segunda-feira, agosto 18, 2014

Ac. Viseu FC 1-2 SC Freamunde



Pouco Académico, algum Proença e bastante Freamunde…


O Académico foi derrotado este domingo na receção ao Freamunde por 1-2. A equipa comandada por Alex apresentou-se algo nervosa e ansiosa, ao contrário da 1ªjornada em Chaves. O Freamunde mostrou argumentos interessantes e levou a vitória do Fontelo.




Estádio do Fontelo, 17 de agosto de 2014
2ª Jornada da Segunda Liga
Árbitro: Pedro Proença (Lisboa)

Ac. Viseu: Ivo Gonçalves; Tiago Costa (Paulo Roberto, 68), Pedro Santos, Tiago Gonçalves e João Carneiro (Ricardo Ferreira, 59); Alphonse, João Coimbra (Marcel, 59), Alex Porto e Luisinho; Tiago Borges e Sandro Lima. Treinador: Alex Costa.

Freamunde: Marco, Monteiro, Edson (Lio, 78), Barbosa, Pedrinho, Fausto Lourenço, Jô, Huguinho, Robson (Toni, 27), Luís Pedro e Allan (Rui Rainho, 61). Treinador: Filipe Rocha.

Expulsão: Alex Porto 77

Golos: Pedrinho 3 (0-1), Sandro Lima 42 (1-1), Rui Rainho 65 (1-2)

O jogo iniciou-se com o golo da equipa forasteira. Cruzamento na esquerda do ataque de Fausto para Pedrinho na cara de Ivo inaugurar o marcador. O ex.academista era a referência do ataque de Freamunde. O golo provocou algum nervosismo nos jogadores academistas que não conseguiam reagir com precisão. O Académico tentava balancear-se, mas na hora do remate as coisas não corriam bem, diversas vezes devido aos “centímetros a mais” dos centrais do Freamunde. O golo do Ac.Viseu surgiu já perto do intervalo, após trabalho notável de Tiago Borges, que com passe delicioso serviu Sandro Lima para o empate. Resultado justo que se registava ao intervalo.

Para a 2ª parte perspectivava-se um Académico forte, mas assim não aconteceu. O Freamunde, personalizado, ia criando várias dores de cabeça ao meio-campo e defesa academista, com transições ofensivas dignas de registo. O mister Alex pretende vencer a partida e faz entrar Ricardo Ferreira e Marcel, mas é traído logo a seguir, quando Rainho faz passar a bola pelo guardião Ivo Gonçalves, com chapéu de belo efeito. De imediato P.Roberto é chamado à partida, e o Académico tentava chegar ao empate, mas Alex Porto, que estava a ser o motor do jogo dos viriatos é expulso por suposta agressão. A verdade é que os viseenses não conseguiram mais fazer jogadas com cabeça e o chuveirinho, sem sucesso, sucedeu-se até final da partida. O árbitro internacional P.Proença foi nesta fase demasiado permissivo. Registo para nos últimos 15min, ter interrompido o desafio por 7 ocasiões por aparentes lesões dos atletas de Freamunde e a maca ter entrado por 4 vezes. O facto do golo do Freamunde ter sido, eventualmente, precedido de fora de jogo e a expulsão ao jogador academista ter sido bastante contestada, não justificam a fraca exibição do Académico e Viseu. Espera-se resposta superior já no próximo sábado frente ao Benfica B.

Força Académico!!!
 

23 comentários:

Anónimo disse...

O Academico até jogou bem. O jogo teve 3 momentos decisivos:
-as 2 substituições simultâneas que foram um buraco, revelam a inexperiência do treinador, quiçá ainda a dever alguns anitos ao CNS; a expulsão estupida e completamente injusta do jogador do Académico e Ivo Gonçalves, um guarda redes muito fraquinho, talvez o mais fraco desde que somos AVFC. Não percebo porque saiu o Janota, ainda mais para o Oriental, será que lhe pagaram muito mais??? Inoperância da direção e comprar jogadores por catalogo nem sempre corre bem.

domingo, 17 agosto, 2014
Anónimo disse...

