizado: 1
Golos: 1

Supertaça 07/08:

Titular: 1
Titular Substituído: 1
Ler Texto Completo

Sporting 2 FC Porto 2

Foto: Academia de Talentos

SPORTING CAMPEÃO NACIONAL DE JUNIORES


Sporting: Vítor Golas, Rui Figueiredo, Wellinton Matos, Vinícius Golas, David Santos, André Santos, André Martins, Vivaldo Arrais (Rabiu Ibrahim 76), Marco Matias, Wilson Eduardo (Paez 69) e Bruno Matias (Diogo Rosado 60). Treinador: José Lima

FC Porto: Ruca, Valter, André Pinto, Tengarinha, Stephane, André André, Jorge Chula (Marco Aurélio 53), Graça, Tiago Cintra, Joni (Elísio 64) e Josué (Carlos Santos 87). Treinador: Patrick Greveraars.

Golos: Tiago Cintra 4 (0-1), Bruno Matias 6 g.p. (1-1), Elísio 71 (1-2), Diogo Rosado 90+4 (2-2)

Outros resultados:

Benfica 5 Leixões 1

Classificação:
1 – Sporting 12
2 – Benfica 10
3 – FC Porto 9
4 – Leixões 1
Ler Texto Completo

Mais rumores

A direcção já nos prometeu no próximo dia 19 de Junho apresentar a equipa. No entanto os rumores não param. O blogue Futebol do Distrito de Viseu acrescenta os nomes de Semedo avançado de 25 anos que actuava no Oliveira de Frades e que é natural de São Tomé e Príncipe, Xinoca defesa direito de 30 anos do Social Lamas e campeão distrital pelo Académico de Viseu em 2006/2007 e também surge o nome de Saraiva jogador do Nelas um defesa/médio de 33 anos.
Ler Texto Completo

Lopes renova pelo Académico de Viseu


O médio-ala Lopes, autor de 3 golos na época que agora termina, confirmou à MAGIA DO FUTEBOL que renovou contrato com o Académico de Viseu pelo que fará parte do plantel da época 2008/2009. Fez também um balanço da época 2007/2008 e contou-nos as suas expectativas para a época em que o Académico passa a ser treinado por José Miguel Borges.

Que balanço fazes da época que acabou?
Na minha perspectiva pessoal não correu como previsto. Não foi por falta de empenho e dedicação, o que houve, talvez, foi falta de oportunidade.
Referindo-me agora à equipa penso que em parte conseguimos atingir um dos objectivos que foi passar à fase seguinte a qual não foi suficiente para alcançar o tão desejado lugar de subida.

O que esperas da nova época?
Espero acima de tudo que toda a equipa comece a época em grande e que todo o grupo se una para alcançarmos o tão desejado objectivo de subida.
Vamos todos desde a equipa técnica, jogadores, dirigentes, sócios e adeptos "levar" o Académico ao patamar que bem merece.
Ler Texto Completo

Processos

Um dos autores de A MAGIA DO FUTEBOL, o Jorge Sá ou o Jorjão, tem como todos sabemos um blogue dedicado às camadas jovens. Um tal de Paulo Xavier Correia - é assim que se identifica - ameaçou-o com dois processos judiciais. Vejam aqui. Ao indivíduo em questão proponho que nos processe também - a nós A MAGIA DO FUTEBOL - por utilizarmos no canto superior esquerdo do blogue o emblema do Académico de Viseu.
Ler Texto Completo

Benfica 1 Sporting 1

SPORTING CAMPEÃO NACIONAL DE INICIADOS


Benfica: Ângelo Martins, Pedro Almeida (C), Fábio Leite, João Santos, Bruno Gaspar, Marco Grilo (Gerson Fidalgo 63), Rui Silva (Miguel Herlein 58), Toni Sá, Bakary, Gonçalo Dias (Daniel Martins 35) e Sancidino Silva. Treinador: Bruno Lage

Sporting: João Gomes, Bruno Cardoso (Ruben Freitas 35), Paulo Silva, Thomas Ravera, Rodolfo Simões (Michael Pinto 58), João Mário Eduardo (C), Hugo Airosa, Ricardo Esgaio, João Carlos (Tiago Bragança 30), Alberto Coelho e Altaír Júnior. Treinador: Luís Gonçalves.

Golos: João Carlos 6 (0-1) , Sancidino Silva 39 (1-1)

Jogo referente à última jornada da fase de apuramento no escalão de iniciados.

