FC. Paços de Ferreira 2 - 1 Ac. Viseu

( Foto retirada site RTP )

O Académico de Viseu, deslocou-se a Paços de Ferreira, naquele que poderia ser o jogo da subida para a equipa da capital do móvel.

O Académico fez uma primeira parte muito agradável, e depois de estar a perder por 1-0, golo de Tanque aos 19m, chegou á igualdade por João Mário, decorria o minuto 35.

O Académico poderia ter ido para o intervalo a vencer, mas Fernando Ferreira, na ultima jogada da primeira parte, em remate acrobático, rematou por cima da baliza, quando tinha tudo para marcar.

Na segunda parte a equipa da casa foi sempre mais perigosa, e foi encostando o Académico á sua área.

Aos 80m de jogo, cruzamento da direita, a defesa academista sobe para o fora de jogo, mas Medina coloca Ayongo em jogo, e este isolado marca o segundo da partida.

Excelente primeira parte academista, segunda menos conseguida, num bom jogo de futebol.

A nossa luta continua, já na recepção ao Benfica B, Domingo dia 28 ás 15h.

Não queremos terminar sem dar os parabéns ao Paços de Ferreira pela subida á 1ª divisão, e ao seu treinador, rei das subidas, pela 11ª subida de Divisão.
Parabéns Victor Oliveira.
Ler Texto Completo

Análise Individual Ac.Viseu x Vitória B: KEVIN MEDINA o escolhido!!


Medina -4.5- Que jogo!! Venceu TODOS os duelos aéreos com os adversários. Tirou uma bola em cima da linha, num lance de golo iminente do adversário. Fica também na retina outro corte incrível, provocando o êxtase nas bancadas. Fez um jogo soberbo. É o escolhido, pela equipa da magia do futebol, para melhor academista em campo!!

Janota - 3 - Fica na retina uma boa defesa quando o resultado já estava em desvantagem.

Tiago Almeida - 3 - Subiu de rendimento na segunda metade, criando desequilíbrios no flanco direito com o colega Luisinho. Levou 5ºamarelo que o afasta do jogo de Paços de Ferreira.

Pica -3.5- Fez o segundo golo do Académico, num belo golpe de cabeça. Depois de uma primeira parte mais complicada, fez um segundo tempo de enorme confiança e assertividade.

Nélson -3.5- Jogo bastante interventido do lateral academista. Ajudou o ataque sempre que lhe foi possível, com cruzamentos de enorme qualidade.

Bruno Loureiro -2- Foi o primeiro sacrificado, na hora de arriscar.

Fernando Ferreira -4- Regresso importante ao onze academista. Lutou até à exaustão, tendo sido fulcral para a forte reação da nossa equipa na segunda metade do encontro.

Paná -3.5- Uma segunda metade a comandar as tropas na zona central do terreno. Assume-se como um dos maestros da equipa.

Luisinho -4.5- Mais um golo do nosso 77, e destaque também para mais duas assistências para os golos de NSOR e Pica. Mais um belíssimo jogo do mágico do Académico.

João Mário -4.5- Uma segunda parte incrível do 7 academista, coroada com um golaço de belo efeito.

NSOR -4- Décimo primeiro golo do rei NSOR no campeonato. Importante com a sua entrega, esgotou os centrais vitorianos até final.

João Victor -3.5- Assumiu a grande penalidade e finalizou com mestria. Foi um elemento crucial para o desfecho final.

Latyr -1- Entrou já perto do fim da partida, para dar ainda mais consistência ao meio-campo academista.

Baumer -1- Entrou já nos descontos para ajudar a consolidar esta importante vitória.

Ler Texto Completo

Recordar: Ac. Viseu FC 1-3 CF União


Estádio do Fontelo, 15 de abril de 2018
34ª Jornada da Ledman LigaPro
Árbitro: Luís Ferreira (Braga)

Ac. Viseu: Peçanha; João Mário (Lucas, 67), Bruno Miguel (c), Bura e Kiko (Avto, 27); Zé Paulo, Paná, Capela e Rui Miguel (Tarcísio, 60); Barry e Nsor. Treinador: Manuel Cajuda.