Perdeu-se o jogo quando o mister Alex mexeu muito mal na equipa

domingo, 17 agosto, 2014
Viriatus disse...

Venho falar sobre o Académico e faço-o com muita pena minha.
Já aqui me pronunciei sobre a construção deste plantel e equipa técnica, tendo afirmado que íamos lutar para não descer, hoje, depois do que vi digo: se não houver rapidamente alterações, quer na aquisição de mais 4 elementos: Guarda Redes, Central, Médio e Ponta de lança, que façam a diferença a equipa desce de divisão, independentemente do Treinador. Se houver a aquisição destes 4 elementos precisamos de fazer a mudança do comando técnico. Foi mais que evidente que o Treinador não soube montar a equipa e muito menos soube fazer as alterações necessárias. Quanto ao aspeto disciplinar, dois jogos, duas expulsões. Assim não, com muita pena minha a descida de divisão já tem um cliente garantido.

domingo, 17 agosto, 2014
paulo teixeira disse...

não adianta vaticinar descidas de divisão e muito menos falar mal da direcção. Esta direcção foi a que nos levou até à segunda liga, portanto é preciso dar crédito e confiança aos jogadores, equipa técnica e direcção. também acho quje devem ser feitas novas aquisições de jogadores mas ou o clube tem juízo e controlo financeiro ou é garantida nova falência.

domingo, 17 agosto, 2014
Anónimo disse...

Corrijam-me se estiver enganado, mas na època anterior não tinhamos director desportivo ou lá o que é, e tinhamos um dos melhores planteis da 2ª liga.
Este ano temos e consegue fazer pior do que o que lá não estava. Logo é pior do que um fantasma, e ainda deve ficar mais caro.

Mas como disse de inicio, posso estar errado.

Miguel

domingo, 17 agosto, 2014
Anónimo disse...

Há algum tempo que tenho vindo a ler certos comentários e tenho feito um enorme esforço para ficar calado...mas hoje não o posso fazer! Viriatus, será porventura adepto do nosso Académico??? Ou será um treinador de bancada frustrado??? É que não há paciência para este tipo de comentários (com todo o respeito para os moderadores do blog) O senhor Viriatus se tem assim tanta certeza do que diz, porque não joga no Euromilhões???? Com apenas 2 jornadas já sabe o final do campeonato, que tem "apenas" 42, sim 42, jornadas!!!!! Com muita pena minha, tive de vir aqui "responder"!! Quanto ao jogo, uma boa primeira parte do Académico, e um segunda parte muito má! As substituições, hoje, não tiveram o efeito desejado, e uma expulsão desnecessária para rever. No segundo golo do Freamunde assistiu-se a uma passividade que não pode voltar a acontecer por parte da equipa (estavam 2 jogadores do Freamunde para 5 ou 6 do Académico). Agora é voltar ao trabalho e corrigir o que esteve mal, para que se possa dar uma resposta positiva, já no próximo jogo!

segunda-feira, 18 agosto, 2014
Anónimo disse...

Sou um morador de Chaves k na semana passada assistiu ao jogo entre os Flavienses e o Academico. Estou muito admirado com os comentarios k acabo de ler, por ter gostado do futebol k os viriatos mostraram em Tras Os Montes vim ler a analise ao jogo de ontem, e sem nada ter visto considero uma injustiça o que li sobre o Alex só pelo k aconteceu num jogo.

segunda-feira, 18 agosto, 2014
João Costa disse...

Tanto profeta da desgraça, tanto adepto bipolar... credo, meus senhores!
Os mesmos que agora agoiram a descida são os mesmos que depois do jogo com o Portimonense estavam eufóricos. Os mesmos que pedem novos guarda-redes... Procurem comentários aqui no blog dos primeiros jogos em que participou o Janota... Agora querem-no de volta. Era bom guarda-redes? Era! Tal como o é o Ivo. Estamos a falar de um dos melhores guarda-redes da liga na época passada. E o Capela? Tanta vez o ouvi ser apelidado de cepo... Agora suspira-se por ele. João Martins? Dizia-se que só jogava por ser irmão de quem é. O Cafú estava acabado... Podia continuar aqui até de manhã, mas não vale a pena.

