domingo, janeiro 31, 2016

Ac. Viseu FC 1-0 CD Santa Clara

Estádio do Fontelo, 31 de Janeiro de 2016
27ª Jornada da Segunda Liga
Árbitro: Hélder Malheiro (Lisboa)

Ac. Viseu: Ricardo Janota; Tomé, Tiago Gonçalves (c), Bura e Kiko; Romeu Ribeiro (Clayton, 65), Capela e Bruno Loureiro; Tiago Borges (Yuri, 76), Carlos Eduardo e Steve Ekedi (Zé Pedro, 71). Treinador: Ricardo Chéu.

Santa Clara: Pedro Freitas, João Dias, Igor (Gil Barros, 86), Roberto (Gustavo, 84), Lucas, Accioly, Tiago Ronaldo, Jimmy (Rúben Saldanha, 75), Pacheco, Rafael Batatinha e Clemente. Treinador:  Fernando Valente.

Golo: Kiko 64 gp (1-0)

                                                 (penalti apontado por Kiko)

O Académico tinha hoje uma verdadeira prova de fogo frente ao Santa Clara, equipa que ocupava a 16ª posição com 32 pontos, apenas a 1 do Académico.

Na equipa academista, destaque para Bruno Loureiro que voltou a vestir a camisola que tão bem conhece, e Ekedi, que fez a sua estreia na equipa viseense.

O jogo começou algo confuso, com a bola muito disputada, por ambas as equipas na zona de meio campo.

Destaque inicial para dois jogadores, Bruno Loureiro, que trouxe outra eficácia ao meio campo viseense, e Tiago Borges, que foi quem mais tentou puxar a equipa para a frente.

O académico teve uma forte possibilidade, de se adiantar no marcador ainda antes dos primeiros 20 minutos de jogo, mas mais uma vez, e já se torna habitual, o Sr. Hélder Malheiro, não viu Tiago Borges a ser abalroado dentro da área, ficando por marcar a respectiva grande penalidade. No futebol português, os bandeirinhas, são mecos, e o 4º árbitro só existe para advertir o banco academista.

Pouco há a acrescentar a uma 1ª parte bastante pobre, e sem ocasiões de golo.

Na segunda parte o Académico veio com uma atitude mais ofensiva, mas continuava sem criar grandes oportunidades de marcar.

Aos 64m, Chéu “joga” a cartada que viria a mudar o desafio, troca Romeu, por Clayton, e com esta troca, empurrou a equipa para a frente.

Foi logo nos minutos seguintes a esta mudança táctica, que o Académico chega ao golo, Tiago Borges entra na área pelo lado direito do ataque, e é carregado em falta. Desta vez o árbitro assinalou, mal seria se não o fizesse á segunda !

Kiko, bate a grande penalidade, o guarda redes ainda adivinha o lado, mas a bola ia com muita força.
O treinador academista, logo apos o golo, faz a segunda substituição, troca Ekedi, por outro estreante, José Pedro.

Os adeptos academistas renderam-se ao jogo de Ekedi, uma vez que este demonstrou bons pormenores, e acima de tudo, mostrou garra, atitude e disponibilidade.

Ainda houve uma terceira substituição, com Yuri a entrar para o Lugar de Tiago Borges.


Vitória justa da equipa que mais fez pela vitória, e conseguiu mais 3 preciosos pontos na luta pelo principal objectivo, a  manutenção.

5 comentários:

Anónimo disse...

Esta vitória era FUNDAMENTAL para não afundarmos na classificação numa altura em que os fretes já estão a aparecer. O FCP B perde dois jogos seguidos contra equipas que são suas amigas... O SCP B vai fazendo o mesmo contra os seus iguais serranos...
Este campeonato será sempre uma treta enquanto tiver clubes que não andam a lutar por nada. Claro que sempre dão umas receitas mais compostas, mas falseiam os resultados desportivos de modo flagrante, sem que ninguém possa reclamar ou provar os fretes. Uma treta.
Por isso este jogo era tão importante e o Académico tem de continuar a fazer pontos em todo o lado, incluindo em casa, para que fique ao abrigo das tretas que já por aí andam...
Parabéns aos jogadores, técnicos e dirigentes por esta vitória!
Só por desabafo, vejam como se comportam os "B" nos jogos com o Académico! Comparem só com o que fazem com os amigalhaços e vizinhos...

domingo, 31 janeiro, 2016
Anónimo disse...