Outros resultados:
FC Porto 4 Guimarães 3

Classificação:
1 – Sporting 11 (CAMPEÃO NACIONAL)
2 – Benfica 9
3 – FC Porto 7
4 – Guimarães 5
Ler Texto Completo

Guimarães 0 Sporting 2

Guimarães: Preto; Paulo Ribeiro, Tozé Cunha, Tiago Afonso e Rui; Cafú, João Pedro, Costa (Areias aos 65'), Vieira e Luís Rocha; Pedro Lemos (Orlando aos 60').Treinador: Daniel Barreira.

Sporting: João Gomes; Ruben Freitas, Paulo Silva, Thomas Ravera e Rodolfo Simões; João Mário Eduardo, Hugo Airosa e João Carlos (Afonso Figueiredo aos 51'); Altair Júnior (Bruno Cardoso aos 68'), Ricardo Esgaio e Michael Pinto (Tiago Bragança aos 35'). Treinador: Luís Gonçalves

Golos: Altaír Júnior 65 (0-1), Altaír Júnior 68 (0-2)

Jogo referente à 5ª jornada de apuramento de campeão no escalão de iniciados.

Outros resultados:
FC Porto 0 Benfica 0

Classificação:
1 – Sporting 10
2 – Benfica 8
3 – Guimarães 5
4 – FC Porto 4
Ler Texto Completo

Sporting 2 Boavista 3

Sporting: Ruben Luís, Jorge Bernardo (Diogo Ribeiro 70), Nuno Reis (c), Ricardo Alves , Pedro Rodrigues, Luís Almeida, Renato Santos, Renato Neto (Luís Carlos 24),Henrique Gomes, William Carvalho e Luís Oliveira (Januário Jesus ). Treinador: Luís Dias

Boavista:
Nelo, Renato (Adriano 34 ), Gustavo, Fábio Costa, Nuno Soares (C), Nuno Moreira (Jefferson 48 ), Lucas, Baptista, Esmael, Fábio Vieira e Nelson (Rui Carvalho 52). Treinador: Nelo

Golos: Henrique Gomes 47 (1-0), Luís Carlos 49 (2-0), Lucas 60 (2-1), Fábio Vieira 76 (2-2), Lucas 78 (2-3)

Jogo referente à 5ª jornada de apuramento de campeão no escalão de juvenis.

Outros resultados:
Benfica 2 FC Porto 1

Classificação:
1 – Benfica 11 (campeão nacional)
2 – FC Porto 8
3 – Sporting 5
4 – Boavista 3
Ler Texto Completo

Sporting 1 Leixões 1

Sporting: Victor Golas, Tiago Pedrosa (Luís Páez 40`), Weliton Matos, Vinícius Golas, David Santos, André Santos (Cap.), Marco Matias, André Renato Martins, Wilson Eduardo, Bruno Matias (Diogo Rosado 60`) e Vivaldo Arrais. Treinador: José Lima

Leixões:
Jorge (GR), Magalhães (Daniel 66`), Sonie, Luís, Tiago (Óscar 71`), Oliveira, Sequeira, Simões (Cap.), Serrano (Freitas 63`), Arsénio e Fernando. Treinador: Joaquim Santos

Golos: Serrano 31 (0-1), Diogo Rosado 75 (1-1)

Outros resultados:
FC Porto 1 Benfica 1

Classificação:
1 – Sporting 11
2 – FC Porto 8
3 – Benfica 7
4 – Leixões 1
Ler Texto Completo

Benfica 0 Sporting 1

Benfica: Rui Santos, Abel Pereira (João Alberto 54), Wagner Silva, João Pereira, Airton Oliveira, Aboulaye Fall, Ishmael Yartey, Miguel Rosa (André Soares 65), André Carvalha, Boti Demel (David Simão 58) e Wang Gang.
Treinador: João Alves

Sporting: Vítor Golas, Rui Figueiredo, Welinton Matos (Pedro Mendes 87), Vinicius Golas, David Santos, Vivaldo Arrais, André Martins (Diogo Rosado 67), André Santos, Bruno Matias, Marco Matias, William Owuso (Wilson Eduardo 32).
Treinador: José Lima

Golos: Wilson Eduardo 39 (0-1).
Jogo referente á 4ª jornada de apuramento de campeão no escalão de juniores.

Outros jogos:
Leixões 0 FC Porto 3

Classificação:
1 – Sporting 10
2 – FC Porto 7
3 – Benfica 6
4 – Leixões 0
Ler Texto Completo

Treinos de captação de "Os Vasquinhos"


Se não sabem ficam a saber que a Escola de futebol “Os Vasquinhos” surgiu em 2002 – o nome Vasquinhos surge do nome de Vasco Fernandes (Grão Vasco) - ainda na vigência do nosso querido e, porque não, saudoso CAF. “ Aprender a jogar futebol brincando” é a filosofia da escola do Académico de Viseu.

