domingo, fevereiro 02, 2014

"Pra lá do Marão…mandou o Beirão" - GD Chaves 1 x 2 Ac. Viseu FC

GD Chaves 1-2 Ac. Viseu FC
“Pra lá do Marão…mandou o Beirão"



Numa tarde de fria na cidade de Chaves, os academistas venceram os flavienses por 1-2, devolvendo o resultado averbado no Fontelo na 1ªvolta da prova, a favor dos transmontanos.

O mister Ricardo Chéu procedeu a duas alterações no onze inicial. Thiago Pereira substituiu o capitão Cláudio, que tinha visto o 5ºamarelo na prova frente ao Farense. Tiago Costa foi a surpresa, ocupando a faixa esquerda em detrimento de Ricardo Ferreira. 


Estádio Municipal Engº Manuel Branco Teixeira, 2 de fevereiro de 2014
28ª Jornada da Liga 2 Cabovisão
Árbitro: Pedro Ferreira (Braga)

Chaves: Nuno Dias; João Góis, Miguel Carlos, Luís Carlos (Arnold, 71) e Nélson Lenho; Ricardo Chaves, João Fernandes (Mário Mendonça, 57), Tengarrinha e Clayton (Sérgio Organista, 67); Luís Pinto e Luís Barry. Treinador: Quim Machado.

Ac. Viseu: Ricardo Janota; Tomé, Paulo Monteiro, Thiago Pereira e Tiago Costa; Capela (Ibraima, 67) e João Alves; João Martins, Bruno Loureiro e Luisinho (Leonel, 63); Cafú (Fausto Lourenço, 84). Treinador: Ricardo Chéu.


Golos: Cafú 49 (0-1), João Alves 66 (0-2), Ricardo Chaves 72 (1-2)

Foi uma partida verdadeiramente bem disputada, e quem se deslocou ao estádio ficou certamente satisfeito dado o bom futebol praticado esta tarde. No primeiro tempo, registaram-se algumas oportunidades de golo para cada lado. Para o Desportivo local, a jogada mais perigosa foi através dum pontapé de canto de Luís Pinto ao qual Barry, com um remate de cabeça, contou com a excelente oposição de Ricardo Janota. Na resposta academista, João Alves rematou ao poste da baliza defendida por Nuno Dias, isto antes do falhanço de Thiago Pereira, que podia ter feito bem melhor, sem a oposição dos adversários. Por volta da meia hora de jogo, Bruno Loureiro por muito pouco não inaugurou o marcador com um remate à meia volta.

O segundo tempo continuou agitado, com os pupilos de Ricardo Chéu a demonstrarem sempre vontade de vencer o jogo, para gaudio dos viseenses que se deslocaram até Chaves. Se me permitem, é uma boa sensação esta. O primeiro tento forasteiro surgiu mesmo e por Cafú aos 48min, que dentro de área desfeiteou o guardião flaviense com remate rasteiro. Era a festa dos adeptos do Ac. Viseu, principalmente da sua pequena grande claque que nunca se cansou de cantar e puxar pela equipa. Aos 63min, entra Leonel para o lugar de Luisinho que voltou a agitar a partida, com a sua velocidade e finta rápida. E foi sem surpresa que o 2ºgolo surgiu por João Alves pouco tempo depois aos 65min, após uma desmarcação excelente do colega de equipa (Cafú?). Destaque para o médio academista, natural de Chaves, que optou por não festejar o golo academista em sinal de respeito ao clube que o formou.

A equipa da casa reagiu e ainda reduziu por Ricardo Chaves aos 72min, num golpe de cabeça após a cobrança de um livre lateral. Até final, o chuveirinho natural para a área academista foi sempre bem resolvido pela equipa viseense, que voltou a demonstrar um espirito de entreajuda extraordinário.

Vitória justíssima do Académico, com três pontos muito importantes, principalmente por ser fora do Fontelo. Recordamos que o Ac.Viseu ainda não tinha vencido fora de portas esta temporada. Aliás não vencia na condição de forasteiro para a 2ªLiga (antiga Liga de Honra) há 32 jogos.

Próxima ronda é frente ao U.Madeira no próximo domingo no Fontelo pelas 15h. Pedimos o apoio de todos, esta equipa merece, sem dúvida!!! Juntos somos mais fortes!!!
Força Académico!!!
João Monteiro

15 comentários:

Anónimo disse...

Ainda querem o Alvaro Magalhães no Académico??? ahahahahah.....

domingo, 02 fevereiro, 2014
562 disse...