Critica-se a forma como o Alex mexeu na equipa... se tivesse corrido bem era o maior. No momento em que é feita a dupla substituição, ainda não tínhamos chegado com pés e cabeça (e alguma vez chegamos?) à baliza do Freamunde na segunda parte. Era preciso um safanão. E o treinador tentou dá-lo! Não correu bem, pronto... Se estou contente com o que vi no Fontelo hoje? É óbvio que não, ninguém está (espero eu). É preciso muito mais. Acredito que ainda vão chegar reforços, é esperar para ver. A pré-temporada é curta por causa da Taça da Liga e ainda se anda à procura da melhor forma.

Referência também para os nossos adeptos. Não temos a ponta de paciência para com os jogadores... Não podemos ver dois passes entre os defesas centrais e é logo tudo vaiado. O que o povo quer é bola bombeada para a frente e fé no Luisinho. Amigos... o futebol atualmente não é o mesmo de há 10 anos atrás! Felizmente evoluiu.

Para concluir, só nos podemos queixar de nós próprios por não termos trazido algo mais deste jogo. Mas quando a outra equipa em campo pouco ou nada se preocupa em fazer para além de queimar todo o tempo possível (com o aparente consentimento de quem "manda") tudo se torna mais complicado.


FORÇA GRANDE ACADÉMICO!

segunda-feira, 18 agosto, 2014
Anónimo disse...

Não existe nada de anormal neste resultado, porque se continuar tudo como até aqui vai haver muita derrota.
Mas não é preciso ter medo porque o clube tem um presidente e um diretor desportivo que percebe muito a nivel de contratações para o plantel e temos que ter confiança!!

segunda-feira, 18 agosto, 2014
Anónimo disse...

Sr.Presidente, deu demasido poder ao diretor desportivo e pronto tem a resposta o clube que não abra os olhos que o CNS não fica muito longe.

segunda-feira, 18 agosto, 2014
Anónimo disse...

Amigo João Costa disse tudo !

segunda-feira, 18 agosto, 2014
Anónimo disse...

O Academico perdeu um jogo e nao sera o ultimo com toda a certeza, porem muitos outros decerto vai ganhar e dar muitas alegrias aos socios e simpatizantes.
Depois dos jogos de pre epoca e da ultima jornada, acho um exagero para nao dizer disparate, alvitrar que já descemos de divisao. Eu tenho a certeza de que fosse dirigente desportivo criaria o poder de banir certos adeptos do futebol. Fazem mal a equipa e ao nosso ego!

CARLOS FERREIRA
Toronto

segunda-feira, 18 agosto, 2014
Viriatus disse...

Caros comentadores:
Esclareço que sou sócio do Académico de Viseu, cartão anual.
Criticam a minha chamada de atenção, que também o fiz, após o Portimonense, dizendo que aquele jogo não correspondia à realidade e no entanto, todos ou quase todos, com ironia ou sem ironia, vêm dizer o mesmo que eu disse com toda a clareza. O que eu não disse nem digo é que o Sr. Presidente está errado, ele lá sabe as linhas com que se coze. Ou seja, quem deve ou não ouvir.

segunda-feira, 18 agosto, 2014
J.P disse...

Que confusão novamente nesta temporada, o clube ainda vai lutar para não descer.
Eu comeco a ficar cansado de toda essa porcaria.
Eu não sou um fã do benfica nem do porto,nem do sporting, mas eu sou um verdadeiro fã do academico Viseu.
Tenho a sensação de que nunca vamos avançar.

segunda-feira, 18 agosto, 2014
Gonçalves disse...

