quarta-feira, maio 23, 2018

Notícia de interesse academista

Depois na notícia de ontem (ver aqui), hoje começam a aparecer as primeiras reações. Em entrevista ao jornal Record Rui Silva, presidente do CF União e parte interessada da questão, afirma «até aos dias de hoje nenhum clube que utilizou irregularmente foi sancionado pelo CD com apenas multa (ndr ver ligações em baixo)» o que a confirmar-se «estamos perante um caso de polícia, a merecer participação criminal junto da PGR.»

Na mesma publicação fala-se que CD Santa Clara e CF União serão ouvidos sobre este caso no dia 5 de junho. Assim mantém-se a indefinição, algo nada benéfico para o futuro academista.

Ligações:

Farense perde 2 pontos (acabaria por descer)

3 comentários:

Anónimo disse...

Pois é, mas estamos num Estado de direito assim assim. Há uma força enorme contra os mais fracos e uma fraqueza total contra os fortes. Neste caso temos uma região autónoma para mais dominada pelo PS que está no governo. Até hoje TODOS os prevaricadores que tentaram iludir o sistema e aldrabar os seus parceiros de competição foram punidos com perda de pontos e o Farense até acabou despromovido, mas desta vez já não deverá ser assim porque há interesses maiores que se levantam. Como diz Cajuda, os resultados conquistam-se em campo, mas justamente, não com aldrabices e chico-espertismos, como é o caso.
O União também é parte interessada, mas não vai contar com a região autónoma porque essas já lá tem dois clubes e vai estar a borrifar-se.
Realmente Portugal não é local recomendável para se jogar futebol.

quarta-feira, 23 maio, 2018
Paulo Teixeira disse...

Tinha uma pequena esperança que se podia fazer justiça, sim só uma pequena esperança porque sinceramente já estava á espera deste desfecho, se fosse ao contrário ou quem tivesse ficado em terceiro fosse a Académica ou o Penafiel aí sim nem o governo regional dos Açores ou a Sata ou TAP (sim porque existem muitos interesses com o Santa Clara na primeira) tinham força para estes agora como é o Academico pode-se fazer tudo porque eles não estrabucham, por isso está na hora para se fazer algo, regras são regras e são para cumprir!
Havia alguma hipotese de levar este caso á FIFA ou UEFA já que mais uma vez os orgãos que superintendem o futebol português são incompetentes e mostram uma dualidade de critérios gritante.

Paulo Teixeira

quinta-feira, 24 maio, 2018
José Ferreira disse...

Tentando perceber o que se passa:

I) Os casos anteriores de perda de pontos por utilização de jogadores irregulares, são similares a este caso, mas não são iguais;

II) Parece-me pacífico que a utilização irregular de jogadores, tem que corresponder a perda de pontos;

III) Se a proposta é de apenas de multa, é porque a «Comissão de Instrutores» entende que não há utilização irregular de jogadores;

IV) Como chegam a essa conclusão? Não basta dizer porque sim, têm que fundamentar;

V) É a partir dessa fundamentação que se tem que trabalhar, ou seja, desmontar essa fundamentação;

VI) Entretanto isto vai arrastar-se por tribunais e demorar anos, já terei netos por essa altura.

quinta-feira, 24 maio, 2018