Bernardo Ribeiro (nascido em 1999), Diogo Correia (1995), Francisco Sant´ana (1997), Gabriel Lopes (1998), Hélder Almeida (1998), Pedro Rodrigues (1997) e Márcio Almeida (1995) já por diversas vezes foram convocados para os treinos de observação e captação do Sport Lisboa e Benfica, do Sporting Club de Portugal e do Futebol Clube do Porto, com o intuito de virem a poder integrar, as equipas de formação destes “três grandes” o que demonstra o bom trabalho desenvolvido.

Nesse sentido:

“O Académico de Viseu F. C. vai levar a cabo um treino de captação de jogadores, para a Escola de Futebol “Os Vasquinhos”, no próximo dia 21 de Junho de 2008 (sábado), no Campo de Futebol Alves Madeira, entre as 9h30 e as 13h00.
Esta captação, tem por objectivo a prospecção e selecção de jogadores, para virem a integrar os vários escalões de formação da escola e destina-se a todos os jovens nascidos entre 1996 e 1999, para as equipas de competição e, para os nascidos entre 1999 e 2004, para as equipas de formação.
Os interessados devem inscrever-se, até ao dia 20 de Junho, comunicando a sua intenção para os seguintes contactos:
Secretaria do clube Rua Senhora do Postigo 10 – 12 (todos os dias 10.00h às 12.00h e das 15.00h às 18.00h)
Contactos: 232 425 065 / 964 062 833 / 963 091 488
e-mail : secretaria@academicodeviseu.pt
geral@academicodeviseu.pt "

Informação disponibilizada via mail pelo coordenador da Escola de Futebol “Os Vasquinhos” – José António Frias
Ler Texto Completo

Movimentações academistas segundo o Jornal do Centro

São já oficiais as saídas do Académico de Viseu de Manuel Fernandes, Negrete e Eduardo (todos para o Mangualde) bem como as de Sanny, Feliciano e Alex. Hoje o Jornal do Centro dá mais umas “luzes” sobre futuras movimentações no plantel academista. Além dos propalados regressos – não confirmados quer por direcção bem como pelos visados - de Tiago Gonçalves, Rui Santos e Rui Lage o jornal anteriormente dito fala do interesse do Académico no guarda redes Augusto (33 anos). Zé Bastos segundo o Jornal do Centro “terá já um acordo com o Arouca”.
Ler Texto Completo

O perfil de José Miguel Borges

José Miguel Borges, 37 anos
Licenciado em educação física e desporto, com a opção futebol.
Começou a sua ligação profissional ao futebol com Mário Vasconcelos, nos juniores do Académico, na época de 1995. Passou depois para os seniores, integrando a equipa técnica de João Cavaleiro. Seguiu-se uma ligação ao Vouzelenses, tendo depois regressado ao Académico. Nova passagem por Vouzela e novo regresso a Viseu, integrando as equipas técnicas de António Caetano e depois de José Leal. Seguiu-se uma curta passagem pelo Carvalhais e o último clube que treinou foi o Penalva do Castelo, em 2005/2006, na II Divisão B.
In Jornal do Centro. Leia tudo aqui.
Ler Texto Completo

A apresentação de José Miguel Borges

Ontem, ao fim da tarde, a Direcção do Académico apresentou à comunicação social a nova equipa técnica que vai orientar o clube na 3.ª Divisão Nacional, para a temporada de 2008/2009. António Albino, o presidente, disse que "José Miguel Borges foi o treinador escolhido e vai ter como adjuntos Luís Coelho e Fernando Raposo", este a transitar da anterior equipa liderada por Idalino de Almeida. Tanto o presidente do clube como o treinador se escondem na alegação de que "o segredo é a alma do negócio", para não confirmarem ou desmentirem contactos com jogadores que vão fazer parte do plantel para a próxima época. Foram confirmadas as saídas de Manuel Fernandes, Eduardo e Negrete, para o Mangualde, e os "abandonos" de Feliciano, Sany, Alex e João Miguel. As negociações com Beaud e Zé Bastos continuam, dependendo a sua permanência do acordo a que se chegar em termos de verbas. Ficou a saber-se que o orçamento do Académico de Viseu vai baixar em cerca de 20 por cento com o presidente academista a justificar essa redução, "porque os viseenses não estão a aderir ao projecto que o clube tem da forma que se esperava". Quer António Albino como José Miguel Borges, não esconderam que os contactos com atletas da região são privilegiados, "mas que o Académico de Viseu vai manter, por enquanto, segredo, tendo em conta que o clube tem muita concorrência na sua zona". O treinador prometeu que está a tentar "formar um grupo forte, capaz de poder lutar pelos primeiros lugares" enquanto a direcção confirmou ter contactado os jogadores Rui Lage, Rui Santos e Tiago (todos do Nelas e formados no Ac.Viseu) mas que estes aguardam a regularização do seu vínculo ao clube nelense pelo que as transferências ainda são impossíveis. A direcção prometeu novidades a partir da próxima semana, sabendo-se agora que o clube começa a treinar entre 21 e 28 de Julho.
Ler Texto Completo

