domingo, março 26, 2017

Ac. Viseu FC 2-1 CD Santa Clara

Estádio do Fontelo, 26 de março de 2017
32ª Jornada da Ledman LigaPro
Árbitro: Miguel Libório (Lisboa)

Ac. Viseu: Elísio; Carlos Eduardo (Luisinho, 63), Bruno Miguel (c), Bura e Stéphane; Paná, Bruno Loureiro e Zé Paulo; Moses (Capela, 80), Tiago Borges (Joel, 76) e Sandro Lima. Treinador: Francisco Chaló.

Santa Clara: Serginho; Rui Silva (Berny Burke, 87), Accioly, Vítor Alves e Igor; Diogo Santos (Guilherme, 83), Pacheco, Rúben Saldanha e Osama (Hugo Santos, 80); João Reis e Clemente. Treinador: Carlos Pinto.

Expulsões: Carlos Eduardo 64 (no banco), Sandro Lima (90+3), Pacheco e Vítor Alves (90+3)

Golos: Diogo Santos 57 (0-1), Sandro Lima 72 gp (1-1), Bruno Loureiro 81 (2-1)

O Académico somou hoje mais 3 preciosos pontos frente ao Santa clara.

Adivinhava-se um jogo complicado, uma vez que o Santa Clara, ainda não deu como perdida a luta pelo segundo lugar, que dá acesso á primeira liga.

O Académico fez o que lhe competia, e foi durante a primeira parte a equipa mais dominadora, com o Santa Clara a apostar no contra ataque.

Não foi um jogo intenso, mas não era de todo surpreendente se no final da primeira parte o Académico estivesse na frente do marcador, uma vez que dispôs de duas excelentes oportunidades para marcar, a primeira foi um bom cruzamento da esquerda de Moses com Tiago Borges a chegar ligeiramente atrasado para finalizar, a outra por Sandro Lima, com o guarda redes do Santa Clara a negar o golo duas vezes na mesma jogada.

No reinício da segunda parte esperava-se um Académico ainda mais forte, mas foi o Santa Clara que criou mais jogadas de perigo.

Foi por volta dos 60m de jogo, que mais uma vez o filme se repetiu… sequência de cantos a favor da equipa adversária, apatia do meio campo academista ao não conseguir segurar a bola longe da sua área, e golo de Diogo.

Finalmente a equipa viseense em desvantagem no marcador, “acorda”, e retoma a iniciativa de jogo.

Chaló, não queria desperdiçar pontos, retira de campo o “amarelado” Carlos Eduardo, e lança Luisinho. Tiago Borges, recuou no terreno para o lugar de defesa direito.

Situação intrigante e curiosa foi a expulsão de Carlos Eduardo já fora das quatro linhas, segundo nos pareceu o juiz da partida, mostrou o segundo amarelo, porque o jogador estava sem o colete vestido no banco de suplentes.

Aos 72m de jogo numa iniciativa de ataque, um jogador academista ( Zé Paulo? ), domina a bola na área e é empurrado por um jogador adversário. Sandro Lima é chamado a converter a grande penalidade e faz o empate.

Restavam cerca de 15m para acabar o jogo, Tiago Borges dá o seu lugar a Joel, que se estreou na equipa academista, e acabou de o fazer da melhor forma. Logo após a sua entrada faz um corte providencial, a evitar uma jogada bastante perigosa da equipa açoriana.

O mesmo Joel seria muito importante na reviravolta do resultado, excelente jogada pela direita, cruzamento para a área, excelente simulação de Paná a deixar a bola para Bruno Loureiro que marcou um belo golo. Excelente jogada.

Quase no fim do encontro, o árbitro, que demonstrou não estar á altura dos acontecimentos, acabou por expulsar mais 5 elementos. 
Treinador e adjunto do Santa Clara, e minutos mais tarde numa jogada de ataque academista, Sandro Lima é rasteirado, os dois jogadores do Santa Clara protestam?, agridem? Sandro Lima, e o árbitro expulsa os dois. Sandro Lima depois de assistido, também recebe ordem de expulsão.

O Académico ainda podia ter aumentado a vantagem, quando Zé Paulo em excelente jogada individual vê o guarda redes adiantado e remata com a bola a passar muito perto do poste.





Elísio (à esquerda) mostrou-se seguro;
Belíssima estreia de Joel (foto da direita).



