domingo, julho 27, 2014

Ac.Viseu FC 4 x 1 Portimonense SC

Hoje o Académico recebeu o Portimonense, para o primeiro desafio relativo á edição da Taça da Liga 2014/15.

Depois de uma surpreendente vitória contra o Braga, no ultimo jogo treino da pré-época, disputado em Óbidos, era grande a curiosidade dos adeptos e sócios academista, para sabermos como se iria comportar a equipa Academista no primeiro jogo oficial da época. 

O Académico alinhou com:

Estádio do Fontelo, 27 de julho de 2014
1ª Jornada da Taça da Liga, Grupo B
Árbitro: Tiago Antunes (Coimbra)

Ac. Viseu: Ivo Gonçalves; Tiago Costa, Tiago Gonçalves (c), Pedro Santos e Dalbert (João Carneiro, 80); Alphonse, Alex Porto, Filipe Nascimento (Marcel, 57) e Luisinho; Tiago Borges e Sandro Lima (Paulo Roberto, 68). Treinador: Alex Costa.

Portimonense: Ricardo Ferreira; Ricardo Pessoa, Ivo Nicolau, Salvador e Cícero Acácio; Landinho (Filipe Soares, 60), Juninho (Theo Ryuki, 81) e Fabrício; Kanazaki, Luís Zambujo (Fernandinho, 70) e Fidélis. Treinador: Vítor Maçãs.


Golos: Dalbert 10 (1-0), Tiago Borges 42 (2-0), Kanazaki 53 (2-1), Salvador 58 pb (3-1), Tiago Gonçalves 78 (4-1)

O jogo começou numa toada equilibrada, com algum ascendente Academista, com destaque para o bom entendimento já evidente entre os homens do meio campo do Académico.

Curiosamente, a primeira oportunidade de golo foi para a equipa forasteira, com Fidelis, na cara do guardião academista a chutar contra o guarda redes academista.

A partir daqui o jogo foi completamente dominado pelo Académico. Alex Porto e Filipe Nascimento, revelaram já excelente entendimento, produzindo e criando espaços, para que Luisinho, Tiago Borges e Sandro Lima,  criassem muitas dificuldades á defesa que viajou desde Portimão.

Aos 12m de jogo, numa jogada de ataque, Dalbert remata de fora da área, e com o contributo de Ricardo guarda-redes do Portimonense, faz o primeiro da partida. Ricardo, podia ter feito muito melhor, mas este golo foi um excelente prémio, para Dalbert, que hoje fez um grande jogo, talvez o melhor desde que chegou ao nosso clube.

O Académico continuava a pressionar o Portimonense, que nos pareceu uma equipa muito frágil, e em má forma física. Recordamos que o Portimonense começou a época há poucas semanas, e só isso pode justificar o mau desempenho hoje no Fontelo.

Por volta dos 20m, de jogo, é a vez de Sandro Lima entrar isolado na área, pelo lado direito, e rematar fraco, meio na bola, meio na relva, para defesa do guarda redes adversário. 

Aos 44m é a vez de Luisinho, cruzar, pelo lado direito do ataque, e oferecer o golo a Tiago Borges, que de cabeça faz o segundo da partida. Luisinho, mais uma vez, tornou a tarde do defesa esquerdo adversário, um autêntico pesadelo.

O Académico começou a segunda parte numa toada mais calma, uma vez que o calor, não permitia ritmos de jogo muito elevados e a vantagem no marcador assim o permitia.

Aos 53m de jogo, o árbitro marca penalty para o Portimonense, não sabemos se bem ou mal assinalado, mas o que é certo é que Kanazaki, avançou para a marca de penalty, e criou "o caso do jogo" no Portimonense, uma vez que não deixou o capitão Ricardo Pessoa, bater a grande penalidade. R. Pessoa, virou-se para o banco e mostrou o seu desagrado, dizendo para Vitor Maças, que não marcaria mais nenhum. O Capitão portimonense não viu o seu colega marcar, nem festejou em sinal de protesto !!!

Com 2-1 no marcador, Alex, decide refrescar o meio campo academista, e faz entrar Marcel, para o lugar de Filipe Nascimento, e rapidamente colheu frutos, uma vez que Marcel trouxe mais vida ao ataque academista.

Numa jogada de ataque pelo lado direito, centro para a área, e desta vez é um defesa portimonense que acaba por introduzir a bola na sua própria baliza.

Alex ainda fez mais 2 substituiçoes, aos 68m troca Sandro Lima, por Paulo Roberto, que também entrou muito bem no jogo, e aos 80m, saiu o esgotadíssimo Dalbert, para dar lugar a Carneiro.

Vitória justa da equipa academista, com bons apontamentos técnicos, com bons momentos de futebol, apesar da temperatura elevada. Uma desilusão, esta equipa do Portimonense, mas pode ser tudo uma questão de tempo uma vez que ainda estamos em "pré-época", e porque deu para perceber que eram poucos os suplentes, apesar de estarem jogador "trajados" na bancada, sinal que ainda não estão inscritos na Liga, ou por problemas burocráticos.

Positivo: O bom entendimento, que a equipa já demonstra em campo. O jogo de Dalbert, Tiago Costa, Luisinho e Alphonse.

Negativo: A defesa academista, demonstra algumas fragilidades, nas bolas paradas, e bolas pelo ar. A rever e trabalhar.


Ps. Continua a ser inadmissível, esperar tanto tempo para se comprar bilhete. Apenas uma bilheteira, por sinal bastante demorada. Incrível também a falta de civismo, de quem chega depois, e passa á frente dos outros que estão na fila!

João Nunes sócio nº 100

  






3 comentários:

Paulo Teixeira disse...

Depois de umas merecidas férias onde sempre acompanhei a actualidade do Académico cá estou de novo, hoje o que aconteceu foi somente o prolongamento daquele surpreendente resultado frente ao Braga onde toda a gente questiona se é mesmo o Braga e de facto foi mesmo o Braga, hoje despedaça-mos completamente o Portimonense e não foram mais porque, porque!!!
Sei que estamos no começo mas o principio das épocas também contam temos de continuar a acreditar nesta equipa que não tem muitos valores individuais mas tem equipa na verdadeira ascensão da palavra, esqueçam os que foram embora lembrem-se dos que cá estão, sei que vamos fazer coisas bonitas durante a época (se nos deixarem) mas para já não me vou iludir nem pensar voos muito altos porque ás vezes a queda pode ser muito grande!
Academistas, viseenses acreditem nesta equipa, não temos ´´Ronaldos`` nenhuns no plantel mas pelo que dá para ver temos uma equipa com um coração do tamanho do mundo.
Força Académico!

Paulo Teixeira sócio 752.

domingo, 27 julho, 2014
Académicomania disse...

Força Académico!! Entrar nas competições a ganhar é sempre bom, é continuar a trabalhar e serem humildes e vão ver que vão ter sucesso.
Parabéns

domingo, 27 julho, 2014
Paulo marques disse...

Tive o prazer de ouvir o relato aqui nos Estados Unidos pela estacao diaria e tenho que dizer que pelos comentarios a equipa tem vontade. Tiago Costa um poco de forca... O Portimonense tem somente 2 semanas de trabalho e tivemos sorte o terceiro golo que caiu do ceu no momento certo alem do erro do guardiao algarvio no primeiro. Ainda bem que a sorte esta connosco, mas despedaca-mos o Portimonense? Nao induza as pessoas em erro...pedra a pedra se constroi o castelo ...

terça-feira, 29 julho, 2014