segunda-feira, janeiro 13, 2014

Noticia de interesse Academista

Foto retirada de academicodeviseufc.com

Temos poucas ou nenhumas informações do novo jogador Academista, mas a confiar nas palavras de quem o descobriu, estamos na presença de um jovem promissor.

" Natural de Barra Mansa, nascido e criado no bairro Paraíso de Baixo, Dalbert Henrique Chagas Estevão, acaba de ser contrato pelo Flamengo.  O Lateral esquerdo de 19 anos usa bem a margem do campo, tanto para atacar como para defender, além de ser dono de excelente técnica para sua idade. 
Dalbert começou sua carreira jogando nas categorias de base do Barra Mansa Futebol Clube  a partir dos 13 anos, disputando jogos contra os grandes da capital.
No ano passado, na competição da Serie B, o Treinador do Barra Mansa também apostou na qualidade de Dalbert o lançou entre os profissionais. Dalbert, não decepcionou e deu conta do recado. O ex-zagueiro do Fluminense Emerson Figueiredo, recém chegado da Europa viu Dalbert atuando e não hesitou. Emerson indicou Dalbert ao Flamengo. Antes, porém, o lateral teve uma rápida passagem  pelo Fluminense. Na ocasião três garotos da base do Barra Mansa haviam sido emprestados ao tricolor.
Após o termino do Estadual da Serie B Dalbert seguiu para o Flamengo para um período de avaliação e adaptação. Mesmo antes do prazo estipulado ele acabou contratado pelo rubro Negro. O contrato registro sob nº 350.158, na CBF, de Dalbert com o Flamengo vai até dezembro de 2013.  Segundo Emerson Figueiredo, a partir de agora só depende dele para chegar ao time principal. “Acredito no talento do garoto. O Flamengo reconheceu as virtudes dele e ele pode explodir a qualquer momento. Embora ele não tenha sido criado em clubes da capital, isso só reforça que se houver trabalho profissional no interior – como foi feito no Barra Mansa – outros garotos irão surgir. O Dalbert vai dar certo”,afirmou Emerson. " 


"Fã das jogadas rápidas do Júnior do Atlético Mineiro e da força de Roberto Carlos, Dalbert diz que sua atuação como lateral esquerdo foi, de certa forma, influenciada pelo ex-seleção brasileira.
- O Roberto Carlos foi uma referência pra mim no futebol. Ele tinha marcação, velocidade e força e posso dizer até que isso me influenciou a passar a jogar nessa posição - disse ele.
Dalbert tem dribles fortes e boa marcação. "A capacidade física dele tende a aumentar com os recursos investidos nos jogadores que treinam em grandes times como o Flamengo. Além do acompanhamento físico e técnico no Flamengo, ele vai melhorar a qualidade da sua alimentação e terá acompanhamento nutricional diário, em consequência das mudanças de hábito que ele vai sofrer e da disciplina em que é exigida a todo jogador de clubes profissionais", explicou Emerson.
O contrato de Dalbert com o Flamengo vai até dezembro de 2013. Fato que não o impede, porém, de ser convocado a qualquer momento, para atuar na equipe principal do clube. "Só depende dele. A partir de agora, o lateral esquerdo está à disposição do time e já pode jogar", informou Emerson Figueredo. 
Dalbert está instalado em um apartamento em Vargem Grande, próximo ao Centro de Treinamento do Ninho do Urubu. A escolha do local foi feita para facilitar o acesso do jogador ao local dos treinos."

In Diário do Vale( Brasil )



15 comentários:

Viriatus disse...

Só fica mesmo a faltar um ponta de lança para ajudar a dar descanso ao excelente Cafu!

terça-feira, 14 janeiro, 2014
562 disse...

Ponta de lança??? Dêem oportinidadesao Diogo Alves e ao Bruno Grou, quando estiver apto. Na última época, marcaram, salvo erro, cerca de 15 golos cada um. Serão assim tão maus? Na minha opinião, o DA é bastante melhor do que o cafu. Quanto ao BG, como quase não jogou, não consigo aferir. No entanto, constou-se que estaria nas cogitações do braga... Há mão de obra de qualidade. À parte de alguns acertos, o plantel dá garantias. Não se invente.

terça-feira, 14 janeiro, 2014
Anónimo disse...

Dizer que algum avançado da 2ª Liga é melhor que o Cafú já é talvez um exagero, então comparar o que tem feito e dado à equipa com o Diogo Alves é mesmo de um iluminado!

terça-feira, 14 janeiro, 2014
--FD disse...

O Cafu é sem dúvida alguma dos jogadores que mais gozo me dá a ver jogar. Aquela atitude com que pauta todas as suas exibições, procurando sempre o jogo e nunca virando a cara à luta agrada a qualquer adepto pois é exactamente isso que se pretende dos jogadores. E ainda por cima marca golos! Obviamente que a idade pesa a qualquer jogador e o Cafu raramente joga durante 90 minutos mas que tem qualidade e um querer enorme, lá isso tem. Em relação ao Diogo Alves não consigo ter uma opinião formada porque vi muito poucos minutos dele. Pode ser que o mister RC coloque algumas vezes o Cafu e o Diogo Alves nos jogos fora de casa.