Vitória justíssima, oportunidades claras logo no início do jogo, para dar outra tranquilidade à equipa e adeptos. Santa Clara a trocar bem a bola, a ser uma equipa chata, mas sem criar lances de verdadeiro perigo em toda a 1ª parte, e na 2ª parte, um ou outro lance de maior aperto.

Faltam 19 jogos, 6 vitórias para a tranquilidade e 15 para a subida à 1ª divisão. Se conseguirmos o 1º objetivo rapidamente, ainda poderemos sonhar com o 2º :-), mas uma coisa de cada vez, e foi pena não termos este avançado, desde o início da época, grande atitude, grande capacidade, "pinta" de ponta-de-lança.
Sauda-se o regresso de Bruno Loureiro, grande exibição, a melhor e muito a produção do meio-campo Academista.


Sempre Académico!

Carlos Silva

domingo, 31 janeiro, 2016
Anónimo disse...

Vitoria justa.

Muito bom jogo dos reforços.

È muito importante ganharmos ao Oriental. Precisamos de conseguir 2 vitórias consecutivas, para de uma vez por todas sairmos desta irregularidade de resultados positivos. Ainda para mais com esta história das equipas B´s que andam a dar borlas a todos, é agora, nestes jogos, que temos de conquistar os 3 pontos.

Miguel

domingo, 31 janeiro, 2016
Paulo Teixeira disse...

Uma vitória imaculada, uma vitória de valor acrescentado pois foi contra um concorrente directo e alem dos 3 pontos que vieram parar ao nosso cabaz destanciamo-nos um pouco mais do adversário e da linha de agua e a diferença para com esta ainda não é maior pelos arranjinhos que já aí andam mas isso já estava á espera, Benfica e Sporting salvam Mafra, Oriental e Atlético e outros amigos, Fc Porto salva Leixões (como é que uns marretas destes conseguem tirar 6 pontos ao Porto???) e outros com quem tem favores a pagar, enfim futebolices lusas a que já estamos habituados.
É com grande satisfação que vejo o regresso do Bruno ao meio campo academista, que saudades que todos tinhamos de te ver com o manto sagrado vestido, quanto aos outros reforços espero que tenham a maior sorte do mundo neste belo clube.
Domingo lá estarei em Marvila para assitir a mais um jogo do Académico por terras de Lisboa só espero que não aconteça nada do que aconteceu na epoca passada onde assisti ao lado do José Carlos Ferreira a um roubo inacreditavel de uma vitória ao Académico com um penalti aos 90+5 que resultou no empate da equipa do Oriental que só aquele labrego do apito viu, só uma vitória domingo vai calar e esquecer aquela revolta que senti no ano passado ao ver aquilo que estava a ver, tenho uma fezada que vou ver o Académico a ganhar no Carlos Salema domingo, acreditem academistas e venham até Marvila apoiar o Académico!

Paulo Teixeira sócio 433

domingo, 31 janeiro, 2016
Anónimo disse...

Como era previsto apôs a vitoria apenas os verdadeiros academistas a pareceram para apoiar o nosso académico no magia do futebol. Para os treinadores de bancada e "outros interessados", por favor silencio, pois se nao falam na vitoria, tenham vergonha e não critiquem na derrota. Os verdadeiros adeptos estão nos maus momentos com os nossos jogadores e equipa técnica e direcção. Força académico, no oriental vai cair e nos vamos subir.

quarta-feira, 03 fevereiro, 2016