U. Madeira: Chastre; Tiago Moreira, Allef Nunes, Miguel Lourenço e Nuno Lopes (Sylla, 54); Junior, Nduwarugira, André Carvalhas (Bruno Morais, 62) e Danilo Dias (c) (Rudy, 77); Flávio Silva e Betinho. Treinador: Ricardo Chéu.

Expulsão: Barry 90+4

Golos: Aleff Nunes 17 (0-1), Bura 26 (1-1), Betinho 62 (1-2), Betinho 90+2 (1-3)

Ligações:


Ler Texto Completo

Ac. Viseu 5 -2 Vitoria SC B


O Académico recebeu hoje o último classificado da segunda liga, e só um resultado poderia acontecer, a vitória.

Face á ausência de Diogo, Bruno Loureiro avançou para a titularidade.

A equipa academista não conseguiu dominar a partida nos momentos iniciais, e a equipa vitoriana respondeu construindo algumas jogadas de perigo.

A equipa viseense, denotava muito nervosismo, e nada saía bem aos jogadores.

Quem aproveitou este nervosismo, foi Rosier, que após boa jogada do Guimarães, colocou a sua equipa em vantagem aos 15m de jogo.

O publico não gostou de ver a sua equipa em desvantagem, e o nervosismo de dentro do campo passou para as bancadas, com divisão entre o apoio, e as criticas á exibição da equipa.

O treinador academista não gostava do desenrolar da partida, e aos 34m Bruno Loureiro cedeu o seu lugar a João Victor.

A equipa ganhou algum poder de ataque, e foi sem surpresa que Nsor  aos 45m repôs a igualdade na partida.

Na Segunda parte a equipa academista veio mais "solta" com Fernando Ferreira e Paná, finalmente a assumirem o jogo e a "empurrarem" a equipa para a frente. 

O golo tardava mas apareceu mesmo aos 74m, canto na direita, e Pica de cabeça o colocar justiça no resultado.

A equipa tranquilizou, e 4m depois, João Mário, marca o 3º golo do Académico.

Quando tudo parecia mais tranquilo, um "balde de água fria" no Fontelo. Tinham passado apenas 2m após o golo Academista, e já Aziz, relançava a partida, diminuindo o marcador para 3-2.

Nsor sai aos 87m para dar lugar a Latyr, e passados 3m, penalti a favor do Académico. 

Lance em contra ataque, João Vitor "arrasta" os defesas adversários, demora algum tempo a passar a bola a Fernando Ferreira e Luisinho que estavam isolados á frente da baliza, finalmente passa a Fernando Ferreira, que quando vai a rematar é abalroado por um adversário.

João Victor cobra a grande penalidade e faz o 4º golo do Académico.

Fernando Ferreira, cede o seu lugar a Braumer, e em cima dos 95m, Luisinho faz o 5º da equipa Academista.

O Académico começou mal a partida, mas ainda foi a tempo de alcançar uma preciosa vitória.

Força Académico, vamos até ao fim!

Ler Texto Completo

Recordar: Varzim SC 0-1 Ac. Viseu FC


Estádio do Varzim SC, 11 de abril de 2018
33ª Jornada da Ledman LigPro
Árbitro: Fábio Piló (Leiria)

Varzim: Paulo Vítor; Mário Sérgio, Jeferson, Nélson Agra e Rui Coentrão; Nelsinho, Estrela, Jean Felipe e Macedo (Tiago Valente, 63); Stanley (Malele, 88) e Ruan Teles (Seck, 63). Treinador: Nuno Capucho.

Ac. Viseu: Peçanha; Fábio Santos (Paná, 23), Bura e Bruno Miguel; Capela (c), Zé Paulo, João Mário (Joel, 75), Lucas (Avto, 68) e Sandro Lima; Barry e Nsor. Treinador: Manuel Cajuda.