Palavras dos outros XXII

Havia dois motivos de interesse, no último domingo, em Viseu: era o primeiro jogo que o Fontelo recebia a seguir ao estágio da Selecção Nacional e o último da Sanjoanense rumo à II Divisão. Curiosamente, um jogo entre clubes que não são uns clubes quaisquer - têm história, o que basicamente quer dizer que já passaram pela primeira divisão.
Começando pelo fim, a equipa de São João da Madeira, que já deu, ao futebol nacional, gente como João Alves ou António Sousa, subiu. Aliás, há três jornadas que garantira um lugar na II Divisão e, no jogo seguinte, em casa, frente ao vizinho Valecambrense, teve quase nove mil adeptos no estádio. Assim, este último encontro da época voltou a ser de festa para a Sanjoanense, que trouxe mais uma excursão, e de desencanto para o Académico de Viseu. O clube da cidade de Viriato, obrigado, pela crise financeira, a (re)começar no distrital e até a mudar de nome, falhou a subida. Já a falhara antes, o jogo era para cumprir calendário. Fica para o ano, talvez.
Ler Texto Completo

A época de Celsinho

Olhando para os números da época reparamos que Celsinho efectuou 13 jogos pelo Sporting. Treze? Parece muito, não parece?! É sinal que o miúdo apesar de ter estado presente em mais de 20% dos jogos da época não jogou muitos minutos e nem das 3 vezes que foi titular fez os 90 minutos completos. Estreou-se na Luz frente ao Benfica (0-0) mas nunca se conseguiu impor no Sporting se bem que por vezes tenha mostrado um outro bom pormenor mas não o suficiente por ser por uma vez que fosse eleito pelos editores de A MAGIA DO FUTEBOL como o melhor jogador do Sporting em campo. O seu futuro, segundo Paulo Bento, passa pelo empréstimo a um clube da principal liga do nosso campeonato. Eu, sinceramente, concordo. Pode ser que mostre estes atributos.
Termina a época com 21 pontos – atribuídos pelos editores de A MAGIA DO FUTEBOL – na 22ª posição

Estreia pelo Sporting:
Benfica 0 Sporting 0 (Bwin 07/08)

Sporting 07/08:
Total de Jogos: 13
Titular: 3
Titular Substituído: 3
Suplente Utilizado: 10
Suplente Não Utilizado: 12

Bwin 07/08:
Total de Jogos: 7
Titular: 1
Titular Sustituído: 1
Suplente Utilizado: 6
Suplente Não Utilizado: 6

Taça da Liga 07/08:
Total de Jogos:
3

Titular: 1
Titular Substituído: 1
Suplente Utilizado: 2

Suplente Não Utilizado: 3

Taça de Portugal 07/08:
Total de Jogos: 2
Titular: 1
Titular Substituído: 1
Suplente Utilizado: 1

Liga dos Campeões 07/08:
Total de Jogos: 1
Suplente Utlizado: 1
Suplente Não Utilizado: 1

Taça UEFA 07/08:
Total de Jogos: 0
Suplente Não Utilizado: 2

Ler Texto Completo

Novidades academistas

Assunto: Convite para Conferência de Imprensa

Exmo. Srs.:

A direcção do Académico de Viseu Futebol Clube, vem por este meio convidar a comunicação social, sócios e “Amigos do Académico” a comparecerem na sala nº 2 da Bancada do Estádio Municipal do Fontelo, no dia 12 de Junho pelas 19.00h, para a realização de uma conferência de imprensa para a apresentação da nova equipa técnica.
Sem mais de momento, despedimo-nos com elevada estima e consideração.

