Ac. Viseu FC 1-2 Leixões SC

Estádio do Fontelo, 31 de julho de 2013
2ª Jornada da Taça da Liga, Grupo B
Árbitro: Jorge Tavares (Aveiro)

Ac. Viseu: Ricardo Janota; Tomé, Cláudio, Paulo Monteiro e Tiago Rosa; Capela, Bruno Loureiro e Luisinho; Leonel, Ouattara e Samir (Zé Rui, 54). Treinador: Filipe Moreira.

Leixões: Jorge Baptista; João Viana, Nuno Silva, Zé Pedro e João Pedro; Cadinha (Materazzi, 85), Anderson (Moedas, 71) e Tiago Lenho (Novais, int); Rúben Saldanha, Moreira e Maillo. Treinador: Pedro Correia.

Golos: Rúben Saldanha 11 (0-1), Moreira 74 (1-1), Capela 76 (1-2)

Foi com o mesmo onze, e com o mesmo banco, que o Académico de Viseu iniciou a partida com o Leixões. Na bancada podíamos ver os mais recentes reforços academistas (João Alves, João Martins, Lourenço e Marco Lança).
Começou melhor o Leixões mas o Académico, aos poucos, foi melhorando parecendo tomar conta da partida. Mas, em contra ataque, o Leixões marcaria mesmo. Lance de perigo na área leixonense e saída rápida para o contra ataque, com o Académico a abrir um enorme buraco no centro do terreno, bola metida na ala e aí só restava esperar ansiosamente que Janota defendesse, não defendeu e o Leixões marcou. Na primeira vez que chegava com perigo à área academista.
A partir daí brilhou Jorge Baptista o guarda redes do Leixões - e que jeito dá ter um guardião assim! Primeiro é Leonel que com um remate do meio da rua obriga o guardião forasteiro a defesa apertada, a bola sobra para a frente e Samir não consegue marcar. Depois é Luisinho a rematar para brilhante defesa do número 1 do Leixões. Pouco depois Luisinho, de novo, a abrir na direita de forma excelente com Leonel a rematar de pronto e Jorge Baptista, com alguma sorte, a desviar.
Ao intervalo o 0-1 era manifestamente injusto.
A segunda parte teve pouco para contar. O Académico foi a primeira equipa a estar perto do golo mas Cláudio de cabeça atirou por cima, isto já com Zé Rui no lugar de Samir. E de repente o Leixões chegou ao 0-2. Um lance esquisito, após um lançamento lateral, e um jogador do Leixões a desviar para o 0-2. Um golo sofrido de forma inadmissível nos campeonatos profissionais.
A perder por dois o Académico foi com tudo para cima do Leixões mas o máximo que conseguiu foi reduzir por Capela - outra vez Capela!
O resultado pode parecer injusto - e foi - mas mostrou as lacunas existentes no plantel academista.
Com este resultado, e com a vitória do Penafiel no terreno do Atlético, resta esperar que o Académico vença em Penafiel, para depois fazermos as contas.
Em frente Académico!

José Carlos Ferreira, sócio 325 do AVFC
Ler Texto Completo

Apresentação dos adversários: Sporting CP B

Nome: Sporting Clube de Portugal
Ano de fundação: 2000 (o primeiro ano de atividade da equipa B)
Localidade: Lisboa
Associação: Lisboa
Estádio: José de Alvalade
Equipamento: camisola verde e branca listada horizontalmente, calções pretos, meias verdes


Passado na Segunda Liga:

Segunda presença consecutiva na prova. Na época passada foi 4º classificado.

Passado em comum:

Nunca jogaram entre si a nível oficial

Plantel:

Guarda-redes:

Meira (ex junior); Victor Golas (46 jogos na Segunda Liga, Penafiel e Sporting B); Luís Ribeiro (8, Sporting B)

Defesas:

Rúben Semedo (ex junior); Tobias Figueiredo (ex junior, 18, Sporting B); Fokobo (ex junior, 11, Sporting B); Juary (16, Sporting B); Mica (35, Sporting B); Sambinha (ex 1º de Dezembro)

Médios:

Ricardo Esgaio (27, Sporting B); Kikas (37, Sporting B); Edelino Ié (ex junior, 5 Sporting B); Filipe Chaby (ex junior, 7, Sporting B); João Mário (32, Sporting B); Luís Cortez (ex junior, 15 Sporting B); Luka Stojanovic (ex junior, 6, Sporting B);   Zezinho (48, Sporting B).