Derrota natural perante um adversário que com o mesmo orçamento que nós (750 mil euros) tem muito, mas muito melhor plantel. A comparação entre estas 2 equipas é o exemplo mperfeito que com o memso orçamento se pode (ia) ter melhores jogadores e aí não há que fugir a culpa é do director desportivo que é muito muito tenrinho, assim como o treinador que ainda não tem estaleca para estas andanças. Sejamos realistas, o preocupante não é (seria) a derrota pois o campeonatp é longo mas as lacunas da nossa equipa e o seu futebol. Temos um fraco plantel, inferior, aliás bastante inferior ao do ano passado, com o mesmo orçamento, com alguns bons elementos: Ivo, Pedro Santos, Alphonse, Luisinho e Tiago Borges, pois nos restantes a qualidade é bastante duvidosa. Precisamos de um bom defesa central, um bom extremo e um ponta de lança (os 2 que lá temos são erros de casting). Prevejo, tal como o Viriatus que lutaremos para não descer e teremos mita dificuldade em manternos nos campeonatos profissionais. O maior cego é aquele que não quer ver: O trabalho de casa foi muito mas muito mal feito.

segunda-feira, 18 agosto, 2014
Anónimo disse...

Estamos na segunda fase da Taça da Liga, onde nunca estivemos. Temos um ponto em dois jogos - normal - e parece que acabou o mundo. É claro que são precisos jogadores, e já contratámos o Renan. Haja calma e paciência. Daqui a mais uns jogos, então vamos fazer uma análise mais fria e objectiva. Agora parece histeria sem sentido.

terça-feira, 19 agosto, 2014
Anónimo disse...

Independentemente de todas estas controvérsias, de termos ou não um bom plantel (eu acho que sim, que temos) mas é claro que ainda precisa de alguns ajustes… mas o que mais me indigna, e não sei se alguém já tomou alguma providencia para alterar essa situação é que após este jogo com o Freamunde (o qual estive presente), só poderei voltar a ver um jogo do meu Académico em casa no dia 2 de Novembro contra o Feirense, visto que todos os outros se realizaram á Quarta-Feira, isto sim é a pura da vergonha do futebol Português, futebol esse que apenas se preocupa com os chamados três grandes.

Marco Silva

terça-feira, 19 agosto, 2014
Paulo Teixeira disse...

Sinceramente não esperava este resultado se um empate já era mau uma derrota é péssimo mas pronto já lá vai foi um mau domingo ainda vamos ter muitos só espero que os bons domingos sejam mais que os maus.
A equipa é realmente muito limitada mas é o que temos meus amigos, infelizmente não temos nenhum mecenas a despejar dinheiro na equipa e os bancos que estão do nosso lado só se forem da mata do Fontelo, portanto temos de apoiar o que há e seguir calmamente o desenrolar das jornadas no final fazemos contas, pelas minhas faltam 49 pontos para nos salvarmos.
Quantos aos reforços claro que o ideal seria ir buscar pelo menos 4 elementos fundamentais, 2 defesas 1 meio campista e um finalizador nato mas será que há graveto para isso???
prefiro descer de divisão do que entrar em loucuras e ir parar aos distritais!
Quero lançar um repto a todos os academistas aqui da capital e arredores, Sábado vamos todos ao Seixal apoiar a equipa eles merecem se conseguirmos um bom resultado, óptimo, se não uma coisa é certa eles fizeram tudo para ganhar, vamos ter pela frente uma equipa superior e a ultima vez que isso aconteceu esta época não perdemos, vamos transformar o Seixal num pedaço Beirão, ´´SEIXAL TEM MAIS ENCANTO VESTIDO DE PRETO E BRANCO``.
Para mim ver o Académico a jogar já fico muito satisfeito e nunca me vão ver a criticar a equipa prefiro atirar-me ao arbitro ou á equipa adversária do que ao meu emblema!

Paulo Teixeira sócio 752 á espera de bons resultados, eles vão aparecer disso não tenho dúvidas.

terça-feira, 19 agosto, 2014
562 disse...