Expulsões: Mário Sérgio 52, Estrela 53

Golo: Barry 51 (0-1)

Ligações:


Ler Texto Completo

14 Factos após o CDCP 2-1 AVFC


I) Terceiro jogo arbitrado por Cláudio Pereira (Aveiro), segunda derrota e nenhuma vitória;

II) Ao sétimo jogo pelo Académico João Victor continua sem fazer os 90 minutos;

III) Nsor chega aos dois dígitos, ou seja, 10 golos pelo Académico na Segunda Liga da presente época;

IV) Baumer foi pela primeira vez titular na «era Rui Borges»;

V) Barry foi pela primeira vez titular na «era Rui Borges»;

VI) Nsor estreou-se a marcara na «era Rui Borges», passando a ser 9 os jogadores que já marcaram com o técnico transmontano;

VII) Fernando Ferreira deixou de figurar na lista de jogadores que foram titulares em todos os jogos de Rui Borges. Do dito lote constam Diogo Santos, Luisinho, Nelson Lenho e Ricardo Janota;

VIII) Fernando Ferreira deixou de constar da lista de jogadores que jogaram em todos os jogos da «era Rui Borges». Dessa lista figuram Diogo Santos, João Victor, Luisinho, Nelson Lenho e Ricardo Janota;

IX) Esta foi a primeira vez que o Académico perdeu com o Cova da Piedade para a Segunda Liga e no toral não perdia com eles desde a final da III Divisão de 47/48 (5-2, Póvoas e Zeca);

X) O Académico apenas venceu um dos últimos 10 jogos disputados fora do Fontelo (2E);

XI) Esta foi a 27ª derrota fora de casa por dois-a-um em jogos a contar para a Segunda Liga. No total foi a 44ª por tais números;

XII) Oitavo jogo consecutivo do Académico a marcar na Segunda Liga. O record academista está em 10;

XIII) Este foi o jogo número 450 do Académico na Segunda Liga. O saldo é de 148 vitórias, 127 empates, 175 derrotas, 467 golos marcados e 531 sofridos;

XIV) Nsor fez o 41º jogo pelo Académico na Segunda Liga e entrou no «top 50» (48º) dos academistas que mais vezes vestiram a nossa camisola na competição. Do referido top saiu…Lucas;

Ler Texto Completo

Parabéns Pica!

NOME COMPLETO
João Miguel Passos Manuel Pica
NOME
Pica
DATA DE NASCIMENTO
08/04/1986
NATURALIDADE
Moura
POSIÇÃO
Defesa central
ESTREIA
Ac. Viseu 2-1 Guimarães B (17/09/2017)
PRIMEIRO GOLO
Real 0-1 Ac. Viseu (05/11/2017)
JOGOS
34
GOLOS
2
ÉPOCAS
17/19



O central academista faz hoje 33 anos. Parabéns!

Ler Texto Completo

Recordar: Ac. Viseu FC 2-2 Real SC


Estádio do Fontelo, 7 de abril de 2018
32ª Jornada da Ledman LigaPro
Árbitro: Cláudio Pereira (Aveiro)

Ac. Viseu: Peçanha; Joel (João Mario, 63), Fábio Santos, Bura (c) e Kiko; Fernando Ferreira (Barry, 57) e Tarcísio; Sandro Lima (Rui Miguel, 77), Avto e Zé Paulo; Nsor. Treinador: Manuel Cajuda.

Real: Luís Ribeiro; Paulinho, Eduardo, Paulo Monteiro e Diogo Coelho; Cazonatti, Tiago Morgado e Thabo Cele (Basso, 79); Jefferson Nem (Abou Toure, 73), Marcelo Lopes e Vinicius (Kikas, 90). Treinador: Alexandre Santos.

Golos: Jefferson Nem 59 (0-1), Barry 69 (1-1), Abou Toure 82 (1-2), Nsor 88 (2-2)

Ligações:


Ler Texto Completo

CD Cova da Piedade 2-1 Ac. Viseu FC

«O Cova da Piedade alcançou este sábado um importante triunfo sobre o Académico de Viseu, por 2-1, em jogo da 28.ª jornada da segunda Liga portuguesa de futebol, e subiu provisoriamente ao 12.º lugar.