Grande Académico!!
Já estava a tardar...
Sem grandes comentários, e após uma vitória na casa de um adversário "do seu campeonato", quero apenas dar os parabéns a todo o universo do CAF. Foi uma grande conquista, hoje. Penso, ainda, que assegurou a manutenção, e isso é que interessa.

Fica só aqui o apontamento para a desadequação do 1º comentário deste tópico. Após uma vitória destas, não tinha mais nada para dizer??? E o senhor? Quem é que queria? Agora dá-lhe vontade de rir... E na altura em que se falava disso? Tinha assim tantas razões para se rir?

O que interessa é que são 13 pontos em 5 jogos.

Parabéns a todos! Para o próximo jogo, acho que se adequa uma campanha de distribuição de bilhetes ou convites para o Fontelo poder encher. A equipa merece. Fica à consideração da direcção.

domingo, 02 fevereiro, 2014
Anónimo disse...

Parabéns Académico! A partir de hoje vamos fazer mais pontos fora de casa e continuar muito fortes em casa...
Força equipa!! Continuem assim!!

domingo, 02 fevereiro, 2014
Costa disse...

Mais do que a primeira fora de casa (Ufa!...Estava a ver que não!...) a vitória de hoje significa que o Académico terá, finalmente, encontrado a sua regularidade em termos exibicionais e de resultados. Terá sido? Espero que sim! Vamos Académico! A quantos pontos estamos do 3.º lugar? Eh! Eh!

domingo, 02 fevereiro, 2014
Anónimo disse...

Sempre me pareceu que o Académico tem um dos melhores planteis desta liga. O que faltava claramente, era a equipa ter confiança nas suas capacidades e jogar cara cara com qualquer equipa.

Vejam-se as substituições feitas hoje pelo Ricardo Cheu(quando já estava em vantagem): em nenhuma delas recuou a equipa de forma evidente. Com o FM, em qualquer 2ª parte fora, bastaria estar 0-0, para começar a recuar a equipa, tirando homens da frente para jogar com 10 defesas.

Domingo, mais uma vitória.


Miguel

domingo, 02 fevereiro, 2014
Anónimo disse...

Grande exibição do a académico hoje em chaves! Fomos sem duvidas a melhor equipa em campo, ficaram por se marcar mais golos, porque tivemos ocasiões pra isso! Se o chaves pelo seu treinador assumiu que queria a subida de divisão, pelo que vi, digo que esta mais perto o académico de o fazer do que o chaves, e isso ficou demonstrado em campo! Pois ficamos so com menos um ponto do que o chaves! Mas foi um aparte, resumindo, grande entrega, União e ambição de ganhar o jogo, finalmente! Ja em Tondela, tinhamos sido melhores, mas hj nao so fomos melhores como de uma vez por todas, as bolas entraram! Os nossos jogadores estao num grande momento de forma, todos sem exceção, Parabens a todos os intervinientes! Domingo la estarei a apoiar! Quero ver o Fontelo com imensa gente!!

domingo, 02 fevereiro, 2014
Anónimo disse...

Campeonato Nacional da 2ª Liga
28ª Jornada, 02 de fevereiro de 2014 – Estádio Municipal de Chaves
Desportivo de Chaves - 1; Ac. Viseu – 2

Ricardo Janota na Baliza,
Tiago Costas, Pereira, Paulo Monteiro, Tomé,
Bruno Loureiro, João Martins, João Alves e Capela;
Luisinho e Cafú.
Entraram na 2ª parte: Ibraima; Leonel e Fausto para os lugares de, Luisinho, Capela e Cafú

Marcadores: Luisinho, Leonel e Fausto.

Treinador: Ricardo Chéu
(Retirado do Zerozero, pois não presenciei o jogo)