Boa noite.
Fizemos 2 jogos e já se vêem estes comentários derrotistas? Apetece-me dizer algumas coisas, nomeadamente:
Comparar esta equipa e a sua forma de jogar com a do ano passado, sobretudo na era FM, só pode ser brincadeira; é que não tem nada a ver. O CAF do FM envergonhava-nos, ao passo que o do Alex, não. É verdade que não ganhou nenhum dos dois jogos, mas vê-se qualidade. Eu, pelo menos, vejo. Esta época, apenas tive a felicidade de ver o CAF jogar uma vez, em Freamunde, e, sinceramente, fiquei com muito boa impressão. Naturalmente que vi um CAF às apalpadelas em função de ter um plantel praticamente novo, mas gostei, porque vi jogadas, vi chegadas à linha de fundo e vi defesas do GR contrário, algo qua não acontecia na era FM. Nesse jogo fiquei com a sensação de que nunca tinha visto jogadores a falar tanto uns com os outros, e isso é o preço a pagar por renovar planteis anualmente. E por falar em plantel, como é possível dizer que não tem qualidade? O do ano passado seria melhor? Eu acho que não. Acho que, por nos afeiçoarmos a alguns jogadore, não apreciamos devidamente os seus substitutos. Mas vamos ver, sector a sector, o plantel: O Ivo já está a ser crucificado… Não faz mal; o Janota também foi, no início; provavelmente pelos mesmos… É, no entanto, um GR com experiência de 2ª liga e que oferece garantias. Na defesa, entrou o Pedro Santos, que ajudou o Penafiel a subir à 1ª. Não chegará para o CAF?? Eu acho que chega. A restante defesa titular (TC, TG e Dalbert) tem muita qualidade, de facto. Na última época, o TG era o maior e agora desaprendeu? E o TC, também? E o Dalbert? Há ainda mais elementos que, diz-se, são muito bons (Vinicius, p exemplo, de quem oiço dizer maravilhas). No meio campo, o Alphonse impera! Bom jogador! Temos experiência de 1ª liga em quase todos os elementos (J Coimbra, Renan, Alphonse). Temos, ainda, o Filipe Nascimento que é um jogador com escola e que tem muita qualidade, para além de uns pés de veludo. Vi, também, o Alex Porto.. Tem poder, técnica e talento. Falta-lhe experiência. No ataque, para além do mágico, temos o Tiago Borges, que veio do Moreirense… Ajudou a equipa a subir e não serve para o CAF? Este é um craque da cabeça aos pés. Temos dois pontas-de-lança que não são Cafus, não senhor. Estes são posicionais… São encostadores… Aqui creio que faz falta um jogador mais móvel, que permita mais derivações tácticas. O Bruno Grou saiu e acho que encaixaria bem, se lhe fossem dadas as oportunidades.

Em suma, acho que só falta "nervo" a esta equipa. O treinador, pela sua experiência, sabe muito mais de futebol do que a maior parte dos treinadores da 2ª liga. É jovem, humilde, e só precisa de sorte e de apoio! Sei, inclusive, que o CAF foi apontado por um conceituado treinador da 2ª liga, no seu círculo privado de amigos, como um dos candidatos à subida. E é um facto que, com este presidente, o CAF sobe de divisão, ano-sim, ano-não.

Deixo, ainda, um apontamento contra os que criticam o presidente: Se tiverem vontade de o fazer, engulam, pois este homem, que tirou o clube da fossa, só merece ouvir agradecimentos. Quem critica o presidente, ou tem memória curta, ou é mal-agradecido, ou é burro, porque este homem merece uma estátua.

terça-feira, 19 agosto, 2014
Academicomania disse...

De acordo com o último comentário do 562,é preciso ter calma e não desesperar, eu sei que somos adeptos exigentes, mas temos de ter calma, acredito neste plantel, apenas acho que falta um finalizador para o ataque... Quem fala mal do presidente não é verdadeiramente do académico, é obra o que ele fez pelo clube, e se todos tivéssemos o amor pelo clube como ele tem o académico estava bem melhor...

quarta-feira, 20 agosto, 2014
--FD disse...