Os anfitriões adiantaram-se aos 35 minutos, por Willyan, e ampliaram a vantagem aos 69, através de Cele, tendo os visitantes reduzido aos 88, por Nsor.



A equipa da margem sul do Tejo foi a mais eficaz sobre o relvado, concretizando as suas melhores oportunidades frente a um rival que só 'despertou' quando já se encontrava com uma desvantagem de dois golos.

A equipa da casa marcou primeiro, por Willyan, que apareceu ao segundo poste a encostar para as redes, aos 35 minutos, um cruzamento milimétrico de Hugo Firmino.

O central brasileiro foi decisivo, estando também envolvido no lance do segundo golo dos piedenses, iniciando a jogada e assistindo Cele para o golo que devia ser da tranquilidade (69).

Mas foi então que os beirões se lançaram em busca de inverter os acontecimentos e, nesta fase, onde jogavam mais com o coração do que com a razão, que os forasteiros tiveram as suas melhores ocasiões.

O ganês N'Sor, saído do banco aos 64 minutos, reduziu a desvantagem com um cabeceamento sem hipóteses para o desamparado Moreira (88) e os visitantes podiam mesmo ter chegado à igualdade, quando Paná rematou ao poste já nos descontos (90+6).

O triunfo permite ao Cova da Piedade 'respirar' com quatro pontos acima da 'linha de água', enquanto o Académico de Viseu viu o Sporting de Braga B aproximar-se e ficou em risco de ser ultrapassado pelo Varzim e cair para a zona de descida.»

In Record


Notas aos jogadores: 3 - Baumer, Barry, João Mário e Nsor; 2 - Ricardo Janota, Tiago Almeida, Kevin Medina, Nelson Lenho, Diogo Santos, Paná, Luisinho, João Victor e Gabriel; 1 - Bruno Loureiro
Ler Texto Completo

17 Factos/curiosidades após o AVFC 1-0 VSC


I) Luisinho fez o 4º golo no ano civil de 2019 e iguala Lucas como o melhor marcador deste ano;

II) Luisinho fez o 3º golo na «era Rui Borges», passando a ser o melhor marcador academista com o técnico academista;

III) João Victor deixou de fazer parte do grupo de futebolistas que foram sempre titular es com Rui Borges. Desse grupo fazem parte agora Diogo Santos, Fernando Ferreira, Luisinho, Nelson e Ricardo Janota;

IV) Nsor foi pela primeira vez titular na «era Rui Borges»;

V) Quinto jogo consecutivo sem derrotas frente ao Varzim SC (2 V);

VI) O Académico não perde no Fontelo frente ao Varzim há mais de 56 anos (8 jogos);

VII) Quinto jogo arbitrado por João Malheiro Pinto (Lisboa), primeira vitória academista (1V, 1E, 3D);

VIII) Lusinho fez o 5º golo da época passando a ser o segundo melhor marcador de 2018/2019;

IX) Apenas uma derrota nos últimos 5 jogos caseiros e também só uma derrota no total dos últimos 5 jogos;

X) Esta foi a 40ª vitória por um-a-zero em jogos disputados no Fontelo para a Segunda Liga. No total foi a 57ª vitória por tais números;

XI) 33ª «Baliza vazia» de Ricardo Janota (90 jogos);

XII) Ricardo Janota fez o jogo número 90 pelo Académico e igualou Anacleto como o 87º futebolista que mais vezes envergou a nossa camisola;

XIII) Fernando Ferreira fez o jogo número 103 pelo Académico e igualou Abel, José Miguel Mateus e Marco Almeida como o 69º futebolista com mais jogos pelo nosso clube;

XIV) Bruno Loureiro fez o 147º jogo pelo Académico e igualou Adelino Pereira, Capela, Hélder Varela e Zé de Angola como o 36º futebolista com mais jogos pelo nosso clube;

XV) Paná fez o 88º jogo pelo Académico e igualou Orlando como o 89º futebolista com mais jogos pelo Académico;