Avançados:

Yang Ruan (1, Sporting B); Wilson Manafá (ex junior); William Owusu (ex Westerlo – Bélgica, 13, Gil Viente); Diego Rubio (25, Sporting B); Alexandre Guedes (ex junior, 1, Sporting B); Carlos Mané (ex junior, 8, Sporting B); Iuri Medeiros (ex junior, 15 Sporting B); Ni Plange (32, Sporting B); Betinho (31, Sporting B)

Análise ao plantel:


O plantel apresentado está disponível no site do clube (retiramos os jogadores nascidos em 1995 e por isso mesmo ainda juniores, bem como jogadores “consagrados”). Esta é a juventude leonina – reparem que até os ex juniores já jogaram na Segunda Liga. É uma equipa a ter em conta.
Ler Texto Completo

Ac. Viseu FC vs Leixões SC

A equipa precisa de nós. Apareçam!
Ler Texto Completo

Apresentação do reforço: João Martins

NOME COMPLETO
João Paulo Neto Martins
NOME
João Martins
DATA DE NASCIMENTO
30/06/1988
NATURALIDADE
Oliveira do Hospital
ALTURA
178 cm
PESO
77 kg
JOGOS NA SEGUNDA LIGA
28
ANTIGO CLUBE
Naval


Foto: Académico de Viseu

Depois do “disse que disse” aí está a confirmação do reforço – João Martins.
Formado do Sporting iniciou  a sua carreira sénior na época 07/08 no Olhanense (2 jogos) a que se seguiu, ainda nessa época, o Olivais e Moscavide, treinado por Filipe Moreira, onde fez 9 jogos.
Em 08/09 jogou no Atlético onde fez 30 jogos e nove golos.
Em 2009/2010 jogou no Gil Vicente (9 jogos) e na época seguinte no Vizela (22 jogos, 2 golos).
Em 2011/2012 foi jogador do Mafra (23 jogos, 1 golo) e na época passada foi peça importante da Naval (29 jogos, 4 golos).

Aos 25 anos chega ao melhor clube do mundo, ao Académico de Viseu. Bem-vindo!
Ler Texto Completo

Apresentação dos adversários: UD Oliveirense

Nome: União Desportiva Oliveirense
Ano de fundação: 1922
Localidade: Oliveira de Azeméis
Associação: Aveiro
Estádio: Carlos Osório (1370)
Equipamento: Camisola vermelha, calções pretos, meias vermelhas


Passado na Segunda Liga:

7ª presença (01/02, 08/14). Teve como pior classificação um 18º lugar em 01/02 (desceu) e como melhor um 4º lugar em 2010/2011.

Passado em comum:

39 jogos (38 como CAF, 1 como AVFC) registados, pode haver mais. O Académico de Viseu venceu 15 jogos, empatou 10 e perdeu 14. O saldo de golos é negativo (63-68).