P´lo Presidente do Académico de Viseu Futebol Clube

António da Silva Albino
Ler Texto Completo

Rep. Checa 1 - 3 Portugal

Poderemos começar pelo fim e falar da entrevista que Scolari deu no fim do jogo, a José Eduardo Moniz da Tvi. O nosso seleccionador, pediu ao director geral da Tvi, uma cassete, dos festejos e reacções dos adeptos ás vitórias da selecção, desde as beiras, passando pelo Porto e Lisboa, com o objectivo de aumentar o ego dos nossos jogadores.
Excelente atitude do nosso melhor seleccionador de sempre...

Quanto ao jogo, bem foi um jogo diferente do primeiro, com menos jogadas vistosas, mas com muito mais emoção em virtude da categoria da selecção adversária.
Na primeira parte a equipa esteve um pouco presa de movimentos, muito pela pouca agressividade do nosso meio campo, onde João Moutinho não esteve ao nível do primeiro jogo contra a Turquia.
Na segunda parte tudo correu melhor com a subida acentuada dos homens do meio campo português; Destaque para Deco, que fez uma excelente exibição, sempre a puxar a equipa para a frente, Petit, encheu o campo de raça e querer, Ronaldo não sendo perfeito, lá foi fazendo das suas, e destaque para os nossos centrais que estiveram lá para o que der e vier.

Termino dedicando esta vitória a todos os que ousam falar mal do nosso Seleccionador. Quero ver que argumentos têm Vexas. para falar mal de um homem que consegue pôr um país a sorrir, mesmo com o preço dos combustíveis a subir, com falta de carne e peixe nos mercados, e com o leite a correr no chão.
Escondam-se bem escondidos, e apareçam depois no fim para não parecer mal!

Ler Texto Completo

Rui Santos e o futuro


Apontado como reforço do Académico de Viseu o jogador Rui Santos – formado no CAF – actualmente no Nelas sobre o seu futuro, em entrevista ao Futebol do Distrito de Viseu, disse “Existem propostas, mas neste momento estou a reflectir sobre elas, ainda não tomei nenhuma decisão sobre isso.”
Na entrevista ao dito blogue (a foto também é deles) Rui Santos nunca mencionou o nome do Académico de Viseu mas quando questionado a apresentar um onze de antigos colegas escolheu os ex academistas: Augusto, Sérgio, Rogério, Rui Lage, Rui Miguel, Jaques e Fábio.

Veja aqui a entrevista completa.
Ler Texto Completo

A época de Tiago

Já vai bem longínquo o dia 04 de Abril de 1996. Nesse dia Tiago estreou-se pelo Sporting na Reboleira frente ao Estrela da Amadora e o resultado final foi um empate (1-1). Daí para cá que só por duas épocas ( 99/00 e 00/01) Tiago ficou longe de Alvalade jogando precisamente no Estrela da Amadora. Apesar de serem muitas as épocas que por cá está não é menos verdade que poucas vezes tem sido utilizado funcionando como “reserva moral”. Este ano apenas por cinco vezes deu a cara pelo Sporting. Curiosamente nesses cinco jogos foi por duas vezes considerado pelos editores de A MAGIA DO FUTEBOL como o melhor em campo. Em Guimarães, para a 1ª eliminatória da Taça da Liga, efectuou um bom punhado de defesas e ainda foi chamado a converter uma grande penalidade o que fez com brilho. Em Braga, para o campeonato, o Sporting perdeu por 3-0 mas para nós Tiago foi o menos mau e por isso mesmo o melhor do Sporting naquele jogo. Vem aí mais uma época com Tiago, tudo indica, no banco dos suplentes mas é um caso raro de longevidade no plantel leonino.
Tiago termina assim a época com 20 pontos – atribuídos pelos editores de A MAGIA DO FUTEBOL – na 23ª posição.

Sporting 07/08:
Total de Jogos: 5
Titular: 5
Suplente Não Utilizado: 27

Bwin 07/08:
Total de Jogos: 1
Titular: 1
Suplente Não Utilizado: 17

Taça de Portugal 07/08:
Total de Jogos: 0
Suplente Não Utilizado: 2

Supertaça: 07/08:
Total de Jogos: 0
Suplente Não Utilizado: 1

Taça da Liga 07/08:
Total de Jogos: 2
Titular: 2
Suplente Não Utilizado: 2

Liga dos Campeões 07/08:
Total de Jogos:
2
Titular: 2
Suplente Não Utilizado: 3

Taça UEFA 07/08:
Total de Jogos: 0
Suplente Não Utilizado: 2

Ler Texto Completo

Obrigado!