XVI) Luisinho fez o 36º golo pelo Académico e passou a ser o 18º melhor marcador da história academista;

XVII) Com Barry em campo o Académico venceu o primeiro jogo da época na Segunda Liga e voltou a vencer meio ano depois;

Ler Texto Completo

Jogador do mês: Pica

NOME COMPLETO
João Miguel Passos Manuel Pica
NOME
Pica
DATA DE NASCIMENTO
08/04/1986
NATURALIDADE
Moura
POSIÇÃO
Defesa central
ESTREIA
Ac. Viseu 2-1 Guimarães B (17/09/2017)
PRIMEIRO GOLO
Real 0-1 Ac. Viseu (05/11/2017)
JOGOS
34
GOLOS
2
ÉPOCAS
17/19



Pica é eleito pelos editores de A MAGIA DO FUTEBOL como o jogador do mês de março de 2019.

O central e capitão academista acumulou um total de 14 pontos e deixou a meio ponto, e a completar o pódio, o duo composto por Luisinho e Nelson Lenho.

As notas de Pica: Leixões SC (4, atribuída pelo Record), AAC-Académica (3),CD Mafra (3, atribuída pelo Record) e Varzim SC (4).

Esta é assim a segunda vez que Pica é eleito como melhor jogador do mês, repetindo o feito de novembro de 2017.

Ler Texto Completo

Análise Individual Ac.Viseu x Varzim: JM7 o escolhido!!

João Mário – 4 – O principal desequilibrador no jogo frente ao Varzim. Imprimiu velocidade à partida, tanto na primeira como na segunda metade. “Expulsou” o defesa do Varzim, com uma das suas arrancadas fortíssimas no 1x1. Em grande forma. Depois de ter sido um dos destaques ao serviço da seleção da Guiné-Bissau, é o escolhido pela equipa da magia do futebol para o melhor academista em campo no desafio frente aos poveiros.

Janota – 4 – Muito concentrado o guardião academista, sendo a prova disso, as duas bolas de golo tiradas ao poveiros. Uma delas e ainda com o resultado a zero, é uma defesa incrível do nosso guardião, das que valem pontos.

Tiago Almeida – 3 – Depois de uma primeira metade menos conseguida, mormente na hora dos cruzamentos, subiu de produção na segunda metade, tendo auxiliado bastante o lado direito do ataque viseense.

Pica e Medina – 4 – Exibição imperial dos centrais academistas, num jogo de imenso trabalho. Primeiro com Rui Pedro, depois com Ricardo Barros, dois avançados bastante fortes fisicamente.

Nélson Lenho – 4 – Fez com João Mário uma ala esquerda temível. A sua experiência tem sido vital para a recuperação academista, e no domingo, mais uma vez, foi evidente a importância de Nélson Lenho, tanto a defender, como atacar.

Diogo Santos – 3.5 – Peça-chave no onze do Académico, fez mais um jogo bastante assertivo na zona mais recuada do meio-campo. Quase fazia um grande golo, num remate em “vólei”.

Fernando Ferreira – 4 – Mais um jogo de grande intensidade de FF. Ia fazendo também o gosto ao pé, num belo remate. Correu muito e bem.

Paná – 3.5 – Depois de uma primeira metade menos vistosa, fez uns segundo 45min. de nível elevado, não só com a bola nos pés, mas também na recuperação do esférico.

Luisinho – 4 – Quem faz um golo daqueles, tem de ser apelidado vezes sem conta, de mágico. É um orgulho e um prazer para todos os academistas, terem e verem o 77 a brilhar desta maneira. É também um dos homens do jogo.

NSor – 3 – Lutou bastante entre os centrais. Esteve perto do golo, que chegará em breve, temos a certeza.

João Victor - 2 – Lutou entre os centrais poveiros e … parece-nos ter sofrido falta para penalti já perto do final da partida, num bom trabalho dentro da área de rigor.

Bruno Loureiro – 1.5 – Entrou para dar músculo e combatividade ao meio-campo.

