segunda-feira, dezembro 16, 2013

Análise Individual: João Martins “man of the match”

João Martins – 4 – Um jogador com recorte técnico superior, neste desafio fez duas assistências de pura classe. Além disso pôs em prática a intensidade de jogo necessária para vencer qualquer adversário. Exibição de luxo. O escolhido, pela equipa da magia, para o título de “man of the match” deste desafio.



(foto retirada do zerozero)
Ricardo Janota – 3 - Teve papel importante em manter a baliza inviolada até ao final do desafio, com duas intervenções de bom nível.


Tiago Rosa – 3 – Exibição certinha nos primeiros 45min. Saiu ao intervalo, ele que esteve em dúvida para este desafio, devido a lesão.
Tiago Gonçalves – 4 – Mais uma grande exibição do central academista. Mas que grande época está a fazer.
Cláudio – 4 – Mais um jogo categórico do capitão academista. Intransponível no jogo aéreo, sublime a comandar.
Marco Lança – 4 – Exibição personalizada e muito segura do nosso lateral esquerdo. O primeiro golo academista sai dos seus pés, com um cruzamento magnífico. Defensivamente impecável.

Ibraima - 3 - Um ou outro lance menos conseguido, não põe em causa o equilíbrio que transmite à equipa. O pilar academista.
Bruno Loureiro – 4 – Mais um jogo combativo por parte do maestro. Fez ainda o gosto ao pé, a coroar uma exibição magnífica. Levou o 5ºamarelo que o afasta da partida com o Moreirense.
Luisinho – 3,5 – Não meteu Jorge Ribeiro com as orelhas arder, mas mesmo assim deu muito que fazer ao seu opositor. Irrequieto e com a magia a seus pés, podia ter feito o gosto ao pé já perto do final da partida.
Zé Rui – 4 – Um jogo muito bom do extremo do Ac.Viseu. Taticamente eficaz, fez as suas arrancadas quando as tinha que fazer, e marcou mais um golo de levantar o estádio.
Cafú – 4 – Muita luta, garra e dedicação. O golo abrir o desafio empolgou-o ainda mais. Palmas mais que merecidas para o nosso Cafú, aquando da substituição. Com 7 golos, será o melhor marcador academista de 2013. O Fontelo verga-se orgulhosamente perante este jovem de 36 anos.
Tomé – 2,5 – 45min em campo, entrando para o lugar de Tiago Rosa. Solto a subir no terreno, com combinações sucessivas com Luisinho. Atacar é claramente a sua praia.
João Alves – 2,5 – Entrou para o lugar do amarelado Bruno Loureiro. Mostrou que quer ser a alternativa ao nosso maestro no jogo frente ao Moreirense. Bons pormenores de luta e entrega ao jogo.
Diogo Alves – 0,5 – Entrou já perto do fim. Pouco acrescentou.

2 comentários:

Anónimo disse...

gostaria de dar uma sugestao, era bom se conseguissem ir informando os adeptos acerca do boletim clinico e dos jogadores indisponiveis por castigo ou em risco de 5 cartoes antes dos jogos e durante a semana.

saudaçoes academistas,joao

terça-feira, 17 dezembro, 2013
Paulo Teixeira disse...

Uma agradavel surpresa este João Martins, agora lindo era o seu mano vir jogar para Viseu uma vez que anda á procura de clube, mas isto sou eu a sonhar!

quarta-feira, 18 dezembro, 2013