Segundo o blogue do Grupo Desportivo de Mangualde Manuel Fernandes, Negrete e Eduardo assinaram pelo clube abandonando assim o Académico de Viseu. Na hora do adeus ao clube, os editores de A MAGIA DO FUTEBOL agradecem toda a dedicação e entrega ao "nosso" clube.
Boa sorte!
Ler Texto Completo

O novo treinador Academista

Segundo o Jornal do Centro, o novo treinador do Académico é... José Miguel Borges !
Este treinador já passou pelo Académico, como preparador físico e como adjunto de alguns ex-treinadores Academistas. A única experiência como treinador principal aconteceu no Penalva do Castelo em 2005/06 na altura na 2ª divisão nacional.
O Prof. José Borges é uma presença habitual nas bancadas do Fontelo, é licenciado em Educação física, e volta a um clube que tão bem conhece.
Ler Texto Completo

Académico de Viseu 2 Sanjoanense 3

Académico de Viseu: Manuel Fernandes, João Miguel, Negrete, Marcos, Megane (Santos 80), Beaud, André Barra (Lopes 63), Eduardo, Valério (Álvaro 56), Filipe Figueiredo e Zé Bastos.
Suplentes não utilizados: Nuno, Calico, Zé Teixeira e Cabido
Treinador: Idalino de Almeida.

Sanjoanense: Pedro Justo, Nuno Santos, Vilaça, Mohamed, Filipe, Hélder, André (Hugo Paulo 57), Toninho, Sérgio Silva (Zé Eduardo 74), Rui Miguel e Mário (Vicente 86).
Treinador: José Viterbo

Cartões amarelos: Zé Bastos 37, Megane 74, Santos 81 e Manuel Fernandes 85

Golos: João Miguel p.b. 4 (0-1), Vilaça 29 (0-2), Zé Bastos 44 (1-2), Lopes 81 (2-2), Toninho 82 g.p. (2-3)

Terminou a época. Diríamos que… até que enfim, pois desde há três jornadas atrás que tudo estava decidido em relação ao Académico de Viseu. Restava lutar pela honra das camisolas. Na derradeira jornada, com possibilidades de terminar no terceiro posto, atrás dos dois primeiros, a derrota frente à Sanjoanense deixou os academistas no último lugar desta fase final.
No jogo das despedidas, a começar pelos dois técnicos e terminando em alguns jogadores que devem abandonar ambas as equipas, a turma visitante lutava ainda pelo primeiro lugar e acabou por ter a sorte pelo seu lado. Logo aos quatro minutos, João Miguel, num corte infeliz, colocou os visitantes na frente do marcador.
A formação orientada por Idalino de Almeida reagiu e Eduardo teve boas oportunidades para igualar, mas na hora de atirar à baliza pedia-se licença para rematar. Foi assim aos 11, 14 e 16 minutos.
Aos 25 minutos Eduardo iniciou o duelo com Pedro Justo, com este a fazer uma grande defesa a remate do número 10 dos viseenses.
Ao segundo tiro… o segundo golo dos visitantes, aos 29 minutos. Toninho marcou o canto e Vilaça surgiu rápido ao primeiro poste a desviar para o fundo da baliza de Manuel Fernandes.
Eduardo, aos 40 minutos, teve uma grande jogada, de que nada resultou. Porém, antes do Intervalo Zé Bastos reduziu, num golo de belo efeito, justificando a posição em que joga.
O segundo tempo foi enfadonho. Ainda assim houve alguma emoção. Aos 52 minutos Manuel Fernandes negou o golo a Sérgio Silva, com Pedro Justo a responder aos 69 minutos, na sequência de um canto de Álvaro, com Marcos a cabecear para excelente defesa do guarda-redes visitante.
A 10 minutos do final chegou a igualdade, num grande golo de Lopes, numa das mais bonitas jogadas do encontro. Todavia, na resposta, Santos acabou por fazer falta na área, com Toninho a transformar a grande penalidade que ditou o resultado final.
Antes do final da partida houve ainda tempo para um sururu, com Manuel Fernandes envolvido, tendo mesmo dado um "chega para lá" na cara de Mário, que José Viterbo tirou logo a seguir. Rui Dias poupou o cartão vermelho ao guarda-redes academista, mostrando-lhe "apenas" o cartão amarelo por ter jogado a bola com a mão fora da área (?).
O trio de arbitragem esteve ao nível de uma partida própria de final de época.