44/45 (II) – Oliveirense 9-1 Ac. Viseu (Hélder)
48/49 (II) – Ac. Viseu 1-2 Oliveirense (Moita); Oliveirense 6-2 Ac. Viseu (Pipa, Moita)
53/54 (II) – Oliveirense 3-2 Ac. Viseu (Póvoas, pb); Ac. Viseu 4-0 Oliveirense (Pipa 2, Ângelo 2)
54/55 (II) – Oliveirense 2-2 Ac. Viseu (Ângelo 2); Ac. Viseu 2-0 Oliveirense (Pipa, Rodrigues)
59/60 (II) – Oliveirense 7-3 Ac. Viseu (Ramiro, Ortega, pb); Ac. Viseu 1-3 Oliveirense (João Pereira).
62/63 (II) – Ac. Viseu 1-2 Oliveirense (Silvino); Oliveirense 5-3 Ac. Viseu (José Manuel, Calichio, Aureliano).
66/67 (II) – Ac. Viseu 1-0 Oliveirense (Margarido); Oliveirense 2-3 Ac. Viseu (Ramos, Óscar, Basto).
66/67 (RR) – Ac. Viseu 4-0 Oliveirense (Basto, Óscar 2, João Pereira).
70/71 (III) – Oliveirense 2-2 Ac. Viseu (Armando 2); Ac. Viseu 1-0 Oliveirense (Emídio)
71/72 (III) – Ac. Viseu 3-3 Oliveirense (Zacaruias, Pepe, Eduardo); Oliveirense 2-0 Ac. Viseu.
79/80 (II) – Ac. Viseu 2-0 Oliveirense (N´Habola, Nelito); Oliveirense 0-1 Ac. Viseu (N´Habola).
89/90 (II) – Oliveirense 1-1 Ac. Viseu (João Medeiros); Ac. Viseu 3-0 Oliveirense (Jorginho, João Medeiros, João Manuel).
92/93 (II) – Ac. Viseu 0-1 Oliveirense; Oliveirense 1-1 Ac. Viseu (Besirovic).
94/95 (II) – Ac. Viseu 2-0 Oliveirense (Gerson, Reginaldo); Oliveirense 1-1 Ac. Viseu (Marcelo).
98/99 (II) – Oliveirense 1-1 Ac. Viseu (Hélder); Ac. Viseu 2-0 Oliveirense (Sérgio, Santos).
99/00 (II) – Oliveirense 0-0 Ac. Viseu; Ac. Viseu 3-1 Oliveirense (Sérgio 2, Pedro´s).
00/01 (II) – Ac. Viseu 1-0 Oliveirense (Rogério); Oliveirense 2-1 Ac. Viseu (Lemos).
02/03 (II) – Ac. Viseu 1-0 Oliveirense (Chalana); Oliveirense 1-0 Ac. Viseu
03/04 (II) – Oliveirense 1-1 Ac. Viseu (Sérgio); Ac. Viseu 2-1 Oliveirense (Rui Lage, Rui Miguel).
04/05 (II) – Ac. Viseu 1-3 Oliveirense (Chicabala); Oliveirense 1-1 Ac. Viseu (Bruno Madeira).
11/12 (Taça) – Oliveirense 5-2 Ac. Viseu (Marco Almeida, Hélder Rodrigues)



Jogo histórico:

Escolhemos o último jogo entre ambos, o primeiro na era AVFC. O Académico, então na III Divisão, defrontava o profissional Oliveirense na Taça de Portugal começou a perder por 2-0 e chegou ao empate. Depois caiu graças a uma grande penalidade…

Estádio Carlos Osório, 11 de Setembro de 2011
2ª Eliminatória da Taça de Portugal
Árbitro: Manuel Mota (Braga)

Oliveirense: Bruno; Nuno Lopes, Laranjeira (c), Banjai e Xico Silva; Zé Pedro, Rui Lima (Ivan Santos, 57) e Oliveira; Sassá (Pedrinho, int), Barge e Adriano (Clemente, 57). Treinador: Pedro Miguel.

Ac. Viseu: Nuno; Casal (Hélder Rodrigues, int), Canelas, Tiago Gonçalves e Tiago; Álvaro (c) (Filipe, 81), João Paulo, Ricardo Ferreira e Marco Almeida (Vitinho, 88); Luisinho e Dede. Treinador: António Lima Pereira.

Golos: Barge 5 (1-0), Nuno Lopes 25 (2-0), Marco Almeida 43 (2-1), Hélder Rodrigues 54 (2-2), Oliveira 77 gp (3-2), Clemente 85 (4-2), Ivan Santos 90 +1 (5-2)


Plantel:

Guarda-redes:

João Pinho (36 jogos na Segunda Liga, todos pela Oliveirense); Mamadou (7, Oliveirense)

Defesas:

Sérgio Silva (ex junior); Paulinho (151, Ovarense, Arouca, Oliveirense); Carela (16, Oliveirense); Laranjeira (99, Oliveirense); Banjai (210, U. Lamas, Sp. Covilhã, Oliveirense)

Médios:

Miguel Soares (ex Bustelo); Zé Sousa (3, Oliveirense); Hélder Silva (80, Arouca, Oliveirense); Avto (42, Oliveirense); Diogo Resende (ex junior), Nuno Sousa (1, Oliveirense)

Avançados:

Guima (53, Oliveirense); Carlitos (36, Oliveirense); Renan (9, Oliveirense); João Paulo (1, Oliveirense)

Análise ao plantel:

Foi a equipa que mais tarde começou a preparação para esta época e os jogadores aqui apresentados são aqueles que constam no site da Liga. Muita coisa ainda vai mudar!

Curiosidades:

Rogério foi o jogador academista que mais vezes defrontou a Oliveirense – 15 jogos. A grande distância ficam Sérgio (9) e Mário, Paulo Listra, Rui Lage e Zé Duarte todos com 8 golos.
Quanto a golos marcados há um empate entre 3 jogadores com 4 golos – Ângelo, Pipa e Sérgio.
Se pensarmos num “onze tipo” quando defrontamos a Oliveirense este seria: Augusto; Rogério, Zé Duarte, Mário e Sérgio; Rui Lage, Chalana, Santos e Paulo Listra; Lemos e Pipa!