Eu também concordo com o Academista 562. Não podemos dizer que está tudo bem mas também não é verdade que está tudo mal. E de facto no ano passado começámos com uma equipa bem inferior ou pelo menos a jogar bem pior do que agora. A equipa tem, para mim, bons valores individuais que quando estiverem na plenitude da sua capacidade física e de entrosamento com os restantes colegas vão certamente praticar um bom futebol. Agora temos de fazer a nossa parte e apesar de todos querermos o nosso Académico a dominar todos os jogos há que ter paciência e transmitir tranquilidade. Estive no Fontelo no jogo contra o Freamunde e custou-me ouvir certas palavras que saem da boca de muitos sócios. Críticas e críticas ao treinador, "o nove que não joga nada, nadinha" e que para a mesma pessoa quando marcou o golo "é muito bom jogador aquele nove. E ainda é novo!" para voltar a ser "um zero aquele jogador" quando falhou um golo de cabeça na segunda parte - isto tudo dito pela mesma pessoa. O festival era tal naquela bancada que perto do final alguém disse: "há mais espectáculo aqui na bancada que dentro do campo". Vamos todos ter calma, os jogadores e a equipa técnica estão certamente muito mais frustrados do que nós com este resultado e não podemos entrar em guerras e desesperos. As substituições não tiveram o efeito que o mister Alex pretendia mas viu-se que queria ganhar o jogo! Num passado recente o mister com que começámos a época provavelmente teria reforçado a defesa para segurar o empate e às tantas terminaria o jogo com o mesmo resultado do domingo passado. Há que olhar em frente e aproveitar estes erros para melhorar o que está mal.

Um aparte: o organismo responsável pela organização da liga profissional de futebol não demonstra ter uma grande preocupação com os adeptos (a propósito vocês, MAGIA, já tiveram resposta à vossa carta aberta?) e nas ficha de jogo (pelo menos da Segunda Liga) mete água a torto e direito. Dois exemplos:

- segundo a ficha de jogo, na primeira jornada o Dalbert levou três cartões amarelos e dois vermelhos http://www.ligaportugal.pt/oou/jogo/20142015/segundaliga/1/4

- segundo a ficha de jogo, na segunda jornada o Académico inaugurou o marcador na primeira parte e o Freamunde empatou a partida aos três minutos da segunda parte http://www.ligaportugal.pt/oou/jogo/20142015/segundaliga/2/9

Mas será que não querendo ou não podendo penalizar as equipas que não praticam fair-play não podem beneficiar as equipas que o praticam? É que situações como a que se passou no domingo passado e que também aconteceram no jogo contra o Trofense e o Santa Clara no final da época passada são horríveis. Os jogadores têm de se mentalizar que são profissionais e homenzinhos e que atirarem-se para o chão para quebrar o ritmo de jogo é demasiado infantil. Custa-me dizer isto mas a verdade é que o fair-play é realmente um grande treta.

quarta-feira, 20 agosto, 2014
A MAGIA DO FUTEBOL disse...

Ainda não obtivemos nenhuma resposta à "carta aberta". Assim como não obtivemos qualquer feed-back dos sites a que enviamos as nossas preocupações (excepção do Viseu Mais a quem agradecemos).
Sobre esse assunto apenas uma boa notícia o Ac. Viseu vs Trofense marcado para quarta-feira, 27 de agosto, foi alterado para domingo 7 de setembro

quarta-feira, 20 agosto, 2014
--FD disse...

Apenas para evitar confusão, quando escrevi "Num passado recente o mister com que começámos a época provavelmente teria reforçado a defesa para segurar o empate e às tantas terminaria o jogo com o mesmo resultado do domingo passado." estava, obviamente, a referir-me à época passada.

quarta-feira, 20 agosto, 2014