Idalino de Almeida confirma saída

"A partir de hoje sou apenas sócio do Académico". Foi assim que Idalino de Almeida confirmou a sua saída do comando técnico dos viseenses. Segundo o treinador, a decisão foi tomada após o empate com o Arouca no Fontelo, tendo apenas agora dado a conhecer publicamente a sua decisão por razões de estratégia, dando também tempo à direcção para tratar do futuro.
Na hora da despedida, Idalino de Almeida salientou o trabalho de missão que repetiu 24 anos depois, não deixando, contudo, de enviar alguns recados para dentro e especialmente para fora do clube, referindo a necessidade de maior apoio à actual direcção presidida por António Albino.
De saída estão também alguns jogadores. Por confirmar estão as saídas de Manuel Fernandes, João Miguel, Eduardo e Cardoso. Entretanto o jovem Márcio, que se lesionou em Arouca, deverá parar cerca de 4 meses para recuperar da fractura do perónio.

José Luís Araújo / Rádio Vouzela
Ler Texto Completo

Olha o João Moutinho!

Foto: Armando França / Associated Press


Portugal 2 Turquia 0: a estreia de Portugal foi magnífica não só pelo resultado mas também, sobretudo, pela exibição quase a roçar o perfeito – teria sido se as bolas nos ferros tivesse a direcção que mereciam. O problema será agora refrear a euforia mas como alguém já o disse – e muito bem – a euforia acompanha esta selecção desde o primeiro dia.
Numa exibição em que nada – ou quase nada – há a apontar a ninguém da nossa selecção tenho que destacar a exibição de Lima Ferreira – o apelido “tuga” do “brasuca” Pepe – em mais uma verdadeira bofetada de luva branca a Velhos do Restelo. E num blogue que é feito por sportinguistas – daí o título escolhido – a referência a João Moutinho não podia faltar: a classe, o empenho e a entrega do capitão do Sporting vai transformá-lo num jogador “à Barcelona” ou “á outro clube, enorme, qualquer”, dificilmente ficará no Sporting mas devemos ver o seu adeus – ainda que por enquanto hipotético – como o olhar de um pai que, embevecido, vê o filho crescer, “ganhar asas” e partir para novos voos. Boa sorte João!
Ler Texto Completo

Reforços academistas

Começam a aparecer nas páginas dos desportivos, os reforços para a equipa academista. Desta vez é a Bola que lança a notícia de 3 aquisições para o Académico. São eles:

  • Tiago Gonçalves --> Jovem defesa esquerdo de 21 anos cedido pelo Braga ao Nelas. Já jogou pela filial dos arsenalistas (2005/06) e em 2006/07 esteve cedido ao Moreirense onde apenas disputou 6 encontros. Tem 1.,83m e 75kg. Oriundo das camadas jovens academistas é um reforço para o eixo da defesa.
  • Rui Lage --> médio português de 34 anos, 1,80m e 78 kg foi figura de proa do Académico de Viseu durante a última década. Esteve os ultimos anos no Nelas e este é um regresso a uma casa bem conhecida;
  • Rui Santos --> avançado português de 27 anos (1,75m e 75kg), estava na sua terceira época ao serviço dos Nelas, depois de ter passado pelo Académico de Viseu durante várias épocas e em 2004/05 pelo Portosantense.

São três regressos de jogadores que já vestiram a camisa negra e que assim enriquecem o plantel que irá lutar decerto pela subida, que este ano se esfumou na fase derradeira do Campeonato.

Ler Texto Completo

Académico de Viseu - Sanjoanense (antevisão)

Termina este domingo – finalmente porque os jogadores do Académico de Viseu há muito que “pedem” o final da época – o nacional da III Divisão Série C. No fundo este jogo tem tudo para ser um jogo a feijões – a Sanjoanense sobe o Académico mantém-se – mas está longe de o ser. Em primeiro lugar porque a Sanjoanense quer vencer a série e para tal tem que ganhar em Viseu e esperar que o Arouca não o faça em Milheirós de Poaires. O Académico de Viseu por seu turno corre o risco de ficar em sexto lugar - que seria catastrófico tendo em atenção o lugar que ocupava no início da segunda fase – mas também pode acender á 3ª posição – seria recuperar algum do orgulho perdido – para tal tem que vencer e esperar que Milheiroense e União de Lamas não o façam.
A Sanjoanense vem de três vitórias consecutivas e venceu 7 dos últimos 8 jogos. Fora de portas. Fora de portas também não perde há 3 jogos – 3 vitórias – e nos últimos 9 jogos só perdeu 1.
O Académico de Viseu não vence há 7 jogos e nem o seu pecúlio caseiro é brioso uma vez que não vence no Fontelo – e Trambelos – há 4 jogos.
Em fim de festa deseja-se é que ninguém se magoe. Daqui vai um abraço de solidariedade para com o Márcio e que tudo corra bem na sua recuperação. Força Márcio!
Ler Texto Completo