Jogadores que jogaram em ambos os clubes:


Amadeu, Capela, Cardoso, Delgado, Erasmo, Guima, Hernâni, José Maria, Lukiau, Nuno Santos, Walter (nomes apurados até ao momento)
Ler Texto Completo

Apresentação do reforço: Lourenço

NOME COMPLETO
Lourenço Miguel Ribeiro Batista Oliveira Almeida
NOME
Lourenço
DATA DE NASCIMENTO
04/12/1979
NATURALIDADE
Guimarães
POSIÇÃO
Médio esquerdo
ALTURA
178 cm
PESO
82 kg
JOGOS NA SEGUNDA LIGA
178
ANTERIOR CLUBE
Aves
ÉPOCAS
13/14

( Foto do Site oficial do Académico de Viseu )

Este jogador, jogou nos juniores do Vitória de Guimarães, passou os 3 primeiros anos de sénior em clubes da 3ª divisão, depois vieram mais 3 anos em clubes da 2ª divisão B, Famalicão, Caçadores das Taipas e Vizela. 

Em 2003/04 finalmente chega á divisão de Honra, de onde apenas saiu em 2009/10, para representar o Setúbal na 1ª divisão.

Ao longo destes anos passou por clubes como, Leixões ( 2 épocas ), Penafiel ( 2 épocas ), Beira Mar, Aves ( 2 épocas ) e Santa Clara.

É por isso aos 33 anos, um jogador com larga experiência de futebol profissional, e chega agora ao melhor clube do Mundo.

Resta-nos desejar boa sorte, ao serviço do nosso clube. 
Ler Texto Completo

Reforços confirmados pela direção Académista.


                                                                           Lourenço


                                                                     Marco Lança

( Fotos do Site oficial do Académico de Viseu )


João Alves, Lourenço e Marco Lança, foram oficialmente confirmados pela direção academista, no site oficial do clube.

Resta-nos desejar as boas vindas a estes jogadores, que chegam agora ao melhor clube do mundo !
Ler Texto Completo

Possível reforço: Marco Lança

NOME COMPLETO
Marco António Rebelo Lança
NOME
Marco Lança
DATA DE NASCIMENTO
17/01/1988
NATURALIDADE
Setúbal
POSIÇÃO
Defesa esquerdo
ALTURA
182 cm
PESO
79 kg
JOGOS NA SEGUNDA LIGA
14
ANTERIOR CLUBE
Santa Clara
ÉPOCAS
13/14


Foto: cdsantaclara.pt

Jogador formado no Sporting Clube de Portugal e que já esteve na órbita academista, na época passada, acabando por rumar ao Santa Clara.
Em 2007/2008 esteve emprestado pelo seu clube de formação ao Mafra tendo feito 17 jogos e na época seguinte rumou ao futebol cipriota, mais concretamente para o Nea Salamis.
De 2009 a 2011 jogou no Operário onde fez 35 jogos – não defrontou o Académico na época 09/10.
Na época 2011/2012 fez 35 jogos, e marcou um golo, pelo Mirnadela o que lhe valeu o salto até ao Santa Clara. Nos Açores, na época anterior fez 19 jogos.

Na sua página no Facebook Marco Lança dá a entender estar a caminho do Fontelo. A ser verdade… que seja bem-vindo!
Ler Texto Completo

Aprsentação dos adversários: SL Benfica B

Nome: Sport Lisboa e Benfica
Primeiro ano de atividade: 1999
Localidade: Lisboa
Associação: Lisboa
Estádio: Luz
Equipamento: Camisola vermelha, calções brancos, meias vermelhas


Passado na Segunda Liga:

Segunda presença. Na época passada foi 7º classificado

Passando em comum:

Nunca jogaram entre si

Plantel:

Guarda-redes:

Mika (30 jogos na Segunda Liga, todos pelo Benfica B); Miguel Santos (ex junior); Bruno Varela (ex junior, 12, Benfica B).

Defesas:

João Cancelo (ex junior, 20, Benfica B); Bruno Gaspar (10, Benfica B); Valente (ex Penafiel, 4 Penafiel); Rudinilson (ex junior); Fábio Cardoso (16, Benfica B); Wei Huang (5, Benfica B).