Mais um jogo, mais uma vitória, começa a ser a rotina do Académico. A equipa respira confiança e quando assim é, as coisas acabam por correr bem. Foi assim que escrevi no último jogo, e no anterior a esse, e hoje volto a dizê-lo, e com mais propriedade, ainda, pois, hoje, a vitória foi conseguida fora de casa, algo que já não acontecia há muito tempo, e ainda não tinha ocorrido durante o presente campeonato da 2ª Liga.
Neste momento, o Académico tem o maior número de vitórias em casa, e obteve, hoje, a 1ª vitória fora de casa. Com o nº de vitórias conseguido em casa e com uma prestação média a esse nível fora de casa (3 ou 4 vitórias, por exemplo, nada de especial), estaria nesta altura a lutar pela subida à 1ª divisão do futebol português.
Há que continuar com a cabeça bem levantada, com a humildade e o querer ganhar que a equipa tem demonstrado em todos os jogos, e falemos claro, o Académico nos últimos 10 jogos mereceu ganhar praticamente todos eles, tendo obtido a vitória em apenas 6, nos restantes 4, perdemos nos Açores, não vi o jogo e admito que a derrota tenha sido merecida, mas nos restantes 3 jogos, Tondela, Moreirense e Braga, o Académico jogou melhor do que o seu adversário, teve mais ocasiões de golo e merecia a vitória
O Académico estava a jogar bem, com algumas intermitências nos jogos fora de casa, e teve tremenda falta de sorte no jogo com o Moreirense e depois com o Braga B. Filipe Moreira tinha a equipa, já nessa fase a jogar bem, mas os resultados aí, nesses 2 jogos, falharam redondamente e Ricardo Chéu teve o mérito de chegar aproveitar o que de bom a equipa tinha e na fase em que pegou na equipa, (sejamos sérios a equipa nada tinha a ver com o Académico de inicio de época), dar o Ânimo devido aos jogadores, chegar com um discurso que todos entusiasmou dizendo que queria uma Académico a jogar da mesma fora em casa e fora, e isso na altura pode ter parecido conversa de circunstância, mas não foi e logo no jogo de Tondela o Académico mostrou ao que ia e não ganhou por manifesta infelicidade e pela grande exibição do guarda-redes do Tondela.
Hoje, esta vitória é fabulosa, vem numa altura em que dá continuidade aos excelentes resultados obtidos, a poucos dias do jogo com o Benfica em casa que poderá representar uma grande moldura humana no Fontelo, com a devida promoção que tem de ser feita, desde já, por todos nós, Direcção, Sócios e Adeptos, no facebook, por e-mail, com cartazes pela cidade, etc., etc.. Proponho que a direcção dê a cada sócio a possibilidade de adquirir, antecipadamente, na sede, na LOJA do Palácio do GELO, temos de rentabilizar melhor esse espaço para promoção do ACADÉMICO, ou na bilheteira, um ou mais convites para o jogo com o Benfica B a um preço reduzido, por exemplo 4 ou 5 Euros, de modo a que cada associado possa dar a um amigo, a um conhecido e assim levar, se calhar, pela primeira vez em muitos anos, potenciais novos adeptos e Sócios ao Fontelo.

(Continua)

Carlos Silva

domingo, 02 fevereiro, 2014
Anónimo disse...

(Continuação)



Achava bem que se insistisse também numa campanha de angariação de Sócios, dizendo por exemplo, seja Sócio com todas a quotas pagas até Junho, por apenas 25 Euros e assista a todos os jogos até ao final da época, incluindo o Benfica e o Sporting no Estádio do Fontelo de forma gratuita.
Temos de aproveitar esta onda positiva para solidificar a nossa posição e para engrandecer o nosso querido Clube.

Hoje, não vi o jogo, pois não tive possibilidade de me deslocar a Chaves, e por isso não vou falar daquilo que não presenciei, no entanto pelas crónicas do jogo, tudo leva a crer que tenha sido mais uma exibição personalizada do Académico com uma vitória mais do que merecida.

Ricardo Chéu deve manter a sua postura serena e tranquila, e todos em seu redor devem preocupar-se apenas e só em ajudá-lo naquilo que ele pedir de modo a consolidar o trabalho desenvolvido.

Faltam 2 vitórias para assegurar em definitivo o 1º objectivo da época, vamos tudo fazer para as obter o mais rapidamente possível, e depois vamos àquele campeonato de que já falei há algumas jornadas atrás, o Campeonato Regional, Académico, Tondela, Beira-Mar e Covilhã. Já passámos o Beira-Mar, falta alcançar o Covilhã e depois o Tondela.



VAMOS TODOS APOIAR O ACADÉMICO!


Nós Somos o Académico!

Sê Sócio e traz um amigo!

Força Académico!
Força Ricardo Chéu

Carlos Silva

domingo, 02 fevereiro, 2014
ribeiro disse...

não entendi o comentário a perguntarem se queríamos o alvaro magalhaes no nosso clube deixem o estar em Tondela que esta muito bem. relativamente a jogo foi uma vitoria justa da melhor equipe em campo. agora vou falar das pessoas de chaves, ótimas pessoas que sabem receberem bem as pessoas de fora, ao contrários de outras equipes.

domingo, 02 fevereiro, 2014
Paulo Teixeira disse...