A época de Pedro Silva

Pedro Silva estreou-se pelo Sporting frente ao FC Porto em jogo a contar para a Supertaça nacional, o jogo até lhe estava a correr bem mas de repente surge uma lesão que praticamente o afastou até ao final da época. Aqueles poucos minutos valeram-lhe no entanto o único troféu conquistado ao serviço do Sporting, até ao momento, uma vez que não actuou em nenhum encontro da Taça de Portugal. Depois da lesão consegui apenas fazer mais 3 jogos na Liga Bwin 07/08 onde o Sporting alcançou duas vitórias e uma derrota. Nas competições europeias o melhor que consegui foi ser suplente não utilizado por 3 vezes na Taça UEFA. Vai ter nova oportunidade na época 08/09 de provar valor assim as lesões o queiram.
Terminou a época com 6 pontos – atribuída pelos editores de A MAGIA DO FUTEBOL – na 24ª posição.

Foto: UEFA



Estreia pelo Sporting:
Sporting 1 FC Porto 0 (Supertaça)

Sporting: 07/08:
Total de jogos: 4
Titular: 2
Titular Substituído: 1
Suplente Utilizado: 2
Suplente não utilizado: 7

Supertaça 07/08:
Total de Jogos: 1
Titular: 1
Titular Substituído: 1

Liga Bwin 07/08:
Total de Jogos: 3
Titular: 1
Suplente Utilizado: 2
Suplente Não Utilizado: 4

Taça UEFA:
Total de jogos: 0
Suplente Não Utilizado: 3
Ler Texto Completo

Há um ano


Sabia que o Fernando Jesus é jogador do Académico de Viseu? Quem? ! pois assim é difícil mas se lhe dissermos que o nome de “guerra” é Negrete já todos sabemos quem é. Hoje o exercício que lhe propomos é que recorde a entrevista que ele nos concedeu faz hoje precisamente um ano. Nesse mesmo dia A MAGIA DO FUTEBOL comemorava o facto de ter atingido os 20 mil visitantes, volvido um ano quadruplicámos esse valor e já ultrapassamos as 80.000 visitas.
Clique aqui para recordar a entrevista que Negrete nos deu.
Ler Texto Completo

A época de Luis Paéz

A MAGIA DO FUTEBOL inicia hoje aqui uma rubrica em que analisaremos um a um os jogadores do Sporting que jogaram nesta temporada 2007/2008. Como critério – de apresentação - temos a classificação que lhe atribuímos através da análise individual que fazemos aos jogadores leoninos em cada jogo disputado. Sendo assim o primeiro – ou o jogador menos pontuado – é Luís Paéz.
Ainda não tinha feito 18 anos (19/12/1989) e já o paraguaio – que muitos insistem em comparar a Roque Santa Cruz – se estreava na equipa principal do Sporting frente ao Louletano para a Taça de Portugal, foi o seu único jogo nesta competição mas o suficiente para o colocar na história do Sporting Clube de Portugal como um dos vencedores da Taça de Portugal. Chegou num altura em que estava mais que provado que Purovic não é jogador para o sistema em que o Sporting jogava, e também numa altura em que Derlei e Yannick se encontravam lesionados. Logo aí foi visto como o salvador da honra dos avançados do Sporting. Além do jogo na Taça de Portugal efectuou dois na Liga, um na Taça da Liga e outro na Liga dos Campeões mas acabou por não conseguir fazer a diferença – o que é normal. Está nos juniores a luta pelo título de cmpeão o que para si seria uma dobradinha!
Terminou a época com 5 pontos – atribuída pelos editores de A MAGIA DO FUTEBOL – na 25ª posição.

Estreia pelo Sporting:
Sporting 4 Louletano 0 (Taça de Portugal)

Sporting 07/08:
Total de Jogos: 4
Suplente Utilizado: 4
Suplente não utilizado: 4

Liga Bwin 07/08:
Total de Jogos: 2
Suplente Utilizado: 2
Suplente não utilizado: 3

Taça da Liga 07/08:
Total de jogos: 1
Suplente Utilizado: 1

Taça de Portugal 07/08:
Total de Jogos: 1
Suplente Utilizado: 1

Liga dos Campeões 07/08:
Total de jogos: 1
Suplente Utilizado: 1
Suplente não utilizado: 1
Ler Texto Completo