Médios:

João Teixeira (ex junior, 2, Benfica B); Amorim (ex Trofense, 28, Trofense); Filip Markovic (ex Teleoptik – Sérvia); Didi (ex junior V. Guimarães); Uros Matic (ex Kosice – Sérvia); Rúben Pinto (5, Benfica B).

Avançados:

Hélder Costa (ex junior, 12, Benfica B); Rui Fonte (1, Benfica B); Deyverson (29, Benfica B); Harramiz (ex U. Montemor); Jorge Rojas (ex Cerro Porteño – Paraguai).

Análise ao plantel:

Ainda há poucas certezas quando ao plantel da equipa B do Benfica e nem no site benfiquista existe informação. A informação disponibilizada pertence ao foradejogo.net.

Jogadores que passaram pelos dois clubes:


Ricardo Janota
Ler Texto Completo

Possíveis reforços!

Jornal A Bola, 28 de julho de 2013
Ler Texto Completo

Apresentação dos adversários: CD Feirense

Nome: Clube Desportivo Feirense
Ano de Fundação: 1918
Localidade: Santa Maria da Feira
Associação: Aveiro  
Estádio: Marcolino de Castro (18000)
Equipamento: Camisola azul, calções brancos, meia azuis


Passado na Segunda Liga:

18ª Presença (90/93, 94/99, 03/11, 12/14). Teve como melhor temporada a de 2010/2011 em que foi segundo (subiu). A pior classificação deu-se em  98/99, foi 16º e desceu. Na época passada foi 13º classificado.

Passando em comum:

Até ao momento “descobrimos” 36 jogos entre ambos. O Ac. Viseu (CAF) venceu 7 jogos, empatou 11 e perdeu 18, marcou 30 golos e sofreu 44. O Académico nunca venceu em Santa Maria da Feira.

65/66 (III) – Feirense 1-0 Ac. Viseu; Ac. Viseu 1-1 Feirense (Cabral)
70/71 (III) – Feirense 3-0 Ac. Viseu; Ac. Viseu 0-1 Feirense
71/72 (Taça) – Feirense 1-0 Ac. Viseu
71/72 (III) – Ac. Viseu 0-3 Feirense; Feirense vs Ac. Viseu (sem dados)
72/73 (III) – Ac. Viseu 1-1 Feirense (Pepe); Feirense 2-1 Ac. Viseu (Correia)
76/77 (II) – Feirense 3-2 Ac. Viseu (Cavaleiro, Faustino); Ac. Viseu 0-2 Feirense
83/84 (II) – Ac. Viseu 1-0 Feirense (Peres); Feirense 4-0 Ac. Viseu
85/86 (II) – Ac. Viseu 0-0 Feirense; Feirense 2-1 Ac. Viseu (Leal)
86/87 (II) – Feirense 2-1 Ac. Viseu (Hélio); Ac. Viseu 0-0 Feirense
87/88 (II) – Feirense 0-0 Ac. Viseu; Ac. Viseu 4-2 Feirense (Quim, Abel, João Luís 2)
90/91 (H) – Feirense 3-1 Ac. Viseu (Falica); Ac. Viseu 3-0 Feirense (Zé da Rocha, Alain, Herbert)
91/92 (H) – Feirense 2-1 Ac. Viseu (Vítor); Ac. Viseu 2-0 Feirense (Kaíca, Miguel)
95/96 (H) – Ac. Viseu 3-2 Feirense (Chiquinho Carlos, Gerson 2); Feirense 1-0 Ac. Viseu
96/97 (H) – Ac. Viseu 1-1 Feirense (Chalana); Feirense 2-1 Ac. Viseu (Chalana)
97/98 (H) – Feirense 0-0 Ac. Viseu; Ac. Viseu 0-1 Feirense
99/00 (II) – Feirense 0-0 Ac. Viseu; Ac. Viseu 0-0 Feirense
00/01 (II) – Ac. Viseu 2-0 Feirense (Rui Lage, Santos); Feirense 1-0 Ac. Viseu
01/02 (II) – Ac. Viseu 1-0 Feirense (Rogério); Feirense 2-2 Ac. Viseu (Rui Lage, Sebastien)
02/03 (II) – Feirense 2-1 Ac. Viseu (Fábio); Ac, Viseu 0-0 Feirense

Jogo histórico:

Escolhemos a primeira vitória academista, sobre o Feirense, no que à Segunda Liga diz respeito. Assim:

Estádio do Fontelo, 17 de Março de 1991
27ª Jornada da Divisão de Honra
Árbitro: Soares Dias (Porto)

Ac. Viseu: José Miguel; Albuquerque (c), José Duarte, Perduv e Zé Nando; Falica, João Manuel e Zé da Rocha; Herbert, Alain e Florindo (João, 85). Treinador: José Rachão.