Relativamente ao Dalbert, desconhecia por completo o jogador - é normal visto que jogava no Brasil - mas já tive a oportunidade de ver um video e umas reportagens e parece ser um jovem com talento. Vamos lá ver se é suficiente para singrar no futebol europeu e no Académico de Viseu em particular.

terça-feira, 14 janeiro, 2014
Anónimo disse...

http://www.zerozero.pt/jogador.php?id=48865&epoca_id=0

Este é o ponta que falta para dar descanço ao cafu, ao que consta desvinculou-se do tondela.

Jogos fora de casa com cafu e tozé na frente, bola longa e deixem passar estes dois cavalos. UI, era lindo.

PS- Para quando umas renovaçoes? É altura de segurar alguns jogadores antes que desapareçam.
Fica o Aviso.

FORÇA VISEU!!

terça-feira, 14 janeiro, 2014
Anónimo disse...

Haverá certamente Clubes da Primeira Liga que vai comprar alguns jogadores
como Luisinho, João Alves, João Martins, Bruno Loureiro e outros? ........
Sr. Albino Silva poderia encher os cofres do clube.

terça-feira, 14 janeiro, 2014
562 disse...

A um dos anónimos: certamente o senhor perceberá mais de futebol do que eu. Mas, cinicamente, chamar-me iluminado só por ter uma opinião diferente da sua extravaza o seu direito. Na minha opinião, e ressalvo, o DA é melhor jogador do que o cafu. O cafu é um finalizador que não segura jogo de costas para a baliza, não lateraliza e não dá largueza ao jogo. Limita-se a finalizar. O DA é um jogoador que se adapta mais AOS MEUS PARÂMETROS E AOS MEUS GOSTOS PESSOAIS. O cafu é útil, sim senhor. Não disse o contrário, embora seja o mesmo trapalhão de sempre e falhe muitos golos. Certo é que não marcaria os golos que marca se jogasse 10 minutos por jogo. Portanto, acho que o senhor das lâmpadas é o caro anónimo. Eu apenas me limito a dar uma opinião e a sustentá-la.

terça-feira, 14 janeiro, 2014
Anónimo disse...

Peço desculpa se o termo o ofendeu.

Mas dizer que sustenta a opinião com "O cafu é um finalizador que não segura jogo de costas para a baliza, não lateraliza e não dá largueza ao jogo" quando todas a bolas batidas na frente são para o Cafú receber de costas para a baliza junto à linha... para não dizer que (enquanto há frescura como é claro) o Cafú passa o jogo a descer ao meio-campo defensivo e a cair nas linhas, se não vê isso desculpe mas não deve ver muito jogos do Académico.

terça-feira, 14 janeiro, 2014
Anónimo disse...

Faço minhas as palavras dos 2 academistas que perguntam pelas renovações.
Julgo que no inicio do ano, vi uma qualquer noticia que dava conta que todos os jogadores do nosso plantel só estariam a fazer contratos de 1 ano. Este que entrou hoje também é nos mesmos moldes.

Se realmente assim for, julgo que será difícil manter os melhores jogadores do plantel no final da época. Além de que não poderemos encaixar receita, principalmente no caso de jogadores jovens como o Luisinho, Loureiro, Janota ou Martins, que concerteza estarão a ser cobiçados.

Miguel

terça-feira, 14 janeiro, 2014
--FD disse...

De facto é pertinente a questão da duração dos contratos e dos jogadores mas penso que perante o facto de o Académico estar a fazer agora a sua primeira época nos campeonatos profissionais (após uma longa pausa) e de a sua continuidade ou não ser ainda uma incógnita (todos os academistas esperam que a manutenção seja uma realidade mas a verdade é que nada está garantido) fez com que se optasse por contratos com a duração de apenas uma época desportiva - pelo menos foi mais ou menos esta a explicação do Presidente do nosso clube quando foi abordado sobre essa questão no início da presente época. Salvo erro a única excepção relativamente à duração do contrato é do João Alves que tem dois anos de contrato.

Mas sim, se houver margem para tal, penso que seria interessante pensar em algumas renovações de jogadores que têm potencial noutros campeonatos.

terça-feira, 14 janeiro, 2014
Paulo Teixeira disse...

Como todos os zucas que não são conhecidos das duas uma ou é um grande barrete ou é um grande craque espero pela segunda hipotese.
Benvindo ao melhor clube do mundo!

Paulo Teixeira sócio 752 a sofrer com o académico desde 1982.

quarta-feira, 15 janeiro, 2014
Anónimo disse...

Pode ser um novo Bruma, contratem-no por 5 anos já.
Sr. Albino não tenha receio o rapaz vai render milhões.


Rui Carlos

quinta-feira, 16 janeiro, 2014
Anónimo disse...

é possível que esse cara poderia se tornar um grande jogador, neste caso, um contrato de dois anos seria ótimo.
Sr. Presidente deve começar a pensar estender certos contratos .......

sexta-feira, 17 janeiro, 2014
Anónimo disse...

Que grande et bon jogadore de futebol, vai ser complicado de o guardar en viseu?

sexta-feira, 17 janeiro, 2014
Anónimo disse...

Que grande et bon jogadore de futebol, vai ser complicado de o guardar en viseu?

sexta-feira, 17 janeiro, 2014