Excelente vitória, e o mais importante, a conquista dos 3 pontos…

João Nunes

5 comentários:

Paulo Teixeira disse...

Fantástica vitória, 3 pontos que podem dar alguma tranquilidade para a equipa poder explanar o seu bom futebol e começar a subir na tabela deixando para trás os incómodos lugares de descida e play-off.
Isto ainda não está decidido mas para lá caminha, tenho impressão que nos próximos 3 jogos podemos mandar o fantasma da descida ás malvas, mas como já disse muito cuidado muita concentração e depois é só mostrar o nosso valor que chegamos lá.
Finalmente hoje demos o click que faltava, a alavanca para um resto de epoca sem sobressaltos, confesso que cheguei a pensar que hoje era identico ás outras duas vezes mas não, hoje era dia de São Académico, hoje era dia para mostrar a nossa alegria nestes 3 pontos que nos levam a uma posição mais tranquila, obrigado equipa por um domingo tão saboroso!

Paulo Teixeira

domingo, 26 março, 2017
Unknown disse...

Excelente vitória, perante um adversário muito difícil, candidato À subida à 1ª Liga. Equipa muito compacta, troca bem a bola, criou, na 2ª parte 3 ocasiões de golo, mas o Académico na 1ª parte poderia ter marcado por 2 vezes e depois a perder teve banco à altura, pois Luisinho e Joel constroem o lance do 2º golo. Capela entra e reforça e bem o meio-campo já algo desgastado.
São 2 vitórias no prazo de uma semana em 2 jogos complicadíssimos, mas o que aí vÊm são igualmente de grau elevado e temos TODOS, TODOS os Academistas, com chuva, frio. calor ou sol marcar presença, novamente domingo no Fontelo, onde se espera bom tempo, e onde com o nosso APOIO o Académico pode conseguir mais uma vitória.
o 2º golo é para ver e rever pois é uma jogada de grande, grande categoria, numa altura em que a equipa deu tudo o que tinha para virar o resultado perante, repito, um poderoso adversário, dos melhores que apareceram no Fontelo, esta época, talvez, mesmo a par da Académica.

É esta a 2ª Liga, onde é preciso ter uma resitÊncia psicológia e fisica para lá dos limites e os adeptos do Académico têm de perceber isso, todos os jogos são muito, muito importantes, e todos eles nós podemos ganhar, mas há que APOIAR sempre, sempre, sempre.

Sempre Académico!

TODOS ao Fontelo!

Carlos Silva

domingo, 26 março, 2017
--FD disse...

Uma grande vitória que deixou o Fontelo em delírio. Infelizmente a chuva não permitiu aproveitar a borla da direcção do Académico mas mesmo assim estiveram presentes 1400 adeptos (número oficiais da liga).

Em relação ao jogo, não há muito mais a dizer. Se até há umas jornadas atrás o Académico marcava primeiro e muitas vezes consentia o empate, nestes dois últimos jogos conseguimos fazer algo que durante muitas jornadas pareceu completamente impossível: dar a volta no marcador. Parabéns equipa!

Em relação à expulsão do Carlos Eduardo, não me parece que a razão tenha sido o colete. Se assim fosse, o Zé Pedro também teria sido expulso pois esteve sem ele durante todo o jogo. Terão sido palavras dirigidas à equipa de arbitragem?

Força Académico!

domingo, 26 março, 2017
Luís Luís disse...

Grande vitória do Académico, que assim continue na senda dos bons resultados rumo à manutenção. Desculpem-me o aparte mas isto de ter um treinador a sério é outra coisa.

Para mim Viseu, cidade mais linda do mundo e o Académico, melhor clube do mundo, como o próprio blog já chegou a ter inscrito, na Liga dos Campeões ou nos Distritais.

Do Barreiro mando os meus cumprimentos a todos os academistas e força Académico.

Luís Luís
Sócio n.º 107

segunda-feira, 27 março, 2017
--FD disse...

O mapa de castigos já foi publicado http://ligaportugal.pt/media/6891/comunicado-oficial-239.pdf .

O Académico de Viseu vai ter de pagar 143 Euros de multa por atraso de três minutos para jogar a segunda parte.

Sandro Lima foi suspenso por dois jogos.

Stephane e Carlos Eduardo vão ter de cumprir um jogo de suspensão.

quarta-feira, 29 março, 2017