Feirense: Vítor Alves; Daniel, Pinto, Miguel e Quim; Adão, Artur (c) e Rendeiro; Manuel António (João Medeiros, int), Júlio Sérgio e Couto (Ribeiro, int). Treinador: Pedro Nery.

Expulsão: Miguel 76

Golos: Zé da Rocha 15 (1-0), Herbert 45+2 (2-0), Alain 90+1 (3-0)

Plantel:

Guarda-redes:

Marco (80 jogos na Segunda Liga, no Trofense e Feirense); Miguel Assunção (1, Feirense); Paiva (ex Famalicão, 142, Maia, Feirense e Rio Ave).

Defesas:

Edu (ex junior); Diogo (ex Sp, Braga, 5, Braga B); Tonel (ex Beira-Mar, 49, Académica); Álvaro (ex Chaves); André Santos (32, Feirense); Agostinho Carvalho (11, Feirense).

Médios:

Ministro (São João de Ver); Zé Pedro (ex Oliveirense, 141, Varzim, Felgueiras, Gondomar e Oliveirense); Cris (Paphos – Chipre, 100, Feirense); Jorge Gonçalves (122, Leixões e Feirense); Edu (ex Chaves, 5, Chaves); Sténio (32, Feirense); Marcão (13, Feirense); Tiago Tojo (21, Feirense); João Ricardo (25, Feirense);

Avançados:

Hélder Rodrigues (ex Ac. Viseu, 12, Sp. Covilhã); Xavier (ex Sp. Braga B, 25, Sp. Braga B); Chapinha (ex São João de Ver); Marcelo Santiago (ex Naval, 13, Naval); Ricardo Valente (ex Fafe); Ricardo Barros (ex São João de Ver); Mical (ex Junior); Jonathan (ex Trofense, 23, Trofense).

Análise ao plantel:

Da época passada – foi 13º classificado – perdeu da equipa tipo vários jogadores. Oliveira (Bulgária), Luciano (sem clube?), Marcelo Goiano (Académica), Rafa (Braga), Diogo Cunha (Moreirense), Platiny (Sp. Braga B e Pires (Moreirense). Perdeu jogadores importantes mas está a reforçar-se bem. Um clube como o Feirense, nesta divisão, tem que andar nos lugares da frente e não será nada fácil bater os fogaceiros.

Curiosidades:

Dos 30 golos que o Ac. Viseu marcou, registados até ao momento, apenas 4 atletas marcaram mais que um golo. Foram eles, todos com dois, Chalana, Gerson, João Luís e Rui Lage.
Rui Lage, que também jogou no Feirense, foi o jogador academista que mais vezes defrontou o Feirense. O médio academista fez 12 jogos, mais dois que Rogério e Sérgio e mais três que Zé Duarte.

Jogadores que passaram pelos dois clubes:

Arsénio, Babalito, Bruno Sousa, Cardoso, Hélder Rodrigues, João Luís, João Medeiros, Paulo Fernando, Paulo Freitas, Rui Lage, Santos, Rui Dolores, Rui Marcos, Samir, Zé da Rocha
Ler Texto Completo

Ac. Viseu FC 1-0 Atlético CP


Estádio do Fontelo, 27 de julho de 2013

1ª Jornada da Taça da Liga, Grupo B
Árbitro: Manuel Mota (Braga)

Ac. Viseu: Ricardo Janota; Tomé, Cláudio, Paulo Monteiro e Tiago Rosa; Capela, Bruno Loureiro e Luisinho (Ricardo Ferreira, 82); Ouattara (Tiago Gonçalves, 87), Leonel e Samir (Zé Rui, 71). Treinador: Filipe Moreira.