Barry  - 1 – Entrou já no período de compensação, a tempo de não “deixar sair a jogar” a defesa do Varzim.
Ler Texto Completo

Ac. Viseu FC 1-0 Varzim SC

Ac.Viseu 1-0 Varzim

O Académico recebeu o Varzim, e tinha necessidade extrema de vencer, para sair dos lugares de despromoção.

Em causa estavam mais de 3 pontos, uma vez que em caso de igualdade pontual no final do campeonato, e face ao empate na Póvoa do Varzim, o Académico em caso de vitória ficaria em vantagem.

O jogo começou repartido, com o Académico a tentar dominar a partida, mas com o Varzim a desperdiçar 2 boas oportunidades de se adiantar no marcador.



Na segunda parte o Académico, entrou melhor, e conseguiu criar perigo junto á baliza de Emanuel.

Destaque para um cabeceamento de Nsor ao lado da baliza, quando tinha tudo para marcar.

Luisinho, sobre a direita, João Mario á esquerda e Fernando Ferreira, foram autenticos quebra cabeças para a defesa do Varzim.


Numa das muitas saídas em contra ataque, João Mário é travado em falta por Silvério, falta perigosa e segundo cartão amarelo e consequente expulsão.

Luisinho na cobrança consegue enganar o guarda redes Emanuel, e faz o único golo da partida.

Ficamos em vantagem sobre o Varzim, e no próximo jogo, mais uma final, desta vez na Cova da Piedade.

Ler Texto Completo

Recordar: SC Covilhã 1-3 Ac. Viseu FC


Estádio José Santos Pinto, 30 de março de 2018
31ª Jornada da Ledman LigaPro
Árbitro: João Pinheiro (Braga)

Sp. Covilhã: Vítor São Bento; João Dias, Zarabi, Joel e Renato Reis; Abalo (Reinildo, 56) e Makouta; Gilberto (Vitó, 89), Fatai e Moses (Amadu Turé, 75); Onyeka. Treinador: José Augusto.

Ac. Viseu: Peçanha; Joel, Fábio Santos, Bura e Kiko; Zé Paulo e Capela; Sandro Lima (Paná, 86), Avto (João Mário, 68) e Tarcísio (Fernando Ferreira, 75); Nsor. Treinador: Manuel Cajuda.

Golos: Nsor 16 (0-1), Bura 25 (0-1), Reinildo 61 (1-2), Nsor 72 (1-3)

Ligações:


Ler Texto Completo

Parabéns Luisinho!

NOME COMPLETO
Luís Miguel Pinheiro Andrade
NOME
Luisinho
DATA DE NASCIMENTO
27/03/1990
NATURALIDADE
Fornos de Algodres
POSIÇÃO
Avançado
ESTREIA
Ac. Viseu 5-1 V. Mocidade (19/12/2010)
PRIMEIRO GOLO
BC Branco 0-1 Ac. Viseu (22/01/2011)
JOGOS
239
GOLOS
35
ÉPOCAS
10/15, 16/17, 18/19



O «mágico» academista faz hoje 29 anos. Parabéns!

Ler Texto Completo

Recordar: Ac. Viseu FC 0-1 FC Famalicão


Estádio do Fontelo, 25 de março de 2018
29ª jornada da Ledman LigaPro
Árbitro: Daniel Cardoso (Aveiro)

Ac. Viseu: Peçanha; Joel (Rui Miguel, 75), Bura, Fábio Santos e Kiko; Capela (c) e Fernando Ferreira (Nsor, 31); Sandro Lima (Erivaldo, 65), Avto e Zé Paulo; Barry. Treinador: Manuel Cajuda.

Famalicão: Gabriel; Joel, José Pedro, João Faria e Jorge Miguel; Hocko e Fabinho; Mendes (Dani, 74), Willian e Nélson Cunha (Vítor Lima, 65); Vasco (Jaime Poulson, 55). Treinador: Vasco Seabra.

Expulsões: Dani 90+4

Golo: Willian 4 (0-1)

Ligações:


Ler Texto Completo