Já não há palavras para qualificar esta equipa, hoje voltamos a viver uma grande tarde de futebol com o nosso Académico a dar-nos uma alegria do tamanho de sei lá o quê!
Pessoalmente foi como um matanço do borrego pois em 5 jogos com esta equipa transmontana o melhor que tinha visto foi um empate a uma bola há já alguns vinte anos atrás, o resto foram derrotas a ultima das quais no Restelo para o apuramento do campeão.
Como já escrevi na quarta-feira o mais dificil está feito agora é assentar bem os pés na terra e continuar a nossa boa senda de resultados, hoje a diferença para com o lugar que dá descida aumentou, agora cifra-se em 13 pontos o que para já dá uma boa tranquilidade mas por favor nunca tirar o pé do acelerador pois o resto do calendário do corrente mês é para levar muito a sério.
A primeira vitória fora está conseguida, foi um longo jejum (a ultima remontava a 30 Março de 2013, vitória por 2-1 em Coimbrões) que podia ter sido quebrado á muito, ás vezes por uma falta de sorte gritante, outras por erros do nosso antigo timoneiro enfim, nós merecemos este momento, Domingo vais ser outra batalha desta longa guerra, apelo a todos academistas que preencham ao máximo o nosso Fontelo, raios, por andam aqueles que enchiam ou deixavam aquelas bancadas bem compostas há cerca 15, 20 anos atrás vamos lá á bola pessoal que esta equipa merece ser acarinhada!

Paulo Teixeira sócio 752 a sofrer com o Académico desde 1982 e com um orgulho do tamanho do mundo.

domingo, 02 fevereiro, 2014
Anónimo disse...

Acabem com as comparações. Este Académico é ganhador, joga para a frente, procura vitórias, em casa e fora. É um outro Académico!

Agora é preciso a outra parte, que a cidade de Viseu se una em volta do clube e encha o Fontelo, já no próximo jogo.
Este Académico é um ganhador, finalmente!
Bom técnico, com muito "dedo" para ver bem o jogo e agir. Até agora, só substituições bem feitas e no devido tempo. Estou surpreendido com tanta lucidez num jovem treinador inexperiente nesta divisão!
Muito bem, direcção do Académico! Compensou o atraso em afastar o FM com uma excelente escolha! Muito bem!
Agora há que traçar a espinha dorsal do nosso plantel para a próxima época, ir jogando jogo a jogo, vendo se é possível fazer já algo mais esta época, mas sem precipitações. O senhor Albino é um dirigente experiente, já passou por muitas coisas nestes anos todos em que salvou o clube do desaparecimento e certamente saberá se não é precipitado arriscar demasiado esta época. A nossa subida à primeira Liga vai mesmo acontecer, é uma questão de tempo, porque o senhor Albino assim pretende, mas com uma gestão equilibrada. Avançar sem uma rectaguarda forte é morte certa!
Vissenses e Beirões, domingo vamos ao Fontelo mostrar o nosso apoio à equipa e à direcção!
Académico!

domingo, 02 fevereiro, 2014
--FD disse...

Excelente resultado!

Este foi um jogo que serviu para matar dois grandes borregos: já não vencíamos fora de casa há 32 jogos e nunca tínhamos vencido em Chaves.

A equipa está com grandes níveis de confiança e neste momento está bem encaminhada para cumprir o objectivo da manutenção. Temos de continuar a fazer o nosso trabalho e de preparar bem todos os jogos pois o último terço da Segunda Liga é uma fase ainda mais complicada!

Mas acima de tudo é importante destacar a primeira vitória fora de portas nesta época desportiva - e logo contra um candidato à subida. É caso para dizer achievement unlocked :) .

Força Académico!
Rumo a mais vitórias!
EU ACREDITO!

segunda-feira, 03 fevereiro, 2014
Anónimo disse...

Vamos todos ao Fontelo no próximo jogo! Esperemos que esteja bom tempo para não afastar as pessoas do estádio. Parabéns pela vitória Académico.
Vamos agradecer estas boas exibições da equipa no domingo,apareçam.

segunda-feira, 03 fevereiro, 2014
Anónimo disse...

Queria desejar atraves deste forum as rapidas melhoras para o Capela ( N/ capitao em Chaves ,uma vez que o Claudio estava castigado ). Tambem as melhoras para o Bruno Grou e o N/ central Tiago. Com todos operacionais e a 100% seremos certamente mais Fortes. Força Grupo Destemido ! Se Pensarmos em grande e atuarmos como tal seremos grandes certamente mas sempre com uma dosesita de Humildade e respeitadora.

segunda-feira, 03 fevereiro, 2014
Anónimo disse...

O Ribeiro não percebeu que o comentário ao Alvaro Magalhães foi uma mera piada... Evidente que não o quero nem nunca o quis, mas que ele tinha uma boa falange de apoio para vir para o Académico, lá isso tinha!!! Só se fosse completamente maluco é que trocava o Paneira pelo Alvaro, a menos que haja razões que a razão desconhece...

segunda-feira, 03 fevereiro, 2014