Atlético: Leão; Bernardo (Vasco Varão, 60), Rui Cardoso (Tiago, 80), Da Silva; Marinheiro, Mauro Antunes (Fábio Oliveira, 89, Rui Varela, Pedro Caipiro, Luís Dias, Marco Bicho e Hugo Carreira. Treinador: Bruno Baltasar

Golo: Capela 46 (1-0)

Clicar na imagem para ampliar
Ler Texto Completo

Ac. Viseu FC vs Atlético CP


Ler Texto Completo

Apresentação dos adversários: CF União

Nome: Clube Futebol União
Ano de Fundação: 1913
Localidade: Funchal
Associação: Madeira
Estádio: Municipal de Machico (3000)
Equipamento: Camisola azul e amarela listada verticalmente, calções azuis, meias amarelas

Passado na Segunda Liga:

10ª Presença na Segunda Liga (92/93, 95/99, 02/04, 11/14).Teve a sua melhor participação em 92/93 com um 2º lugar e como pior em 03/04 quando foi 8º classificado.

Passando em comum:

Sete jogos entre ambos, um na Taça de Portugal e seis na Segunda Liga. No total o Académico venceu 3, empatou 2 e perdeu 2, marcou 4 golos e sofreu 3. Assim:

94/95 (Taça) – Ac. Viseu 1-0 U. Madeira (Zé de Angola).
95/96 (H) – Ac. Viseu 0-0 U. Madeira; U. Madeira 0-1 Ac. Viseu (Minguito).
96/97 (H) – U. Madeira 1-0 Ac. Viseu; Ac. Viseu 0-0 U. Madeira.
97/98 (H) – U. Madeira 2-1 Ac. Viseu (Luisinho); Ac. Viseu 1-0 U. Madeira

Jogo histórico:

Desta vez escolhemos um jogo da Taça de Portugal. Em 94/95 o União da Madeira jogava na 1ª divisão, o Ac. Viseu estava na II B, mas quem venceu foi o CAF.

Estádio do Fontelo, 4 de Dezembro de 1994
Taça de Portugal
Árbitro: José Leirós (Porto)

Ac. Viseu: Augusto; Cartaxo, Rogério, Ali Hassan, Gerson e Rui Manuel; Chalana, Reginaldo (Marcelo, 66) e Luís Vouzela; Zé de Angola e Zezinho (Paulo Gomes, 56). Treinador: João Cavaleiro.

União da Madeira: Caldas; Milton Mendes, Germano, Dragan e Piá; Márcio Luís, Jovo (Sérgio Lavos, int), Jokanovic e Paulo Jorge (Robert, 86); Simic e Manú. Treinador: João Santos.

Expulsão: Germano 84

Golo: Zé de Angola 83 (1-0)

Plantel:

Guarda-redes:

José Manuel (28 jogos na Segunda Liga, todos ao serviço do U. Madeira); Cristopher (22, U. Madeira); Pedro Trigueira (ex Cinfães, 21, Boavista e Trofense).

Defesas:

Roberto (27, U. Madeira); Ávalos (65, U. Madeira); Igor Pita (ex Marítimo, 52, Beira Mar, Belenenses e Marítimo B); Ginho (ex Ayia Napa – Chipre, Trofense e Penafiel); Delmiro (ex BC Branco); Zarabi (ex Arouca, 37, Leixões e Arouca); Calico (ex Ac. Viseu); Carlos Manuel (47, U. Madeira).

Médios:

Toni (ex Santa Clara, 66, U. Madeira, Santa Clara); Tiago Costa (56, U. Madeira); Steve (29, U. Madeira); Rúben Andrade (111, U. Madeira); Hugo Morais (143, U. Madeira, Aves, Barreirense e Leixões); Babo (Ex Freamunde, 44, Freamunde).

Avançados:

Silva (53, U. Madeira); Ricardo Chíxaro (19, U. Madeira); Miguel Fidalgo (34, Nacional e U. Madeira).

Análise ao plantel:

Salta à vista o facto de este plantel ter muitos madeirenses contrastando com os planteis unionistas dos anos 90. Além disso há muita qualidade, o suficiente para os podermos ver nos primeiros lugares da tabela.

Jogadores que passaram pelos dois clubes:

Alexandre, Bertinho, Calico, Cardoso, Emanuel, Henrique, Manu, Marco Almeida, Ouattara, Paulo, Perduv, Rui Marcos, Sérgio, Tomé.
Ler Texto Completo

Apresentação dos adversários: GD Chaves

Nome: Grupo desportivo de Chaves
Ano de Fundação: 1949
Localidade: Chaves
Associação: Vila Real        
Estádio: Municipal de Chaves
Equipamento: Camisola vermelha e azul listada verticalmente, calções azuis, meias azuis.

Passado na Segunda Liga:

11ª Presença na Segunda Liga. Estreou-se em 93/94, vindo da 1ª Divisão, foi 3º classificado, e regressou de novo ao principal campeonato português. A época de 99/00 marcou a sua segunda presença na prova mantendo-se até 06/07 altura em que desceu para a II Divisão. Em 09/10 o Chaves chegou à final da Taça de Portugal - um grande feito de um clube que já andou pelas competições europeias - essa época foi também a de regresso à Segunda Liga mas desceu de novo. Regressa esta época, tal como o Ac. Viseu.
Passando em comum:

Na Segunda Liga esta será a segunda vez que se encontram. Aí ficam os jogos entre ambos.
53/54 (II) - Ac. Viseu 7-1 Chaves (Pino, Póvoas 3, Ângelo, Pedro); Chaves 6-2 Ac. Viseu (Ângelo).
55/56 (II) - Chaves 3-1 Ac. Viseu (Santiago); Ac. Viseu 4-0 Chaves (Rodrigues, Santiago, Sebastião, Avelino).
59/60 (II) - Chaves 4-3 Ac. Viseu (Ramiro, Vasques, Amadeu); Ac. Viseu 1-1 Chaves (Orlando).
83/84 (II) - Ac. Viseu 0-1 Chaves; Chaves 4-0 Ac. Viseu.
88/89 (I) - Ac. Viseu 0-1 Chaves; Chaves 5-0 Ac. Viseu.
93/94 (H) - Ac. Viseu 1-1 Chaves (Zé de Angola); Chaves 2-0 Ac. Viseu.
12/13 (II) - Chaves 1-0 Ac. Viseu.

Jogo histórico:

Escolhemos o 1º jogo entre Ac. Viseu e GD Chaves na Segunda Liga, foi no Fontelo e deu empate:

Estádio do Fontelo, 9 de Janeiro de 1994
15ª Jornada da Divisão de Honra
Árbitro: Martins dos Santos (Porto)

Ac. Viseu: Augusto; Nilson; Rui Manuel, Sérgio e João Luís; Gerson, Chalana (Ali Hassan, 77), Besirovic e Mauro; Marcelo (Rogério, 21) e Zé de Angola. Treinador: José Moniz.

Chaves: Orlando; Manuel Correia; Paulo Henrique, Paulo Alexandre e Lino; Carvalhal, Edu (Serginho, int), David e Vule; Vinícius (Valter, 75) e Agostinho. Treinador: Carlos Garcia.

Expulsão: Carvalhal 70

Golos: Lino 3 (0-1), Zé de Angola 16 (1-1)
Plantel:

Guarda-redes:

Paulo Ribeiro (27 jogos na Segunda Liga, em clubes como V. Setúbal, Olhanense, Portimonense e Leixões); Nuno Dias (1, Paços de Ferreira); Rui Nibra.

Defesas:

Sagna; Ricardo Chaves (147, Chaves e Aves); João Gois (ex Sertanense); Nélson Lenho (ex Belenenses, 140, Freamunde, Santa Clara e Belenenses); Laranjeiro (ex Freamunde, 46, Leixões e Freamunde); Ricardo Rocha (71, Chaves e Sp. Covilhã); Miguel Ângelo (ex Arouca, 101, Barreirense, Trofense, Portimonense e Arouca); Bura (ex Beira Mar, 37, Sp. Covilhã, Gil Vicente e Penafiel)

Médios:

Tengarrinha (ex Freamunde, 19, Santa Clara e Freamunde); João Fernandes (120, Chaves, Feirense, Gondomar); Bruno Magalhães (67, Chaves e Freamunde); Clayton (11, Feirense); Sérgio Organista (ex Penafiel, 66, Santa Clara, Portimonense e Penafiel)

Avançados:

Éder Diez; Kuca; Barry (ex Oliveirense, 53, Atlético, Oliveirense); Mário Mendonça; Luís Pinto (ex Arouca, 84, Moreirense e Arouca); Clemente (ex Arouca, 132, Gondomar, Chaves, Oliveirense, Arouca);

Análise ao plantel:

Aí está mais um grande cadidato à subida de divisão. Da equipa tipo da época passada apenas "perderam" do onze tipo Álvaro e Edu ambos para o Feirense e reforçou-se com muita gente experiente e com qualidade. Atenção aos transmontanos!

Jogadores que passaram pelos dois clubes:


Abadito, Camões, Erasmo, Fernando, João Alves, Jorginho, Luís Saura, Luís Vouzela, Manú, Nuno Ricardo, Paulo Antunes, Pedro Paulo, Penteado, Alexandre, Rui
Ler Texto Completo